Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/68170
Title in Portuguese: Zonas climáticas locais em cidades pequenas: relação entre temperatura e morfologia urbana
Title: Local climate zones in small cities: relation between temperature and urban morphology
Author: Castro, Lidia Gomes de
Advisor(s): Zanella, Maria Elisa
Keywords: Zonas climáticas locais
Temperatura
Sensoriamento remoto
Issue Date: 2022
Citation: CASTRO, Lidia Gomes de. Zonas climáticas locais em cidades pequenas: relação entre temperatura e morfologia urbana. 2022. 115 f. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2022.
Abstract in Portuguese: A dinâmica de crescimento urbano e adensamento populacional ocasiona efeitos sócio ambientais, sobretudo na ausência de planejamento sustentável adequado, principalmente em regiões equatoriais, onde a formação de Ilhas de Calor Urbanas (ICU) exerce efeitos negativos ao conforto térmico da população. O sensoriamento remoto possibilita a identificação de zonas mais quentes superficialmente devido a radiação emitida pelos corpos dispostos no ambiente estudado, atrelado a isto a caracterização morfológica contribui para a identificação das causas das modificações termais. Com isto, esse trabalho objetiva evidenciar quais são os efeitos na dinâmica térmica de um município de pequeno porte com clima equatorial subúmido como Eusébio (CE) em meio ao processo de modificação morfológica urbana, a partir da análise da relação entre três variáveis: Zonas Climáticas Locais (ZCL), Temperatura Superficial (TST) e Temperatura do Ar (TA). Para isso, na metodologia foi utilizado o ZCL para classificação da paisagem morfológica urbana de Eusébio, com base na altura, rugosidade, cobertura e admissão térmica de materiais (STEWART E OKE, 2012); para a caracterização da dinâmica térmica da superfície foram elaborados mapas e gráficos de TST a partir das bandas do infravermelho termal dos satélites Landsat 5 e 8 para uma análise temporal (2001 a 2021); e foram realizados 2 Transectos Móveis no período seco do ano de 2021 com da TA em 125 pontos do município incorporando áreas com diferentes morfologias. Os processos de sensoriamento remoto e geoprocessamento se deram a partir da plataforma de código aberto Google Earth Engine (GEE) e do software ARCGIS 10.5, seguidos de análises estatísticas descritivas e inferenciais. Na mediana da amostra de dados de 2001, a TST encontra-se na faixa dos 25°C e possui valores inferiores que chegam próximos aos 20 °C, enquanto que para 2021 a mediana se encontra acima de 30 °C. Nas cartas termais é possível verificar que as feições urbanas substituíram áreas verdes o longo dos anos. Às 18h as medições de temperatura do ar registraram o intervalo de 27,50 °C a 28,90 °C, concentrando os maiores valores nos bairros Cidade Alpha e Tamatanduba. As principais influências na TA são pelo tipo de construção, fluxo antropogênico e tipo de cobertura do solo, associação observada na análise da TST do ano de 2021, nas classes de ZCL identificadas e nos transectos, evidenciando áreas relacionadas a supressão hídrica e vegetal para urbanização.
Abstract: The urban growth and population densification dynamics causes socio-environmental effects, especially in absence sustainable planning adequate, chiefly in equatorial regions, where the formation of Urban Heat Islands (UHI) carries negative effects on the thermal population comfort. Remote sensing enables the identification of warmer areas superficially due to the radiation emitted by the bodies arranged in the studied environment, linked to this, the morphological characterization contributes to the identification of the thermal changes causes. In summary, this research aims to highlight what are the effects on the thermal dynamics of a small city with equatorial sub-humid climate as Eusebio (CE) in the midst of the urban morphological modification process, from the relation analysis between three variables: Local Climate Zones (LCZ), Surface Temperature (LST) and Air Temperature (AT). In brief, the ZCL was used as methodology to Eusebio's urban morphological landscape classification, based on height, roughness, coverage and thermal admission of materials (STEWART AND OKE, 2012); for characterization of the surface thermal dynamics, TST maps and graphs were prepared from the thermal infrared bands of Landsat 5 and 8 satellites for a temporal analysis (2001 to 2021); and two Mobile Transects were performed in the 2021’s dry period with AT at 125 points in the municipality incorporating areas with different morphologies. The remote sensing geoprocessing operations was developed from the open source platform Google Earth Engine (GEE) and the software ARCGIS 10.5, followed by descriptive and inferential statistical analysis. In the 2001's median data sample, the LST is in the 25 °C range and has lower values that come close to 20 °C, while for 2021's median is above 30 °C. In the thermal maps, it is possible to see that urban features have replaced green areas over the years. At 6 PM, the air temperature measurements registered a range of 27.50 °C to 28.90 °C, with the highest values concentrated in the Cidade Alpha and Tamatanduba neighborhoods. The main influences on TA are by the construction type, anthropogenic flow and ground cover type, an association observed in the analysis of the 2021's LST, in the identified LCZ classes and in the mobile transects, evidencing areas related to water and vegetation suppression in detriment of urbanization.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/68170
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:DGR - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2022_dis_lgcastro.pdf6,26 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.