Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufc.br/handle/riufc/19397
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorCampos, Kilmer Coelho-
dc.contributor.authorSales, Maria Leiliane de Sousa-
dc.date.accessioned2016-09-02T19:33:44Z-
dc.date.available2016-09-02T19:33:44Z-
dc.date.issued2016-
dc.identifier.citationSALES, Maria Leiliane de Sousa. Avaliação Financeira e Econômica das ações de captação, acumulação e suprimento de água no Estado do Ceará. 2016. 107 f.: Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Centro de Ciências Agrárias, Departamento de Economia Agrícola, Curso de Pós-Graduação em Economia Rural. Fortaleza-CE, 2016.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/19397-
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectRecursos hídricospt_BR
dc.subjectAvaliação financeirapt_BR
dc.subjectAvaliação econômicapt_BR
dc.titleAvaliação Financeira e Econômica das ações de captação, acumulação e suprimento de água no Estado do Cearápt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.description.abstract-ptbrEssa Dissertação é composta por três Capítulos. No Capítulo 1, foi apresentada uma contextualização das ações de captação, acumulação e suprimento de água no Estado do Ceará, tais como: carros-pipa, poços, dessalinizadores e cisternas. Para isso, utilizou-se o método estatístico descritivo, a fim de analisar as variáveis selecionadas. Fez-se uso de dados primários coletados por meio de entrevistas e aplicação de questionários, nas comunidades Lagoinha, em Ocara, e Aroeira, em Pentecoste; e secundários, obtidos junto a diversos órgãos do Governo Estadual e Federal. Constatou-se que a utilização dessas ações tem apresentado participações expressivas, a fim de promover o acesso à água, principalmente para o consumo humano, sendo as tecnologias sociais de acesso à água, as cisternas, de maior atuação em termos quantitativos no Estado durante os anos de 2011 a 2015. Nos Capítulos 2 e 3, foram avaliadas as ações (Poços, Dessalinizadores e Cisternas de Placas) de acesso à água no Estado, sob o ponto de vista privado e econômico respectivamente, fazendo uso da técnica de avaliação de investimentos e cálculo dos indicadores valor presente líquido, relação benefício-custo e taxa interna de retorno, a partir dos investimentos feitos no ano de 2015 para um horizonte de planejamento de 10 anos. As viabilidades financeira e econômica das ações de acesso à água foram confirmadas apenas para a construção de poços com taxas de desconto de 6% a 12% ao ano na primeira análise e 12% ao ano, sob o ponto de vista da sociedade e com tarifa de 14,05/m³ de água. Vale ressaltar que os benefícios indiretos não foram computados na análise econômica desses investimentos e as tarifas do m³ da água utilizadas considerando a captação por dessalinizadores e cisternas, não refletem o custo médio por m³ da água calculado. No entanto, quando se considerou a abordagem do Banco mundial para a avaliação econômica, todos os investimentos apresentaram viabilidade sob o ponto de vista da sociedade.pt_BR
Appears in Collections:DEA - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2016_dis_mlssales.pdf1,22 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.