Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/634
Title in Portuguese: Desigualdade de renda e eficiência técnica na geração de bem estar entre os estados brasileiros
Author: Benegas, Maurício
Keywords: Desigualdade de renda
Issue Date: 2004
Publisher: Revista Brasileira de Economia
Citation: BENEGAS, M.; MARINHO, Emerson L.L.; SOARES, Francisco. Desigualdade de renda e eficiência técnica na geração de bem estar entre os estados brasileiros. Rev.bras.econ., v.58, n.4, p.583-608, out.dez.2004
Abstract in Portuguese: Este artigo estima as medidas de eficiência técnica dos estados brasileiros na geração de bem-estar, entre os anos de 1986 e 1998, utilizando o m´etodo n˜ao-param´etrico Data Envelopment Analisys (DEA). São utilizadas como medidas de bem-estar a medida de Sen e, alternativamente, o PIB per capita e o´Indice de Desenvolvimento Humano (IDH). Adicionalmente, são calculadas as medidas de desigualdade de renda inter/intra-regional de Theil para se analisar a trajetória da desigualdade no Brasil como uma determinante do bem-estar. Comparando as medidas de desigualdade no início e no final do per´ıodo, nota-se que apenas nas regi˜oes nordeste e sudeste ocorreram reduções significativas da desigualdade e que as medidas de desigualdade totais não sofreram qualquer modificação significativa durante o per´ıodo analisado. Quanto `as medidas de eficiência na geração de bem-estar, o modelo utilizando a medida de bem-estar de Sen aponta os estados de São Paulo, Rio Grande do Sul, Amazonas, Roraima e Amap´a como sendo os mais eficientes na geração de bem-estar. O modelo com PIB per capita, replica basicamente os resultados anteriores. Finalmente, utilizando o IDH,os estados acima citados, mant´em-se ainda como os mais eficientes com exceção do estado de São Paulo.
Abstract: In this paper we utilize the Data Envelopment Analysis (DEA),a non-parametric method, to estimate measures of technical effici-ency of the Brazilian states in the generation of welfare between 1986 and 1998. The basic welfare measures considered include the measure developed by Sen and, alternatively, GDP per capita and the Human Development Index (HDI). Additionally, Theil’s inter and intra-regional income inequality measures are calculated so that the path of income inequality as determinant of welfare could also be analyzed for Brazil. Comparing these inequality measures in the beginning and in the end of the period in analysis,we note that only in the Northeast and in the Southeast was that inequality was significantly reduced. And, regarding the measures of efficiency in the generation of welfare, the model using Sen’s measures or GDP per capita indicate that the states of S˜ao Paulo,Rio Grande do Sul, Amazonas, Roraima, and Amap´a are the most efficient among all Brazilian states. When the HDI is considered,the same states are the most efficient with the exception of São Paulo.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/634
metadata.dc.type: Artigo de Periódico
ISSN: 00347140
Appears in Collections:CAEN - Artigos publicados em revistas científicas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2004_art_mbenegas.pdf330,17 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.