Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/6467
Title in Portuguese: O argumento de quine sobre a indeterminação da tradução
Title: The argument of quine on the undetermination of the translation
Author: Dias, Aline de Pinho
Advisor(s): Pequeno, Tarcisio Haroldo Cavalcante
Keywords: Philosophy of Language
Quine, W.V. (Willard Van Orman)
Holismo e semântica (Filosofia)
Linguagem - Filosofia
Significação (Filosofia)
Issue Date: 2003
Publisher: www.teses.ufc.br
Citation: Dias, A. P. ; Pequeno, T. H. C. (2003)
Abstract in Portuguese: Esta dissertação mostra a crítica de Quine à noção de significado. O trabalho inicia com a exposição das teorias semânticas de Gotllob Frege e de Rudolf Carnap que, segundo Quine, são insatisfatórias no esclarecimento da noção de significado. O passo seguinte será a crítica de Quine a conceitos relacionados à noção de significado, a saber, analiticidade e sinonímia. O capítulo central será uma exposição minuciosa dos argumentos de Quine contra a noção clássica de significado, explorada na tese da indeterminação da tradução, e a crítica à noção clássica de referência. Em seguida, é exposta a tentativa de reconstrução da noção de significado feita por Hilary Putnam e sua crítica à Quine. Nas considerações finais, são apontadas algumas das conseqüências filosóficas mais diretas resultantes da crítica de Quine à noção de significado.
Description: DIAS, Aline de Pinho. O argumento de quine sobre a indeterminação da tradução. 2003. 116f. – Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-graduação em Filosofia, Fortaleza (CE), 2003.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/6467
Appears in Collections:PPGFILO - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2003-DIS-APDIAS.pdf472,71 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.