Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/63806
Title in Portuguese: A tradução de sintagmas nominais por bilíngues com inglês como L2
Author: Miranda, Daniele Lima
Advisor(s): Toassi, Pâmela Freitas Pereira
Keywords: Estudos da Tradução
Inglês como L2
Psicolinguística do bilinguismo
Translation Studies
English as L2
Psycholinguistics of bilingualism
Issue Date: 2021
Citation: MIRANDA, Daniele Lima. A tradução de sintagmas nominais por bilíngues com inglês como L2. Orientadora: Pâmela Freitas Pereira Toassi. 2021. 127 f. Dissertação (Mestrado em Estudos da Tradução) – Programa de Pós-graduação em Estudos da Tradução, Centro de Humanidades, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2021.
Abstract in Portuguese: Quando uma tradução é realizada, a principal preocupação é a de que o texto-alvo tenha o mesmo significado do texto-fonte. No entanto, a manutenção da estrutura sintática também pode ocorrer, especialmente quando se trata de tradutores não profissionais. Nesta pesquisa, o principal objetivo foi analisar como os bilíngues com inglês como língua estrangeira costumam traduzir sintagmas nominais com efeito de posse entre substantivos. Também objetivamos: (1) investigar que construção sintática os bilíngues utilizam em traduções de sentenças com sintagma nominal que apresentam relação de posse entre os substantivos; (2) examinar se os bilíngues são capazes de reproduzir o sintagma nominal não preposicionado na tradução alvo com sintagma nominal com relação de posse entre os substantivos no sentido L1→ L2; e (3) analisar se há diferença significativa nas escolhas sintáticas e no tempo de resposta nas diferentes fases do estudo. O embasamento teórico deste estudo tem como eixos fundamentais os seguintes temas: (1) estudos da tradução, (2) Psicolinguística do bilinguismo, (3) priming sintático e (4) sintagma nominal. Para alcançar os objetivos apresentados, realizamos um experimento que incluía um pré-teste, duas tarefas de tradução e um pós-teste, com 20 alunos do Ensino Médio de escolas públicas do Estado do Ceará, que cursam língua inglesa como L2 no Centro Cearense de Idiomas. As tarefas de tradução do experimento utilizaram o paradigma de priming sintático como estratégia pedagógica e a estrutura pesquisada foi o sintagma nominal com relação de posse entre substantivos. Os instrumentos desta pesquisa foram: termo de consentimento; termo de assentimento; pré-teste, duas tarefas de tradução e pós-teste aplicados no software PsyToolkit (STOET, 2010, 2017); teste de conhecimento de vocabulário de língua inglesa; e questionário biográfico e linguístico. Os resultados apontaram que os participantes foram capazes de utilizar mais vezes a mesma estrutura sintática das traduções prime na produção de suas traduções, assim como em Resende, Cowan e Way (2020) e Maier (2008) nas tarefas de tradução. As análises estatísticas no RStudio, por meio do Modelo Linear Misto Generalizado e do Modelo Linear Misto, mostraram que houve redução do custo no processamento da língua inglesa no pós-teste. Estas conclusões podem indicar que houve aprendizagem implícita da estrutura sintática pesquisada e que a tradução pode ser uma boa ferramenta pedagógica no ensino-aprendizagem de língua estrangeira, especialmente quando se trata de aspectos gramaticais.
Abstract: When a translation is performed, the main concern is that the target text has the same meaning as the source text. However, syntactic structure maintenance can also occur, especially when dealing with non-professional translators. In this research, the main objective was to analyze how bilinguals with English as a foreign language usually translate noun phrases with possession effect between nouns. We also aimed to: (1) investigate which syntactic construction bilinguals use in translations of sentences with noun phrases that present a relationship of possession between nouns; (2) examine whether bilinguals are able to reproduce the noun phrase not prepositioned in the target translation with noun phrase with possession relation between nouns in the sense L1→ L2; and (3) analyze whether there is a significant difference in syntactic choices and response time in the different phases of the study. The theoretical basis of this study is based on the following themes: (1) translation studies, (2) Psycholinguistics of bilingualism, (3) syntactic priming and (4) noun phrases. To achieve the presented objectives, we carried out an experiment that included a pre-test, two translation tasks and a post-test, with 20 high school students from public schools in the State of Ceará, who were studying English as L2 at Centro Cearense de Languages. The translation tasks of the experiment used the syntactic priming paradigm as a pedagogical strategy and the researched structure was the noun phrase with relation of possession between nouns. The instruments of this research were: consent form; term of consent; pre-test, two translation tasks and post-test applied in the PsyToolkit software (STOET, 2010, 2017); English language vocabulary knowledge test; and biographical and linguistic questionnaire. The results showed that the participants were able to use more times the same syntactic structure of the prime translations in the production of their translations, as well as in Resende, Cowan and Way (2020) and Maier (2008) in the translation tasks. Statistical analyzes in RStudio, through the Generalized Mixed Linear Model and the Mixed Linear Model, showed that there was a reduction in the cost of processing the English language in the post-test. These conclusions may indicate that there was implicit learning of the researched syntactic structure and that translation can be a good pedagogical tool in foreign language teaching-learning, especially when it comes to grammatical aspects.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/63806
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:POET - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2021_dis_dlmiranda.pdf1,25 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.