Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/9019
Título: Educação infantil e currículo: o lugar de crianças, famílias e professoras no currículo de uma instituição de educação infantil de Imperatriz/MA
Título em inglês: Early Childhood education and curriculum: the place of children, families and teachers in the curriculum of an childhood Education institution in Imperatriz city in Maranhão
Autor(es): Monteiro, Karla Bianca Freitas de Souza
Orientador(es): Cruz, Sílvia Helena Vieira
Palavras-chave: Educação pré-escolar - Imperatriz(MA) - Currículos
Educação pré-escolar - Participação dos pais - Imperatriz(MA)
Professores de educação pré-escolar - Imperatriz(MA)
Professores e alunos - Imperatriz(MA)
Data do documento: 2014
Editor: www.teses.ufc.br
Citação: MONTEIRO, Karla Bianca Freitas de Souza. Educação infantil e currículo: o lugar de crianças, famílias e professoras no currículo de uma instituição de educação infantil de Imperatriz/MA. 2014. 272f. – Tese (Doutorado) – Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-graduação em Educação Brasileira, Fortaleza (CE), 2014.
Resumo: Esta tese aborda o lugar de crianças, famílias e professoras no currículo da educação infantil, evidenciando como cada um desses sujeitos participa do cotidiano e da organização do trabalho pedagógico. O estudo foi desenvolvido em uma instituição municipal de educação infantil da cidade de Imperatriz no Maranhão que atende crianças de 0 a 4 anos de idade. O objetivo geral desta pesquisa consiste em compreender o lugar ocupado por crianças, famílias e professoras na construção do currículo de uma instituição de Educação Infantil em Imperatriz- MA, considerando as perspectivas de cada um desses sujeitos, diante das determinações da Secretaria Municipal de Educação em parceria com uma empresa privada de ensino. Para tanto, os aportes teóricos que deram sustentação a todo o trabalho investigativo baseiam-se em um referencial teórico interdisciplinar pautado na Sociologia da Infância, a partir da qual foi possível refletir sobre a infância como categoria genérica na qual estão inseridas crianças concretas, resultado de construções sociais, que são atores sociais com voz e produtores de cultura (CORSARO, 2002, 2011; SARMENTO, 2007, 2008; PROUT, 2010); na Pedagogia da Infância,tendo como eixo principal a participação que se constitui como a organização de espaços e tempos no qual os diferentes sujeitos do processo educativo dialogam, interagem e convivem em um clima de permanente colaboração (OLIVEIRA-FORMOSINHO, 2011); e os estudos curriculares, apontando que o currículo sofre determinações políticas, econômicas, sociais e culturais (APPLE, 2006; GIROUX, 1986, 2005), compreendido como ações que emergem entre crianças e adultos, e que acontece também na participação das crianças nos processos educacionais. Discutem-se a infância, a educação infantil e o currículo na educação infantil com ênfase na participação de cada um dos sujeitos do processo educativo. Trata-se de uma pesquisa qualitativa, na qual foram utilizados os seguintes instrumentos de coleta de dados: observação do cotidiano da instituição; entrevistas semiestruturadas com as professoras, coordenadora e diretora; grupo focal com as famílias; e escuta das crianças por meio de histórias para completar. Os dados revelam que o currículo desenvolvido na instituição pesquisada sofre influência do material da Projecta (empresa privada de ensino) que entre 2009 e 2013 passou a ser a grande referência para a prática pedagógica na educação infantil no município de Imperatriz. Como decorrência, o lugar de crianças, professoras e famílias na construção do currículo é bastante limitado haja vista que são muitas as imposições e relações de poder que direta ou indiretamente segregam os sujeitos e colocam-lhes em uma posição passiva diante dos interesses do sistema de ensino. Contudo, no que tange ao currículo em ação, o estudo aponta para a importância e a competência dos sujeitos do processo educativo e sinalizam para uma Pedagogia que põe a criança como centro de todo e qualquer processo educativo e como produtora de cultura a partir dos significados e sentidos atribuídos pelos sujeitos.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/9019
Tipo: Dissertação
Aparece nas coleções:PPGEB - Teses defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2014_tese_kbfsmonteiro.pdf1,68 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.