Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/37093
Title in Portuguese: Repercussões de 10 semanas de treinamento de força nas capacidades física e funcional de mulheres de meia-idade
Author: Andrade, Ana Denise de Souza
Advisor(s): Assumpção, Claudio de Oliveira
Keywords: Carga interna
Mulheres de meia-idade
Atividades da vida diária
Força muscular
Issue Date: 2017
Citation: ANDRADE, Ana Denise De Souza. Repercussões de 10 semanas de treinamento de força nas capacidades física e funcional de mulheres de meia-idade. 2017. 36 f. Monografia (Graduação em Educação física)-Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2017.
Abstract in Portuguese: Objetivo: avaliar os efeitos de 10 semanas de treinamento de força nas capacidades físicas e funcionais em mulheres de meia-idade, bem como monitorar a carga interna de treinamento. Métodos: Estudo longitudinal experimental de natureza quantitativa, realizado no Instituto de Educação Física e Esporte da Universidade Federal do Ceará, no qual participaram 10 mulheres de meia-idade (45,0 ± 8,02 anos) de um protocolo de treinamento de força com duração de 10 semanas, 2 sessões semanais, realizando 8 exercícios alternados por seguimento (60% a 80% de 10 RM), juntamente com o monitoramento da carga interna. As voluntárias foram avaliadas quanto às capacidades físicas: força isométrica de membros inferiores, salto vertical (CMJ), resistência de força muscular (supino, leg press 45° e remada) e capacidades funcionais: resistência de membros inferiores (sentar e levantar), agilidade e equilíbrio dinâmico (time-up-and-go e AGIL teste), tempo de caminhada (caminhada de 1.600 metros) e flexibilidade (banco de wells) no período pré e pós intervenção. A carga interna foi monitorada por meio do método PSE da sessão. Foram utilizadas estatísticas descritivas para caracterização da amostra e para comparar os resultados pré e pós intervenção foram utilizados as diferenças de médias estandardizadas e seus respectivos intervalos de confiança (IC= 90%) e as probabilidades (maior/similar/menor). Resultados: Houve melhoras substanciais na força isométrica de membros inferiores, resistência de força muscular (supino, leg press 45° e remada) e tempo de camanhada, após as 10 semanas de treinamento de força. Conclusão: O treinamento de força proporcionou melhora nas capacidades físicas (força isométrica de membros inferiores, resistência de força muscular e tempo de caminhada). Tais resultados são relevantes para a prescrição de treinamento para mulheres de meia-idade, visando a melhora nos aspectos relacionados a saúde.
Abstract: Objective: To evaluate the effects of 10 weeks of strength training on physical and functional fitness in middle-aged women, as well as monitor the internal training load. Methods: This was a longitudinal experimental study conducted at the Physical Education and Sports Institute of the Federal University of Ceará, in which 10 middleaged women (45.0 ± 8.02 years) participated in a strength training protocol duration of 10 weeks, 2 weekly sessions, performing 8 alternating exercises per follow-up (60% to 80% of 10 RM), along with internal load monitoring. The volunteers were evaluated for physical fitness: isometric lower limb strength, vertical jump (CMJ), muscular strength (supine, leg press 45 ° and paddling) and functional fitness: lower limb resistance (sitting and standing), agility and dynamic balance (time-up-and-go and AGIL test), walking time (walk of 1,600 meters) and flexibility (wells bench) in the pre and post intervention period. The internal load was monitored using the PSE method of the session. Descriptive statistics were used to characterize the sample and to compare the pre and post intervention results, the differences between the standardized means and their respective confidence intervals (CI = 90%) and the odds (greater / similar / smaller) were used. RESULTS: There were substantial improvements in the isometric strength of the lower limbs, strength (supine, leg press 45 ° and paddling) and walking time after 10 weeks of strength training. Conclusion: Strength training provided improvements in physical abilities (isometric strength of lower limbs, muscular strength and walking time). These results are relevant for the prescription of training for middleaged women, aiming at improving health-related aspects.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/37093
metadata.dc.type: TCC
Appears in Collections:EDUCAÇÃO FÍSICA - BACHARELADO - Monografias

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_tcc_adsandrade.pdf718,78 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.