Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/56304
Title in Portuguese: Contribuição ao estudo do conhecimento de atendentes de enfermagem de berçário a respeito de suas atribuições no aleitamento natural de recém-nascido normal
Author: Angarten, Maria Goretti
Advisor(s): Cietto, Luiz
Keywords: Profissionais de Enfermagem Pediátrica
Enfermagem Pediátrica
Berçários Hospitalares
Aleitamento Materno
Issue Date: 1983
Citation: ANGARTEN, M. G. Contribuição ao estudo do conhecimento de atendentes de enfermagem de berçário a respeito de suas atribuições no aleitamento natural de recém-nascido normal. 1983. 158 f. Dissertação (Mestrado em Enfermagem) - Escola Paulista de Medicina, 1983.
Abstract in Portuguese: Estudo sobre o conhecimento de atendentes de enfermagem, que trabalham em unidades de atendimento de recém-nascidos normais, do município de São Paulo, a respeito das atribuições no aleitamento natural de recém-nascido normal, objetiva: a) verificar o conhecimento que a atendente de enfermagem tem sobre a quem compete as atribuições relacionadas ao aleitamento natural; b) verificar o grau de segurança que elas têm quando as executam ou se tivessem que executá- las e c) oferecer elementos iniciais para programa de treinamento às atendentes de enfermagem de berçário, visando o estímulo ao aleitamento natural. Duzentos e quatro atendentes de enfermagem de berçário de maternidades do município de São Paulo foram entrevistadas, tendo sido utilizado para coleta de dados formulário estruturado. Foram consideradas as seguintes variáveis independentes: tipo de unidade de atendimento ao recém-nascido normal, razão entre o numero destes e o de atendente de enfermagem em cada berçário, presença de enfermeira/o, número de a- nos em que trabalha a atendente de enfermagem em berçário, experiência destas com o aleitamento de seus próprios filhos e treinamento prévio para executar as atribuições. As atendentes de enfermagem de berçário de modo geral, reconhecem como suas muitas das atribuições no aleitamento natural de recém-nascido normal, mas sugerem outros membros da equipe de cuidados do recém-nascido normal executem as atribuições que exigem conhecimentos mais amplos.Elas sentem-se inseguras quando têm de executar as atribuições que exigem conhecimentos mais profundos de fisiologia da amamentação e de técnicas. Isto indica que as atendentes de enfermagem de berçário não estão adequadamente preparadas para estimular o aleitamento natural. Deve, assim, haver treinamento da atendente de enfermagem de berçário no que se refere ao estímulo ao aleitamento natural e periódica atualização desses conhecimentos. O processo todo deve ser continuadamente supervisionado. Com esta finalidade, o quadro de pessoal de enfermagem deve ser preenchido e o sistema de alojamento conjunto implantado.
Abstract: The study of the knowledge of neonatology ward nursing aides, from São Paulo city, about their activities related to breastfeeding of normal newborn has as objective: a) verify the knowledge about to whom competes the activities related to breastfeeding; b) verify the nursing aides’ confidence in performing them or having to perform them; and c) furnish first Information for elaboration of training programs to neonatology nursing aides, in order to estimulate breastfeeding in neonatology wards. Two hundred and four nursing aides from São Paulo neonatology wards were submitted to a structured questionnary. The dependent variables were: mode of organization of the neonatology ward (rooming-in or traditional ) ; normal newborns to nursing aide rate; existence of nurses in the shift;years worked in a neonatology ward; experience in breastfeeding her own children; and previous training to perform the activities related to breastfeeding. In general, the nursing aides considered the activi ties related to breastfeeding of normal newborn as of their competence, but they suggest that the activities that neces- sitate physiology knowledge to be well done should be performed by other members of the health care team. They don't have confidencie in performing activities that require more comprehensive knowledge about physiology of amamentation and its techniques. These facts indicate that the nursing aides are not able to estimulate breastfeeding in a neonatology ward. So there should have training programs with periodic atualization about breastfeeding. Also there should be nurse supervision and full nursing team. The rooming-in should bq implanted in neonatology wards.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/56304
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:DENF - Dissertações defendidas em outras instituições

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
1983_dis_mgangarten.pdf40,4 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.