Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/41420
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorSantos, Jean Mac Cole Tavares-
dc.contributor.authorSilva, Maria Kélia da-
dc.date.accessioned2019-05-06T17:41:41Z-
dc.date.available2019-05-06T17:41:41Z-
dc.date.issued2014-
dc.identifier.citationSANTOS, Jean Mac Cole Tavares; SILVA, Maria Kélia da.Violência na escola: concepções e ressignificações no contexto da prática. In: ENCONTRO CEARENSE DE HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO, 13.; ENCONTRO NACIONAL DO NÚCLEO DE HISTÓRIA E MEMÓRIA DA EDUCAÇÃO, 3.; SIMPÓSIO NACIONAL DE ESTUDOS CULTURAIS E GEOEDUCACIONAIS - SINECGEO, 3., 25 a 27 set. 2014, Fortaleza (CE). Anais... Fortaleza (CE), 2014. p.984-1000.pt_BR
dc.identifier.isbn978-85-8126-065-5-
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/41420-
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.publisherIMPRECEpt_BR
dc.subjectViolência na escolapt_BR
dc.subjectVoz dos docentespt_BR
dc.subjectConcepçõespt_BR
dc.subjectRessignificaçõespt_BR
dc.titleViolência na escola: concepções e ressignificações no contexto da práticapt_BR
dc.typeArtigo de Eventopt_BR
dc.description.abstract-ptbrEntendida como um fenômeno de múltiplas faces, com várias possibilidades de olhares, a violência na escola tem sido fonte de inúmeras pesquisas que buscam entender sua origem e impacto social. Autores como Abramovay e Rua (2002), Debarbieux (2002) e Charlot (2002) nos influenciam a refletir sobre a suas definições, seus impactos e consequências, demonstrando sua complexidade e a importância de levarmos em consideração diferentes aspectos, tanto internos, quanto externos a escola. Considerando a escola como principal palco de manifestações da violência, este artigo busca entender como os docentes compreendem, ressignificam e lidam com os sentidos de violência no ambiente escolar. Assim, intencionamos contribuir para as discussões em torno desta temática, compreendendo como os sentidos sobre violência se configuram, discutindo as diversas percepções de violências, muitas vezes compreendidas de formas antagônicas, fruto das negociações na escola. Partimos assim, da impossibilidade de uma definição a priori de violência, admitindo os sentidos negociados com a comunidade escolar do que seria violência. [...]pt_BR
Appears in Collections:PPGEB - Trabalhos apresentados em eventos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2014_eve_jmctsantosmksilva.pdf4,67 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.