Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/7307
Title in Portuguese: Ação da Euphorbia tirucalli L. na formação de focos de cripta aberrante na mucosa cólica induzida por azoximetano em ratos
Title: Effects of Euphorbia tirucalli L. on the formation of azoxymethane-induced aberrant crypt foci in rats
Author: Andrade, Denise de Albuquerque
Advisor(s): Rodrigues , Lusmar Veras
Keywords: Neoplasias Colorretais
Azoximetano
Quimioprevenção
Issue Date: 2007
Citation: ANDRADE, Denise de Albuquerque. Ação da Euphorbia tirucalli L. na formação de focos de cripta aberrante na mucosa cólica induzida por azoximetano em ratos. 2007. 61 f. Dissertação (Mestrado em Cirurgia) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Medicina, Fortaleza, 2007.
Abstract in Portuguese: A incidência e mortalidade por câncer colorretal apresentam tendência ao crescimento. O câncer colorretal é a quinta neoplasia mais incidente no Brasil. A etiologia está relacionada com hereditariedade e modificações no estilo de vida. A lesão pré-neoplásica mais precoce com presença de displasia é o foco de cripta aberrante, estando relacionada como lesão precursora de adenomas colorretais e câncer em humanos. Entender a natureza destas lesões contribui na pesquisa de agentes preventivos eficazes no câncer colorretal. O objetivo foi verificar o potencial quimiopreventivo da solução aquosa do látex de Euphorbia tirucalli L. quanto a formação de focos de cripta aberrante (FCA) em ratos induzidos com azoximetano (AOM). Foram usados 32 ratos da linhagem Wistar, machos, com peso médio estimado de 100g -200g (4 – 6 semanas). Foram distribuídos aleatoriamente em 04 grupos contendo 08 animais, denominados: GRUPO 01- grupo estudo com ratos induzidos com AOM e tratados com extrato aquoso do látex da E. tirucalli L..GRUPO 02 - grupo estudo controle com ratos induzidos com AOM sem tratamento com extrato aquoso do látex da E tirucalli L..GRUPO 03 - grupo estudo controle sem indução com AOM e tratados com extrato aquoso do látex da E. tirucalli L.. GRUPO 04 - grupo estudo controle sem indução com AOM e sem tratamento com extrato aquoso do látex da E. tirucalli L..Os animais dos Grupos 01 e 02 receberam injeção de AOM 12 mg/kg, intraperitoneal (IP), uma vez por semana, por 02 semanas. Uma semana antes do início da administração do carcinógeno, foi administrada diariamente solução por gavagem, respectivamente, de extrato aquoso do látex da E. tirucalli L. 400mg/Kg e solução fisiológica a 0,9% em uma administração diária. Os Grupos 03 e 04 não foram induzidos com AOM e receberam solução por gavagem, respectivamente, de extrato aquoso do látex da E. tirucalli L. 400mg/Kg e solução fisiológica a 0,9%. Todos os grupos continuaram recebendo a solução por gavagem diária até o dia estabelecido para eutanásia. Foram mortos na 15ª semana, após a indução com carcinógeno ou administração IP de solução estéril para injeção. Os animais foram avaliados quanto ao peso, alteração clínica, presença de adenomas ou tumores cólicos, e quanto à presença de FCA e o número de criptas por cada foco (multiplicidade) de acordo com a localização cólica, definidas região distal, medial e proximal. Verificamos no presente estudo que o extrato aquoso da E tirucalli L. (400mg/kg) apresentou uma diminuição significante do número total de FCA do grupo 01 em relação ao grupo 02 (p<0,001), adicionalmente a multiplicidade nestes grupos apresentou diferença significante (p<0,0001) quanto a presença de ≤ 5 criptas por foco em todo cólon examinado. Este estudo sugere que extrato aquoso de E. tirucalli L tem potencial quimiopreventivo em relação a carcinogênese cólica, inibindo a formação de FCA em ratos induzidos com AOM.
Abstract: Colorectal cancer is the fifth most frequently diagnosed malignancy in Brazil. The etiology may be related with inherited and life-style that can be modified. Aberrant crypt foci have been recognized as early preneoplastic lesions and being related with colorectal adenoma and precursors of cancer in humans. Undertanding the nature of early appearing lesions efforts to find effective agents in colorrectal cancer. The aim of this study was verify the potential chemopreventive of aqueous solution of the latex of Euphorbia tirucalli L. in aberrant crypt foci (ACF) in rats induced with azoxymethane (AOM). Thirty-two Wistar male rats were used, average weight 100g -200g (4 - 6 weeks). They were randomly divided into 04 groups of 08 animals each. Group 01 with rats induced with AOM and treated with aqueous extract of the latex of E. tirucalli L., group 02 with rats induced with AOM without treatment with aqueous extract of the latex of E. tirucalli L., group 03 with rats without AOM induction and treated with aqueous extract of the latex of E. tirucalli L. and group 04 with rats without induction with AOM and without treatment with aqueous extract of the latex of E. tirucalli L.. The animals of the groups 01 and 02 were injected intraperitoneallly (IP), with AOM once a weekly for 02 weeks at a dose level of 12 mg/kg body weight. One week before the beginning of the administration of the carcinogen, it was administered solution daily by intragastric gavage, respectively, aqueous extract of latex of E. tirucalli L. 400mg/Kg and physiologic solution to 0,9%. The groups 03 and 04 were not induced with AOM and they received daily solution by gavage, respectively, aqueous extract of the latex of E. tirucalli L. 400mg/Kg and physiologic solution to 0,9%. All groups continued receiving daily solutions by intragastric gavage until the day established for euthanasia. All animals were sacrificed by diethyl ether inhalation 15th week, after AOM initiation or sterile solution injected IP. The animals were evaluated concerning to the weight, clinical alteration, presence of adenomas or colic tumors, and the presence of ACF and the number of crypts for each focus (multiplicity) in agreement with colic location, defined area distal, medial and proximal. We verified in the present study that the aqueous extract of E. tirucalli L. (400mg/kg) presented a significant decrease of the global number of ACF group 01 compared to the group 02 (p<0,001). Additionally, the multiplicity in these groups showed significant decrease (p<0,0001) in the number of ACF with 5 crypts/focus in the whole large intestine. This study suggests the aqueous extract of E. tirucalli L. has potential chemopreventive against colon carcinogenesis with inhibition of the formation of ACF in rats induced with AOM .
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/7307
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:DCIR - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2007_dis_daandrade.pdf711,32 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.