Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/48145
Title in Portuguese: Estudos fitogeográficos no gênero Campomanesia Ruiz & Pavón para a região nordeste do Brasil (Myrtaceae Juss.)
Author: Ricarte, Derek Alves
Advisor(s): Costa, Itayguara Ribeiro da
Keywords: Modelagem de nicho ecológico
Myrtaceae
Campomanesia
distribuição geográfica
Nordeste
Issue Date: 2017
Citation: RICARTE, Derek Alves. Estudos fitogeográficos no gênero Campomanesia Ruiz & Pavón para a região nordeste do Brasil (Myrtaceae Juss.). 2017. 47 f. Trabalho de conclusão de curso (Graduação em Ciências Biológicas) – Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2017.
Abstract in Portuguese: É fundamental determinar quais os padrões de distribuição relativos as espécies, porque, sabendo disso, poderemos entender como os problemas ambientais estão afetando a biodiversidade no planeta. Além disso, tal conhecimento é importante para a definição de áreas que podem ser consideradas prioritárias para a conservação. Com esse intuito, alguns grupos de organismos representativos são utilizados para avaliar tais áreas prioritárias, dentre eles, Myrtaceae. As áreas de maior riqueza e diversidade da família estão ameaçadas por problemas decorrentes da ação antrópica, especialmente no nordeste brasileiro. Considerando os levantamentos anteriores de distribuição e identificação do gênero Campomanesia, foi levantada a hipótese de que o gênero apresenta distribuição associada a Mata Atlântica litorânea e aos seus fragmentos. Neste contexto, este trabalho visa esclarecer: 1) quais os padrões de distribuição para as espécies do gênero Campomanesia presentes na região nordeste e 2) quais as áreas de maior riqueza e diversidade das espécies de Campomanesia na região. Foram selecionadas 14 espécies que possuem distribuição reportada para a região. Os dados de distribuição geográfica das espécies foram obtidos através da plataforma online do CRIA (Centro de Referência de Informações Ambientais). A partir dos dados, foram calculadas a riqueza e a diversidade de espécies na região nordeste, além de ser executada uma análise de similaridade de distribuição. Os padrões fitogeográficos e a distribuição das espécies encontrados foram descritos e comparados com trabalhos anteriores. Constatou-se que o gênero se distribui ao longo das quatro províncias fitogeográficas reportadas para o nordeste. A modelagem ecológica de nicho para o presente revelou que as espécies podem apresentar distribuição maior do que a conhecida atualmente. Também foram elencados dois grupos principais de similaridade de distribuição de espécies, A e B, e duas espécies não se encaixaram em nenhum dos dois grupos. O grupo A apresenta padrão de distribuição na Província Atlântica e em fragmentos de Mata Atlântica em serras úmidas ou em brejos de altitude. O grupo B se apresenta na Bahia, na Chapada Diamantina e na região de Mata Atlântica do estado, e no Piauí. Os centros de riqueza e diversidade do gênero predominam nos estados da Bahia, Rio Grande do Norte e Paraíba, geralmente em ecótonos ou em zonas com baixa sazonalidade e elevados índices de precipitação.
Abstract: It is crucial to determine the distribution patterns of species, because knowing that we can understand how environmental problems are affecting biodiversity on the planet. In addition, such knowledge is important for the definition of areas that can be considered a priority for conservation. For this purpose, some groups of representative organisms are used to evaluate such priority areas, among them, Myrtaceae. The areas of greater richness and diversity of the family are threatened by problems arising from anthropic action, especially in the Brazilian northeast. Considering the previous surveys of the distribution and identification of the genus Campomanesia, it was hypothesized that the genus has a distribution associated with the coastal Atlantic Forest and its fragments. In this context, this work aims to clarify: 1) the distribution patterns for the species of the genus Campomanesia present in the northeast region and 2) the areas of greatest richness and diversity of the species of Campomanesia in the region. A total of 14 species that have reported distribution to the region were selected. The geographic distribution data of the species were obtained through the online platform of the CRIA (Environmental Information Reference Center). From the data, the richness and the diversity of species in the northeast region were calculated, besides being executed distribution similarity analysis. The phytogeographic patterns and the distribution of the species found were described and compared with previous works. It was found that the genus is distributed throughout the four phytogeographic provinces reported to the northeast. The ecological niche modeling for the present revealed that the species may have a larger distribution than is currently known. Two major species distribution similarity groups, A and B, were also listed, and two species did not fit into either group. Group A presents a distribution pattern in the Atlantic Province and fragments of the Atlantic Forest in humid or moist mountain ranges. Group B is present in Bahia, Chapada Diamantina and in Atlantic forest region of this state, and in Piauí. The centers of richness and diversity of the genus predominate in the states of Bahia, Rio Grande do Norte and Paraíba, generally in ecotones or in areas with low seasonality and high precipitation rates.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/48145
metadata.dc.type: TCC
Appears in Collections:CIÊNCIAS BIOLÓGICAS - BACHARELADO - Monografias

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_tcc_daricarte.pdf826,06 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.