Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/6644
Title in Portuguese: A atenuação retórica em artigos de pesquisa: um estudo contrastivo com base em corpora
Title: Hedges in research articles: a contrative studie based in corpora
Author: Carvalho, Ednúsia Pinto de
Advisor(s): Farias, Emília Maria Peixoto
Keywords: Linguistica
Marcas de Atenuação Retórica
Metadiscurso
Gênero acadêmico
Retórica Intercultural
Redação acadêmica
Periódicos acadêmicos
Exposição(Retórica)
Língua alemã - Retórica
Medicina
Análise lingüística
Rhetoric Mitigation Marks
Metadiscourse
Academic writing
Intercultural Rhetoric
Issue Date: 2011
Publisher: http://www.teses.ufc.br
Citation: Carvalho, E. P.; Farias, E. M. P. (2011)
Abstract in Portuguese: Esta tese investiga sob uma perspectiva retórico-contrastiva, os usos e as funções das marcas metadiscursivas de atenuação retórica (hedges), em artigos de pesquisa, considerados, aqui, textos especializados (HOFFMANN, 1998), pertencentes ao contexto comunicativo: especialista-especialista (PEARSON, 1998), produzidos por autores (as) brasileiros (as) e alemães (as). Para cumprir tal objetivo, a pesquisa intenciona responder aos seguintes questionamentos: (a) qual a freqüência das estratégias de atenuação retórica utilizadas nas seções introdução e conclusão? (b) qual a relação existente entre o número de marcas metadiscursivas de atenuação retórica em cada subcorpus e as características retóricas de cada seção em análise? (c) qual a freqüência dos itens léxico-gramaticais que realizam as marcas metadiscursivas de atenuação retórica em cada subcorpus. Para tanto, parte-se do pressuposto de que textos pertencentes a um mesmo gênero discursivo, porém escritos em línguas distintas apresentam diferenças retóricas marcantes. Tais diferenças no discurso acadêmico escrito podem ser descritas pelo uso das marcas de atenuação retórica como elemento discursivo-pragmático caracterizador de um “modus dicendi” de uma determinada área do conhecimento, no caso, a Medicina. Para a investigação dessas marcas de atenuação, selecionamos um corpus composto por 120 artigos de pesquisa em Medicina de periódicos nacionais e internacionais, coletados, no site de periódicos da CAPES, escritos em língua alemã e em língua portuguesa. O referido corpus de estudo compõe-se de: 60 artigos em Medicina escritos em português e 60 artigos escritos em língua alemã, divididos em dois subcorpora, a saber, Corpus 1- Medicina Alemão, composto por dois subcorpora: (i) Medicina Alemão Introdução (MAI) e (ii) Medicina-Alemão Discussão (MAD) , Corpus 2- Medicina Português, com dois subcorpora: (i) Medicina Português Introdução (MPI) e (ii) Medicina Português Discussão (MPD). Na análise e tratamento dos dados, utilizamos os princípios metodológicos da Lingüística de Corpus, aplicando seu caráter instrumental. Para avaliar os dados dessa pesquisa, utilizamos o programa computacional de análise lingüística, WordSmith Tools (SCOTT, 1997), versão 3.0, as ferramentas Wordlist e o Concord. Para investigar e analisar os usos e as funções das marcas metadiscursivas de atenuação, sob uma perspectiva do Metadiscurso Interacional (HYLAND, 2005) e da Retórica Intercultural (CONNOR, 2008), tendo em vista os corpora em análise, propomos um modelo classificatório, em conformidade com as taxonomias propostas por Hyland (2005), Cabrera (2004) e Martín-Martín (2008). Conforme os resultados, a seção de discussão concentra o maior número de ocorrências das marcas de atenuação retórica nas duas línguas, seguida da seção de introdução. Ambas apresentam um elevado número de ocorrências das estratégias de indeterminação (as expressões epistêmicas, como verbos modais, lexicais, semi-auxiliares) e os adjetivos/advérbios modais,) e desagentivação (as expressões impessoais, voz passiva). A partir desses resultados, conclui-se que os autores tanto em português como em alemão nos artigos de pesquisa na Medicina fazem uso na mesma proporção de estratégias de atenuação para atender aos propósitos comunicativos do gênero textual-artigo de pesquisa, como também pela posição que ocupam na comunidade acadêmica e pela relação interpessoal que desejam estabelecer com a audiência. Essa pesquisa contribui para minimizar a lacuna existente com relação aos estudos sócio-retóricos das marcas metadiscursivas de atenuação, sob uma perspectiva contrastiva, em corpora escritos em português e alemão de artigos acadêmicos na Medicina.
Abstract: This thesis investigates, from a rhetoric-contrastive perspective, the uses and functions of rhetoric mitigation metadiscursive marks (here hedging devices) in research articles produced by Brazilian and German authors and understood as specialized texts (HOFFMANN, 1998), inserted in the expert-expert communicative context (PEARSON, 1998). To achieve this goal, the present study aims at answering the following questions: (a) how often are hedging strategies employed in the introduction and conclusion sections? (b) what is the relationship between the number of hedges in each subcorpus and the rhetorical characteristics of each analyzed section? (c) how often do the lexico-grammatical items performing the role of hedges appear in each subcorpus? The starting point for the investigation was the assumption that texts belonging to the same genre but written in different languages present striking rhetorical distinctions. Such differences in academic writing can be described by the use of hedges as discourse-pragmatic elements which characterize the "modus dicendi" of a given knowledge area; in the present case, Medicine. A corpus of 120 research articles from national and international medical journals was built, including texts written in German and Portuguese; the articles were collected from the CAPES periodics website. This corpus consists of 60 Medicine articles written in Portuguese and 60 articles written in German, divided into two subcorpora, namely, Corpus 1: Medicine-German and Corpus 2 : Medicine-Portuguese. The former is made of two subcorpora, (i) German Medicine Introduction (MAI) and (ii) German Medicine Discussion (MAD); the latter is also subdivided into two parts, (i) Portuguese Medicine Introduction (MPI) and (ii) Portuguese Medicine Discussion (MPD). The data were analyzed and processed in accordance with the Corpus Linguistics methodological principles, in an instrumental application of its methods. The data were treated with the help of a linguistic analysis software called WordSmith Tools (SCOTT, 1997), version 3.0, especially the Wordlist and Concord tools. In order to investigate and analyze the uses and functions of the hedges, from the Interactional Metadiscourse (HYLAND, 2005) and Intercultural Rhetoric (CONNOR, 2008) perspectives, given the corpora collected, we have proposed a classification model, in accordance with the taxonomies proposed by Hyland (2005), Cabrera (2004) and Martín-Martín (2008). The results of the analysis have pointed to the occurrence of a largest number of hedges, in both languages, in the discussion section of the articles, followed by the introduction section. Both present a high number of occurrences of indetermination devices (epistemic expressions, such as modal verbs, lexical verbs, semi-auxiliary verbs, and modal adjectives / adverbs) and disagentivization (impersonal expressions, passive voice).We can therefore conclude that the authors of the Medicine research articles, both those in Portuguese and in German, employ the same amount of hedges in order to achieve the communicative purposes of the research paper genre, given the position the authors occupy in the academic community and the interpersonal relationship they wish to establish with the audience. This research contributes to minimize the gap in the studies on hedging under a contrastive perspective, based on corpora of scholarly texts in Portuguese and German in the Medicine area.
Description: CARVALHO, Ednúsia Pinto de. A atenuação retórica em artigos de pesquisa: um estudo contrastivo com base em corpora. 2011. 127f. Tese (Doutorado em Linguística) – Universidade Federal do Ceará, Departamento de Letras Vernáculas, Programa de Pós-graduação em Linguística, Fortaleza-CE, 2011.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/6644
metadata.dc.type: Tese
Appears in Collections:PPGL - Teses defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2011_tese_epcarvalho.pdf1,59 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.