Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufc.br/handle/riufc/19646
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorAraújo, Orlando Luiz de-
dc.date.accessioned2016-09-19T23:09:41Z-
dc.date.available2016-09-19T23:09:41Z-
dc.date.issued2011-
dc.identifier.citationARAÚJO, Orlando Luiz de. Encenando o mal: Electra, Filoctetes e Édipo em Colono, de Sófocles. In: CONGRESSO INTERNACIONAL DA ABRALIC, 12., 2011, Curitiba. Anais ... Curitiba: ABRALIC, 2011, p. 1-8.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/19646-
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.publisherCongresso Internacional da ABRALICpt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectSófoclespt_BR
dc.subjectElectrapt_BR
dc.subjectÉdipo em Colonopt_BR
dc.subjectMalpt_BR
dc.titleEncenando o mal: Electra, Filoctetes e Édipo em Colono, de Sófoclespt_BR
dc.typeArtigo de Eventopt_BR
dc.description.abstract-ptbrNas tragédias de Sófocles, mormente nas sete peças que chegaram à contemporaneidade, o mal pode ser imputado à malícia dos deuses ou dos homens, ou, muitas vezes, dos dois, como podemos observar, como exemplificação, nos discursos das personagens Antígona e Édipo, no Édipo em Colono. Em suas tragédias, Sófocles apresenta um herói que se põe entre o divino e o humano. Tal distinção define a condição humana, apresentando-a como fundamentalmente diferente da divina, visto que é imperfeita e sujeita a erro. É, pois, o erro do herói que o arrastará para o mal, para o sofrimento e até mesmo para a morte. Nosso estudo visa a analisar em que consiste o mal e como Sófocles o apresenta nas tragédias Electra, Filoctetes e Édipo em Colono.pt_BR
Appears in Collections:DLE - Trabalhos apresentados em eventos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2011_eve_olaraujo.pdf73,12 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.