Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/6548
Title in Portuguese: Estudo ecológico e análise espacial da hanseníase no estado do Ceará
Title: Study ecological and spatial analysis of leprosy in Ceará
Author: Montenegro, Ana Claudia Dorta
Advisor(s): Kerr , Ligia Regina Sansigolo
Keywords: Hanseníase
Fatores Socioeconômicos
Iniquidade Social
Issue Date: 2002
Citation: MONTENEGRO, A. C. D. Estudo ecológico e análise espacial da hanseníase no Estado do Ceará. 2002. 93 f. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Medicina, Fortaleza, 2002.
Abstract in Portuguese: Este trabalho tem como objeto de estudo a hanseníase, doença secular que representa um sério problema de saúde pública no Brasil e, em particular, no Ceará. A detecção de casos no Estado permanece em ascenção e as taxas mais elevadas apresentam-se aglomeradas em possíveis “focos” da doença. Dessa forma, buscou-se investigar a influência de alguns fatores (sócio-econômicos, demográficos e ambientais) na distribuição da incidência de hanseníase no Ceará através de um estudo descritivo do tipo ecológico. Foram utilizados dados relacionados à doença (média das taxas de incidência de 1991 a 1999 para os municípios do Estado) e, variáveis provenientes do IBGE, Atlas do Desenvolvimento Humano no Brasil, IPLANCE (Instituto de Planejamento do Ceará) e FUNCEME (Fundação Cearense de Meteorologia). Inicialmente, foi feita análise de regressão linear que se deu através do Software Stata. Em seguida, a análise espacial dos dados foi utilizada a fim de investigar a presença de dependência espacial da variável desfecho. Foi realizada decomposição da variação espacial em larga e pequena escala. Para medir a variação da taxa de hanseníase em larga escala, utilizou-se modelo (loess) responsável pelo “alisamento” dos dados. A variação em pequena escala foi avaliada em função do Índice I de Moran que apontou a existência de autocorrelação espacial. A Análise espacial foi feita através dos softwares Arcview 3.1, S-Plus2000 e módulo S+Spatialstats.
Abstract: This research aims at studying hanseniasis, ancient disease which is a serious public health affair in Brazil and, particularly in Ceará. Cases detection in this state have being arising and the highest indexes can be noticed in possible focus of the disease. Therefore, the influence of some specific factors such as social, economical, demographical, and environmental have been studied in the distribution of this disease in Ceará through a descriptive study of the ecological type. Data related to the disease have been used (average of the incidence index between 1991 and 1999 concerning the cities in the state) and, information from IBGE, Human Brazilian Development Atlas, IPLANCE (Planning Institute of Ceará) e FUNCEME (Meteorology Foundation of Ceará). Initially, a linear regression analysis has been done, through Stata Software. Following, the spatial analysis of the data has been used in order to investigate the existence of spatial dependence of the outcome variable. Decomposition of spatial variable has been done in wide and narrow scale. In order to measure the variation of the hanseniasis index in a wide scale, the patterns responsible for the data analysis have been used. The variation in a narrow scale have been evaluated considering the index I by Moran, which pointed the existence of spatial autocorrelation. The spatial analysis has been done by using Arcview 3.1, S-Plus 2000 and S+Spatialstats softwares.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/6548
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:DSC - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2002_dis_acdmontenegro.pdf1,24 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.