Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/65045
Title in Portuguese: Análise socioambiental do entorno do Estuário do Rio Cocó - Fortaleza / Ceará
Author: Freires, Eduardo Viana
Gomes, Daniel Dantas Moreira
Duarte, Cynthia Romariz
Sabadia, José Antonio Beltrão
Souto, Michael Vandesteen Silva
Keywords: Urbanização
Impactos negativos
Socioambiental
Issue Date: 2014
Publisher: Revista Eletrônica em Gestão, Educação e Tecnologia Ambiental - REGET
Citation: FREIRES, Eduardo Viana et al. Análise socioambiental do entorno do Estuário do Rio Cocó - Fortaleza / Ceará. Revista Eletrônica em Gestão, Educação e Tecnologia Ambiental - REGET, Santa Maria, RS, v. 18, n. 4, p.1487-1511, dez. 2014.
Abstract in Portuguese: O adensamento urbano, que se processou no entorno do estuário do Rio Cocó, favorecido pelo enorme crescimento populacional ocorrido em Fortaleza/CE/Brasil, nas últimas décadas, implicou nos mais variados impactos negativos no local. Com intuito de compreender a dinâmica ambiental no entorno do estuário do Rio Cocó, a partir do incremento urbano, foram realizados levantamento de dados físicos e humanos na área de interesse através de revisão bibliográfica, visita a campo e análise de imagens de satélites. Esses dados foram submetidos a uma análise integrada que permitiu compreender o quadro socioambiental da área. O levantamento de dados em campo possibilitou a identificação de diversos impactos negativos promovidos pela urbanização, como: aterramentos do mangue e alagadiços, desmatamento, descarte de lixo e entulho no leito fluvial, descarga de esgoto doméstico, assoreamento, entre outros. Os resultados apresentados apontam para a necessidade de um monitoramento sistemático da expansão urbana na área; para identificação e controle das cargas poluentes de origem residencial e comercial; para o fomento da educação ambiental; para a ampliação do efetivo de policiais na fiscalização do Parque Ecológico do Cocó e para a sua adequação ao Sistema Nacional de Unidade de Conservação – SNUC, conforme a Lei Federal nº 9985 de julho de 2000.
Abstract: The urban densification, which sued in the surroundings of the estuary of the Rio Cocó, favored by the huge population growth occurred in Fortaleza/CE/Brazil, in recent decades, involved in various negative impacts on site. In order to understand the environmental dynamics around the Poop River estuary, from the urban increment were conducted physical and human data collection in the area of interest through literature review, visit the field and analysis of satellite images. These data have been subjected to an integrated analysis that allowed understanding the socio-environmental framework in the area. The data collection in the field enabled the identification of various negative impacts promoted by urbanization in the study area, such as: filling of mangrove and wetland, deforestation, disposal and rubble in the riverbed, discharge of domestic sewage, silting, among others. The results point to the need for a systematic monitoring of urban expansion in the area; for identification and control of pollutant loads from residential and commercial; for the promotion of environmental education in the area; for the extension of effective police monitoring Cocó ecological park and its suitability to the national system of conservation Units as (SNUC) – Federal Law No. 9985 July 2000.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/65045
metadata.dc.type: Artigo de Periódico
ISSN: 2236-1170
Appears in Collections:DGL - Artigos publicados em revista científica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2014_art_evfreires.pdf5,1 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.