Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/33209
Title in Portuguese: A tradução de contratos de distribuição no par de línguas inglês-português: uma análise funcionalista e terminológica
Author: Costa, José Helder de Lima
Advisor(s): Santiago, Márcio Sales
Co-advisor(s): Romão, Tito Lívio Cruz
Keywords: Estudos da Tradução
Abordagem funcionalista
Terminologia
Translation studies
Functionalist approach
Terminology
Issue Date: 2018
Citation: COSTA, José Helder de Lima. A tradução de contratos de distribuição no par de línguas inglês-português: uma análise funcionalista e terminológica. 2018. 276f. — Dissertação (Mestrado) — Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-graduação em Estudos da Tradução, Fortaleza (CE), 2018.
Abstract in Portuguese: No contexto da comunicação especializada, os Estudos da Tradução vinculam-se estreitamente ao progresso da língua e da manifestação cultural. Por isso, o conhecimento exigido do tradutor vai além do domínio linguístico, principalmente quando o encargo tradutório requer um texto alvo adequado à realidade cultural do público alvo. Com base nessa constatação, nossa pesquisa tem como objetivo geral avaliar a prática tradutória por meio de um modelo sequenciado de análise crítica da tradução de contratos de distribuição na direção inglês-português, utilizando a Abordagem Funcionalista (REISS; VERMEER, 1996; NORD, 2012, 2016) e a Terminologia (CABRÉ, 2004; KRIEGER; FINATTO, 2004). Especificamente, objetivamos constatar se em face do encargo de tradução, os tradutores, independentemente da sua formação e prática profissionais, utilizavam, mesmo que de forma intuitiva, o modelo analítico (NORD, 2016); averiguar se seria possível fazermos uma análise crítica das escolhas tradutórias baseada no funcionalismo com um viés terminográfico; e propor um referencial teórico para auxiliar os tradutores profissionais na sua prática tradutória. Para alcançarmos tais objetivos, utilizamos os seguintes passos metodológicos: análise dos fatores extratextuais e intratextuais de quatro contratos de distribuição e cotejo com suas respectivas traduções à luz da Abordagem Funcionalista; crítica da tradução por meio da análise das escolhas tradutórias de termos e de unidades fraseológicas que eram recorrentes em pelo menos dois dos quatro contratos traduzidos, confrontando tais escolhas com suas respectivas definições terminográficas equivalentes em face do encargo de tradução. Durante o processo de análise, foi possível constatar a existência de particularidades oriundas do sistema jurídico da common law, como por exemplo, a existência de cláusula definidora de termos específicos que compunham o contrato original; observamos também que muitas escolhas tradutórias se basearam na estrita observância das convenções de gênero e de tipo textual, como por exemplo, a preservação do termo original “artigo” como tradução literal de article, ao invés da substituição por “cláusula”. Por outro lado, observou-se, durante a análise pelo viés terminológico, que os tradutores possuíam domínio linguístico e conhecimento acerca das variações lexicais na terminologia bilíngue, e estavam atentos aos fatores extra e intratextuais, dentre eles, o emissor, o público as pressuposições, o léxico e a sintaxe, já que suas traduções se adaptaram ao público alvo, conforme o requerido pelo encargo tradutório, quando este exigiu adaptações do texto alvo à realidade cultural do público alvo, como por exemplo, a tradução de company como “empresa”, ao invés de “sociedade comercial”; ou a tradução de inventory como sendo “estoque”, ao invés de “inventário”.
Abstract: Within the field of specialized communication, Translation Studies are closely linked to the progress of language and cultural manifestation. Therefore, the required knowledge of the translator goes beyond the linguistic domain, especially when the translation purpose is to produce a target text suitable to the target audience’s cultural reality. Based on this finding, our research aims at evaluating the translation practice through a sequential model of text analysis of English-to-Portuguese distribution agreement translation by applying Functionalist Approach (REISS, VERMEER, 1996; NORD, 2012, 2016) and Terminology (CABRÉ, 2004; KRIEGER; FINATTO, 2004). Specifically, we aimed to verify whether translators, regardless of their professional training and practice used, even if intuitively, the analytical model (NORD, 2016) to investigate whether it would be possible to make critical analysis of translation choices based on functionalism with a terminological approach; and propose a theoretical framework to aid professional translators with their practice. To achieve the said objectives, we made the following methodological steps: analysis and comparison of the extratextual and intratextual factors of four distribution agreements and their respective translations in light of the Functionalist Approach; translation criticism through the translation choices analysis of terms and phraseological units that were recurrent in at least two of the four translated contracts, confronting such choices with their equivalent terminological definitions based on the translation purpose. During our analysis, we could verify the existence of common law legal systems particularities, such as the existence of clauses defining specific terms in the original contracts; we also noted that many translation choices were based on strict observance of gender and textual conventions, such as the preservation of the original term “artigo” as a literal translation of article, rather than a “cláusula”. On the other hand, during the terminological analysis, we observed that the translators possessed a linguistic domain and knowledge about the lexical variations in bilingual terminology, and were aware of the extra and intratextual factors, such as the audience, the place, the presuppositions, the lexicon, and the syntax, since their translations fit into the target public, as required by the translation purpose, when adaptations of the target text to the cultural reality of the target audience were required, for example, the translation of company as “empresa”, rather than “sociedadecomercial”; or the translation of inventory as “estoque”, rather than “inventário”.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/33209
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:POET - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_dis_jhlcosta.pdf4,89 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.