Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/7523
Title in Portuguese: Avaliação da aprendizagem de alunos com deficiência em cursos das ciências exatas: estudo de caso em uma Instituição Pública Federal de Ensino Superior na Cidade de Fortaleza-Ceará
Title: Assessment of learning disabled students in the hard sciences courses: a case study in a Federal Public Institution of Higher Learning in the City of Fortaleza-Ceará
Author: Carvalho, Francisca Samara Teixeira
Advisor(s): Viana, Tania Vicente
Keywords: Learning evaluation
Higher Education
Estudantes universitários com deficiência
Estudantes universitários - Fortaleza(CE)
Aprendizagem - Avaliação - Fortaleza(CE)
Issue Date: 2013
Publisher: www.teses.ufc.br
Citation: CARVALHO, Francisca Samara Teixeira. Avaliação da aprendizagem de alunos com deficiência em cursos das ciências exatas: estudo de caso em uma Instituição Pública Federal de Ensino Superior na Cidade de Fortaleza-Ceará. 2013. 117f. – Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-graduação em Educação Brasileira, Fortaleza (CE), 2013.
Abstract in Portuguese: A literatura especializada aponta para uma evolução conceitual da avaliação da aprendizagem. Em contraposição ao exame, característico da Pedagogia Tradicional que se estruturou nos séculos XVI e XVII, a avaliação da aprendizagem responde a uma demanda atual, em que não são mais necessárias a memorização e reprodução das informações, por parte do aluno, mas uma aprendizagem processual, crítica e autônoma, condizente com as rápidas transformações de uma sociedade caracterizada pelo fácil acesso à informação. O exame se apresenta como uma forma de avaliação pontual, classificatória, estática, antidemocrática e autoritária. É prejudicial a qualquer aluno, mas ocasiona prejuízos mais graves ao aluno com deficiência, cuja especificidade da avaliação, de acordo com suas necessidades educacionais, é assegurada por lei. A avaliação formativa se revelou um modelo mais adequado para avaliar os alunos, na atualidade, em especial, os alunos com deficiência. É de natureza processual, diagnóstica, dinâmica, democrática, dialógica e, sobretudo, inclusiva. O objetivo geral deste estudo consiste em investigar a prática de avaliação da aprendizagem realizada junto aos alunos com deficiência matriculados em cursos de graduação e pós-graduação das Ciências Exatas de uma Instituição de Ensino Superior (IES) Federal da rede pública de ensino, na cidade de Fortaleza-Ceará. Especificamente, objetiva: i) conhecer as dificuldades vivenciadas por alunos, professores e coordenadores da IES na avaliação da aprendizagem de alunos com deficiência; ii) identificar as condições de acessibilidade referentes às práticas avaliativas; iii) reunir contribuições de alunos, professores e coordenadores da IES para uma prática inclusiva de avaliação de aprendizagem. Para esse propósito, foi efetuada uma investigação de natureza qualitativa, na forma de um estudo de caso. Os instrumentos utilizados para a coleta de dados foram a entrevista semiestruturada e o questionário misto. Foi realizada uma análise de conteúdo dos dados coletados. As amostras foram constituídas por 7 alunos com deficiência; 7 professores indicados pelos próprios alunos e 4 coordenadores, perfazendo um total de 18 sujeitos investigados. Os resultados revelaram que, na ausência de uma formação docente adequada para lidar com o aluno com deficiência, o exame prevalece como forma de avaliação. Foram ofertadas sugestões a fim de que os professores da instituição fossem submetidos a cursos de formação sobre a temática. Foi também ressaltada a necessidade de uma identificação ou de um registro institucional desses estudantes como passo inicial de um melhor atendimento pedagógico.
Abstract: The specialized literature indicates a conceptual evolution concerning learning evaluation. Different from the exam, characteristic of the Traditional Pedagogy that was structured in 16th and 17th centuries, the concept of learning evaluation is an answer to a current demand, since the memorization and reproduction of information, by students, are not more necessary nowadays, when we need a procedural, critic and autonomous learning, related to the fast transformations of a society characterized by the easy access to information. The exam presents the following characteristics: it is punctual, qualifying, static, antidemocratic and authoritarian. It is harmful to any student, but it is worse to disabled students. Disabled students have legal rights to a specific evaluation, in agreement with their educational needs. Therefore, formative evaluation is considered the most appropriate model of learning evaluation at present for all students, especially for disabled students. In turn, the formative learning evaluation presents the following characteristics: it is procedural, diagnostic, dynamics, democratic, dialogued and inclusive overall. The main purpose of the current research is to accomplish an investigation about the practice of learning evaluation for disabled students registered in graduate and postgraduate level courses of Exact sciences in a Public Institute of Higher Education, in Fortaleza-Ceará. Specifically, this study aimed: i) knowing the difficulties lived by students, professors and coordinators regarding learning evaluation for disabled students; ii) identifying the accessibility conditions concerning the practices of learning evaluation; iii) gathering contributions of students, professors and coordinators for an inclusive practice of learning evaluation. Thus, a qualitative research was accomplished, as a case study. The semi-structured interview and the semi-structured questionnaire were used as instruments for data collection. A content analysis of the collected data was accomplished. The sample was composed by: 7 disabled students; 4 graduate level course’s coordinators and 7 professors; 18 subjects altogether. The results revealed a lack of an appropriate formation. Consequently, the professor do not know how to deal with disabled students and the traditional exam prevails. Suggestions were presented so that the professors of the institution were submitted to formation courses on the theme. It was also emphasized the need of an identification or an institutional registration of those students as an initial step of a better pedagogic service.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/7523
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:PPGEB - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2013-DIS-FSTCARVALHO.pdf875,97 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.