Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/52353
Title in Portuguese: Primeiro, o básico. Depois, o resto: o direito à renda básica
Title: First, the basic. Then, the rest: the right to basic income
Author: Furtado Filho, Emmanuel Teófilo
Pierdoná, Zelia Luiza
Leitão, Andre Studart
Keywords: Igualdade
Coletividade
Escassez
Assistência Social
Renda Básica.
Issue Date: 2019
Publisher: Centro Universitário Curitiba (UNICURITIBA)
Citation: PIERDONÁ, Zelia Luiza; LEITÃO, Andre Studart; FURTADO FILHO, Emmanuel Teófilo. PRIMEIRO, O BÁSICO. DEPOIS, O RESTO: O DIREITO À RENDA BÁSICA. Revista Juridica, v. 2, n. 55, p. 390-417, 2019.
Abstract in Portuguese: Um dos objetivos da República Federativa do Brasil é a erradicação da pobreza e a redução dos desníveis socioeconômicos. Segundo a atual conjuntura pátria, o compromisso constitucional, ao mesmo tempo em que configura uma pauta social inescapável, pode ser considerado um desafio de difícil realização. Existe um grave problema de genética social, cuja superação depende da desparametrização da igualdade, da desconstrução do individualismo jurídico, do fortalecimento da solidariedade e da veiculação harmoniosa de diversas políticas públicas de focalização específica. Este ensaio não pretende fornecer uma solução definitiva para a pobreza e as desigualdades sociais. Pretende-se, ao invés, partindo da premissa de que a escassez envolve, a um só tempo, a carência de recursos e uma psicologia típica, defender que a providência preliminar da extensa pauta social deveria ser a transferência de uma renda básica que atendesse ao critério da suficiência.
Abstract: One of the objectives of the Federative Republic of Brazil is the eradication of poverty and the reduction of socioeconomic disparities. According to the current national context, the constitutional commitment, at the same time as it constitutes an inescapable social agenda, can be considered a difficult challenge. There is a serious problem of social genetics, whose overcoming depends on the deparametrisation of equality, the deconstruction of legal individualism, the strengthening of solidarity and the harmonious placement of several public policies of specific focus. This essay is not intended to provide a definitive solution to poverty and social inequalities.Instead, it is intended to assume that scarcity involves both a lack of resources and a typical psychology, to argue that the primary providence of the broad social agenda should be the transfer of a basic income that sufficiency criterion.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/52353
metadata.dc.type: Artigo de Periódico
ISSN: 2316-753X
Appears in Collections:FADIR - Artigos publicados em revistas científicas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_art_etfurtado.pdf466,59 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.