Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/57636
Title in Portuguese: Tecnologia educativa digital para promoção da saúde mental de adolescentes: estudo de validação por especialistas
Title: Digital educational technology to promote the mental health of teenagers: study of validation by experts
Author: Farias, Quitéria Larissa Teodoro
Advisor(s): Vasconcelos, Maristela Inês Osawa
Keywords: Promoção da Saúde;
Saúde Mental
Saúde do Adolescente
Tecnologia da Informação.
Issue Date: 8-Apr-2021
Citation: FARIAS,Q.L.T. Tecnologia educativa digital para promoção da saúde mental de adolescentes: Estudo de validação por especialistas. 2021. 99 f. (Mestrado Acadêmico em Saúde da Família) - Programa de Pós-Graduação em Saúde da Família, Campus Sobral, Universidade Federal do Ceará, Sobral, 2021.
Abstract in Portuguese: Baseado no impacto das tecnologias no cotidiano dos adolescentes, e a força que estas vem ganhando em decorrência do isolamento social frente à pandemia da COVID-19 no país e considerando a fragilidade do serviço de saúde em atingir esse público, principalmente nesse período, o presente estudo tem o objetivo de validar uma tecnologia educativa digital sobre promoção da saúde mental de adolescentes. Delineia-se em um estudo de validação, descritivo de abordagem quantitativa, onde foi desenvolvido a validação de conteúdo e aparência, por especialistas, de um curso disponibilizado em AVA para promoção da saúde mental de adolescentes. A validação foi fundamentada no referencial de Galvis-Panqueva, que divide o processo de validação na Avaliação (seleção dos juízes e o julgamento do curso por estes) e a Administração (análise dos apontamentos destacados e realização das modificações necessárias). Participaram do processo de avaliação um total de 11 juízes, os mesmos foram divididos em dois grupos, a saber: oito juízes conteudistas, sendo quatro expertises nas áreas de saúde do adolescente e quatro na área de saúde mental; e três juízes técnicos da área de tecnologia da informação. As juízas de conteúdo avaliaram o curso quanto aos seus objetivos, a estrutura/apresentação e a relevância. Todos os critérios foram considerados válidos, com IVC e valor de p >0,80 em todos os itens, e um IVC geral de 0,98. Os juízes técnicos avaliaram o curso quanto à sua usabilidade, funcionalidade e eficiência. A maioria dos itens foram validados, exceto quatro que obtiveram IVC 0,67 e valor de p de 0,49. Os demais obtiveram IVC e valor de p >0,80, com um IVC geral de 0,85. As alterações para adequação desses itens em questão foram realizadas a partir das recomendações/considerações feitas pelos juízes. Todo o material do AVA foi revisado e foram incorporadas todas as sugestões feitas pelos juízes, auxiliando no processo de atualização, manutenção e verificação do material do AVA e demais ações necessárias ao bom funcionamento do curso. Portanto, o curso online encontra-se válido para ser utilizado como ferramenta de educação em saúde com adolescentes, por meio de um material que contempla as especificidades desses sujeitos, contribuindo para a inovação no processo de promoção da saúde.
Abstract: Based on the impact of technologies on the daily lives of adolescents, and the strength they have been gaining as a result of social isolation in the face of the COVID-19 pandemic in the country and considering the fragility of the health service in reaching this public, especially in this period, the present study aims to validate a digital educational technology on the promotion of adolescents' mental health. It is outlined in a validation, descriptive study with a quantitative approach, in which the content and appearance validation by specialists of a course made available in VLE to promote the mental health of adolescents was developed. The validation was based on the Galvis-Panqueva referential, which divides the validation process in the Evaluation (selection of the judges and the judgment of the course by them) and the Administration (analysis of the highlighted notes and making the necessary changes). A total of 11 judges participated in the evaluation process, they were divided into two groups, namely: eight content judges, four of whom were experts in the areas of adolescent health and four in the area of mental health; and three technical judges in the information technology area. The content judges evaluated the course in terms of its objectives, structure/presentation and relevance. All criteria were considered valid, with CVI and p value >0.80 in all items, and an overall CVI of 0.98. Technical judges assessed the course for usability, functionality and efficiency. Most items were validated, except for four that obtained CVI 0.67 and p value of 0.49. The others had a CVI and a p-value >0.80, with an overall CVI of 0.85. The changes for the adequacy of these items in question were made based on the recommendations/ considerations made by the judges. All AVA material was reviewed and all suggestions made by the judges were incorporated, assisting in the process of updating, maintaining and verifying the AVA material and other actions necessary for the smooth running of the course. Therefore, the online course is valid to be used as a health education tool with adolescents, using material that addresses the specificities of these subjects, contributing to innovation in the health promotion process.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/57636
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:PPGSF - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2021_dis_qltfarias.pdfFARIAS,Q.L.T. Tecnologia educativa digital para promoção da saúde mental de adolescentes: Estudo de validação por especialistas. 2021. 99 f. (Mestrado Acadêmico em Saúde da Família) - Programa de Pós-Graduação em Saúde da Família, Campus Sobral, Universidade Federal do Ceará, Sobral, 2021.1,82 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.