Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/63644
Title in Portuguese: Profissional de educação física x recursos midiáticos: a busca da prática de exercício físico durante a pandemia do covid-19
Author: Souza, Roberta Andrade de
Advisor(s): Viana-Meireles, Lívia Gomes
Keywords: Exercício físico
Isolamento
Mídias sociais
Pandemia
Educação física
Issue Date: 2021
Publisher: Instituto UFC Virtual
Citation: SOUZA, Roberta Andrade de. Profissional de educação física x recursos midiáticos: a busca da prática de exercício físico durante a pandemia do covid-19. 2021. 26 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Educação Física) - Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2021.
Abstract in Portuguese: A COVID-19 foi uma doença descoberta na China, caracterizada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como uma pandemia em março de 2020. Muitos países do mundo implementaram o isolamento social como estratégia para conter a transmissão do vírus. Isolamento que veio a levar a sociedade a reorganizar sua rotina buscando novas estratégia para realizar atividades rotineiras, sendo uma delas a prática de atividades físicas. Este estudo visa investigar o uso das mídias sociais como principal ferramenta para a prática de exercício físico em detrimento da atuação do profissional de educação física por pessoas em isolamento social durante a pandemia da Covid-19. Os dados foram coletados por meio de questionário online, contando com 592 participantes, com média de idade de 32,3 anos (DP = 10,5), que estavam em isolamento social em média por 14,4 dias (DP = 3,3), entre os meses de março a abril de 2020. Os instrumentos utilizados foram criados para a realização deste estudo com o objetivo de avaliar a rotina de exercícios dos participantes, como era a rotina da prática de exercício físico antes do confinamento, se havia acompanhamento de um profissional de educação física e como ficou a rotina durante o isolamento. Foi verificado que a utilização dos recursos midiáticos para a pratica de exercício físico cresceu de forma significativa durante o isolamento quando comparado a sua utilização antes da pandemia. E que exercícios considerados de baixo custo e dificuldade de leve a moderada foram os mais praticados neste período. Conclui-se que a maioria dos praticantes buscaram se manterem ativos através de exercícios de fácil acesso e baixo custo, além da maioria não optarem por ter um acompanhamento profissional durante o período em que se mantiveram em isolamento social, dando prioridade a treinos disponibilizados nas mídias sociais.
Abstract: COVID-19 was a disease discovered in China, characterized by the World Health Organization (WHO) as a pandemic in March 2020. Many countries in the world have implemented social isolation as a strategy to contain the transmission of the virus. Isolation that has led society to reorganize its routine seeking new strategies to perform routine activities, one of which is the practice of physical activities. This study aims to investigate the use of social media as the main tool for the practice of physical exercise to the detriment of the performance of the physical education professional by people in social isolation during the Covid-19 pandemic. Data were collected through an online questionnaire, with 592 participants, with a mean age of 32.3 years (SD = 10.5), who were in social isolation for an average of 14.4 days (SD = 3.3 ), from March to April 2020. The instruments used were created to carry out this study with the objective of evaluating the exercise routine of the participants, as was the routine of physical activity before confinement, if there was monitoring of a physical education professional and how was the routine during isolation. It was found that the use of media resources for the practice of physical exercise grew significantly during isolation when compared to its use before the pandemic. And that exercises considered low cost and mild to moderate difficulty were the most practiced in this period. It is concluded that the majority of the practitioners sought to remain active through easy access and low cost exercises, in addition to the majority not choosing to have a professional accompaniment during the period in which they remained in social isolation, giving priority to training available in the media social.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/63644
metadata.dc.type: Artigo de Periódico
Appears in Collections:EDUCAÇÃO FÍSICA - BACHARELADO - Artigos Acadêmicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2021_art_rasouza.pdf718,88 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.