Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/9545
Title in Portuguese: Análise da relação entre a taxa de câmbio e a arrecadação de ICMS para os Estados Nordestinos: uma abordagem em séries temporais para os anos de 2002 A 2011.
Author: Barros, Ederian dos Santos
Advisor(s): Linhares, Fabrício Carneiro
Keywords: Renda - Distribuição
Mercado de trabalho
Equações de rendimentos
Rendimentos dos trabalhadores
Issue Date: 2014
Citation: BARROS, Ederian dos Santos. Análise da relação entre a taxa de câmbio e a arrecadação de ICMS para os estados nordestinos: uma abordagem em séries temporais para os anos de 2002 a 2011. 2014. 25f. Dissertação (Mestrado Profissional) - Programa de Pós Graduação em Economia, CAEN, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza-CE, 2014.
Abstract in Portuguese: A preocupação central deste trabalho é analisar a relação entre a arrecadação de ICMS pelos estados nordestinos e a taxa de cambio. O ICMS é um imposto que incide sobre as importações e estas são influenciadas, em parte, por variações na taxa de cambio, de forma que uma desvalorização cambial espera-se que reduza a arrecadação de ICMS ao desincentivar as importações. Para tanto, foi realizada uma análise de longo prazo, através da abordagem de cointegração de Johansen e uma análise de curto prazo, por meio de funções impulso resposta. Dos resultados, constata-se que existe um efeito resultante de alterações na taxa de câmbio sobre a arrecadação de ICMS nordestina, como esperado no curto prazo. Entretanto, a abordagem de cointegração não identificou um relacionamento de longo prazo.
Abstract: The aim of this work is analyzed the relationship between the ICMS revenue by Northeast Brazilian states and the exchange rate. The ICMS is a tax that is applied under imports and these are affect by exchange rate changes. If the Marshall-Lerner condition is accepted, a devaluation in the exchange rate reduces the imports. To investigate whether this channel is important to determine the ICMS revenue we used two methodologies: short run methodology based on impulse response function obtained from a VEC estimation; long run methodology based on Johansen’s cointegration tests. The results showed that the short run effect of exchange rate under the ICMS revenue was expected, at the period from 2002 to 2011. That is, a depreciation of the exchange rate reduces the ICMS imports. However, the long run effects could not be confirmed.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/9545
Appears in Collections:CAEN - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2014_dissert_esbarros.pdf535,55 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.