Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufc.br/handle/riufc/19422
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorLima, Maria Lúcia Chaves-
dc.contributor.authorMéllo, Ricardo Pimentel-
dc.date.accessioned2016-09-05T13:39:13Z-
dc.date.available2016-09-05T13:39:13Z-
dc.date.issued2013-
dc.identifier.citationLIMA, Maria Lúcia Chaves; MÉLLO, Ricardo Pimentel. Algumas considerações sobre os homens no contexto da violência contra a mulher. Psicologia Argumento, Curitiba, v. 31, n. 74, p. 425-435, jul./set. 2013.pt_BR
dc.identifier.issn0103-7013 (impresso)-
dc.identifier.issn1980-5942 (online)-
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/19422-
dc.description.abstractThe aim of this paper is discuss the places usually allocated to men in the context of violence against women. The methodology used was interviews with the professionals working in the Women's Police Station in Belém, Pará State, Brazil, as well as close observation of everyday life in space. As search results, we can say that the main point of this discussion revolves around a new naturalization: the “essence” of the violent man opens space for socialization in a sexist culture. But even considering these men more as “family men” than “criminals”, the prison is still the most appropriate referral. At most, it is added to some psychological imprisonment would act as a form of rehabilitation, an instrument of training and correction for these men considered “abnormal”. We concludethat, rather than imprison men perpetrators of violence or provide a "psychological treatment" to serve as an additional control technology, it would be interesting to provide a space for listening to men and women involved in violent relationships; a space in which to establish doubt in the gender conviction that produce situations of domestic violence.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.publisherPsicologia Argumentopt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectHomenspt_BR
dc.subjectViolência contra a mulherpt_BR
dc.subjectTerapêuticapt_BR
dc.subjectMenspt_BR
dc.subjectViolence against womenpt_BR
dc.subjectTherapeuticspt_BR
dc.titleAlgumas considerações sobre os homens no contexto da violência contra a mulherpt_BR
dc.typeArtigo de Periódicopt_BR
dc.description.abstract-ptbrEste trabalho tem como objetivo problematizar os lugares geralmente destinados aos homens no contexto da violência contra a mulher. Como metodologia, fez-se uso de entrevistas com os profissionais que atuam na Delegacia da Mulher de Belém (PA), bem como observação atenta no cotidiano desse espaço. Como resultados da pesquisa, pode-se dizer que o ponto-chave da discussão foi uma nova naturalização: a “essência” violenta do homem abre espaço à socialização em uma cultura machista. Porém, mesmo considerando esses homens mais como “pais de família” do que “criminosos”, a prisão ainda é o encaminhamento mais indicado. No máximo, adiciona-se ao encarceramento algum atendimento psicológico que funcionaria como uma forma de reeducação, um instrumento para adestrar e corrigir esses homens considerados “anormais”. Conclui-se que, mais do que aprisionar os homens autores de violência ou oferecer um “tratamento psicológico” que sirva como mais uma tecnologia de controle, seria interessante proporcionar um espaço de escuta para homens e mulheres envolvidos em relacionamentos violentos; um espaço no qual seja possível instaurar a dúvida nos convictos padrões de gênero que produzem as situações de violência conjugal.pt_BR
dc.title.enSome considerations about men in the context of violence against womenpt_BR
Appears in Collections:DPSI - Artigos publicados em revistas científicas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2013_art_rpmello.pdf881,55 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.