Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/15294
Title in Portuguese: Características sociodemográficas associadas à probabilidade de reincidência das infrações de trânsito por motociclistas
Author: Silva, Regina Ferreira e
Advisor(s): Soares, Ricardo Brito
Keywords: Trânsito - Infrações
Trânsito - Leis
Issue Date: 2015
Citation: SILVA, Regina Ferreira e. Características sociodemográficas associadas à probabilidade de reincidência das infrações de trânsito por motociclistas. 2015. 31f. Dissertação (mestrado profissional) - Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós Graduação em Economia, CAEN, Fortaleza - CE, 2015.
Abstract in Portuguese: Esta dissertação efetuou uma análise empírica, baseada nas infrações de trânsito registradas no cadastro de veículos tipo motocicletas e similares de até 125cc, ocorridas no Estado do Ceará, no período de 2010 a 2013. O objetivo foi avaliar as características sociodemográficas que contribuem para aumentar a ocorrência de reincidência das infrações de trânsito por motociclistas, de acordo com as variáveis: sexo, idade e tempo de habilitação, e; a taxa de motorização e sua implicação no fluxo de trânsito nos municípios cearenses. Para tanto, utilizou se o modelo econométrico Logit, cuja base de dados foi fornecida pelo Departamento Estadual de Trânsito – DETRAN-CE e pelo Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará - IPECE. O que se observou, no Estado do Ceará, é que os resultados corroboram as evidências da literatura internacional: os infratores de trânsito reincidentes são, em sua maioria, jovens e do sexo masculino, o que indica a necessidade de políticas públicas de prevenção, incluindo esses grupos específicos da população. Além disso, a condição de habilitação indica que os motociclistas mais experientes, ou com mais tempo de habilitação, são os que têm maior probabilidade de reincidência. Para as estimações acerca da taxa de motorização, os resultados sugerem que os condutores que estão nos municípios com taxas de motorização superiores à taxa de referência de 20% apresentam uma maior probabilidade de reincidirem nas infrações de trânsito.
Abstract: This paper made an empirical analysis based on traffic violations recorded in type vehicle registration motorcycles and the like up to 125cc, occurred in the state of Ceará, in the period 2010 to 2013. The objective was to assess sociodemographic characteristics that contribute to increase the occurrence of repeated traffic violations by motorcyclists, according to variables such as gender, age and time of qualification, and; motorization rate and its implication in traffic flow in Ceará municipalities. For this, we used the logit econometric model, whose database has been provided by the State Department of Motor Vehicles – DETRAN-CE and the Institute of Economic Research and Strategy of Ceará - IPECE. What was observed in the state of Ceará, is that the results support the evidence of the international literature: the repeat traffic offenders are mostly young and male, which indicates the need for preventive policies, including these specific population groups. In addition, the driver's condition indicates that the more experienced riders, or longer clearance, are the ones who are more likely to recur. For the estimations about the motorization rate, the results suggest that drivers who are in municipalities with motorization rates above the 20% reference rate are more likely to re-offend in traffic violations.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/15294
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:CAEN - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2015_dissert_rfsilva.pdf157,39 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.