Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/6122
Title in Portuguese: Formação de professoras alfabetizadoras em uma perspectiva sociointeracionista: a (re)elaboração de conceitos e práticas docentes
Title: Literacy teachers formation in a social interactionist perspective: the (re)elaboration of teaching concepts and practices
Author: Barreto, Maria do Socorro
Advisor(s): Mamede, Inês Cristina de Melo
Keywords: Formação Docente
Professor Alfabetizador
Pesquisa-intervenção
Avaliação da Educação
Prática Docente
Formação de Professores
Professores de Educação Básica
Prática de Ensino
Alfabetização - Mossoró (RN)
Interação Educativa
Issue Date: 2010
Publisher: http://www.teses.ufc.br
Citation: BARRETO, Maria do Socorro. Formação de professoras alfabetizadoras em uma perspectiva sociointeracionista: a (re)elaboração de conceitos e práticas docentes. 2010. 315f. Tese (Doutorado) - Universidade Federal do Ceará, Faculdade de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação Brasileira, 2010.
Abstract in Portuguese: Apesar do investimento na formação inicial e continuada de professores, os índices das avaliações oficiais ainda indicam problemas quanto à qualidade da Educação Básica, nas escolas públicas do Brasil – sobretudo nas regiões Norte e Nordeste do país – principalmente nos anos iniciais de escolaridade. Esses problemas decorrem de uma série de fatores, alguns deles relativos à formação docente. Pesquisas sobre formação de professores, por outro lado, têm sido profícuas, por implicarem reais contribuições para o debate e redefinições de concepções sobre o tema. Nesse espaço, insere-se esta investigação sobre a formação de professores alfabetizadores. Partiu-se da seguinte questão: como uma pesquisa-intervenção pautada na perspectiva sociointeracionista pode colaborar para a formação docente, no sentido da elaboração/reelaboração de saberes e práticas na alfabetização? Com este trabalho, objetivou-se mais especificamente: caracterizar e analisar os movimentos e a dinâmica que compõem uma pesquisa-intervenção que foi, ao mesmo tempo, uma experiência de formação em serviço, voltada ao ensino e à aprendizagem da linguagem escrita; identificar como se dão as interações dos pares (professoras-professoras) e que saberes são constituídos nesse espaço, propiciando atuação na zona de desenvolvimento proximal das docentes, e compreender como a intervenção da pesquisadora pode favorecer os avanços de saberes teóricos e a relação destes com a prática de alfabetização. A base teórica foi constituída pelas contribuições da teoria sociointeracionista, em particular, as ideias defendidas por Vygotsky sobre mediação; zonas de desenvolvimento proximal; intervenção, aqui tomada como a ação da pesquisadora junto às professoras; e interação, considerada a relação entre as colegas. A psicogênese da língua escrita, de Ferreiro e Teberosky (1998), foi utilizada como base teórica na área da alfabetização, além dos estudos sobre os saberes e a formação docente, representados por autores, tais como Nóvoa (1997), Sacritán (2002), Tardif (2002), Morais (2005), Leal (2005), dentre outros. Optou-se pela abordagem qualitativa, com realização de pesquisa-intervenção. Foram feitas observações das práticas, filmagens, aplicação de questionários, entrevistas, e, especialmente, foram desenvolvidos círculos de estudos, que funcionaram tanto como espaço de investigação quanto de formação docente. Participaram da pesquisa 5 professoras alfabetizadoras, de uma escola pública, da cidade de Mossoró - Rio Grande do Norte. Os achados apontaram para a seguinte conclusão: ao possibilitar conhecimento e reflexão acerca dos saberes e das práticas das professoras alfabetizadoras, tomando-os como ponto de partida, a pesquisa-intervenção pode contribuir para a elaboração e a reelaboração de concepções e práticas docentes. Para isso, foram analisadas as zonas de desenvolvimento real em relação aos saberes e às práticas, como base para a pesquisadora intervir nas zonas de desenvolvimento proximal. Foi considerada, ainda, a singularidade do contexto no qual as docentes estão envolvidas, proporcionando-se conhecimento dessas particularidades contextuais e do processo formativo das professoras. A interação entre as docentes também foi considerada como recurso para instigá-las a refletir sobre seus conhecimentos e práticas, no sentido de que buscassem a superação das dificuldades encontradas no seu trabalho, ampliando e diversificando suas ações. Destacaram-se, também, as práticas realizadas junto aos alunos como elementos indispensáveis para a intervenção no processo formativo, articulando-se, de maneira mais efetiva, teoria e prática, aspecto este, em geral, tão demandado por professores. Esses achados apontaram, então, para questões relevantes, que podem subsidiar futuras políticas educacionais e programas destinados à formação de professores alfabetizadores.
Abstract: Despite the investments in pre-service and in-service education for teachers, the rates in the official evaluations that indicate problems regarding the quality of the basic education in the Brazilian public schools – above all in the Northern and the Northeastern regions of the country – especially on the first years of schooling. These problems come up due to a number of factors, some of them regard the education of the teachers. Research on teachers´ schooling, on the other hand, are very useful, because they bring real contributions to the debate and to redefinitions of the concepts under this topic. Within this context, we insert this investigation on the education of literacy teachers. The starting question is: how can an interventionist research based on a sociointeractionist perspective contribute to the teachers‟ preparation, with the goal to elaborate/reelaborate the knowledge and practices in literacy process? With this paper, we aim specifically at characterizing and analyzing the movements and dynamics that compose an interventionist research that was, at the same time, an in- service experience focused on the teaching and learning of the written language; identifying how the interactions take place within the pairs (teacher-teacher) and what pieces of knowledge are constituted in this space, enabling action on the zone of proximal development of the teachers, and comprehending how the intervention of the researcher can foster the development on the learning of theories and the relationship between them and the literacy practice. The theoretical foundation was constituted by the contributions of the sociointeractionist theory, especially by the ideas defended by Vygotsky about mediation; zone of proximal development, intervention, here understood as the action taken by the researcher along with the teachers; and interaction, understood as the relationship among the colleagues. The psychogenesis of the written language, according to Ferreiro and Teberosky (1998), based the theory of literacy, besides the studies on pieces of knowledge and teachers‟ education, produced by authors, such as Nóvoa (1997), Sacritán (2002), Tardif (2002), Morais (2005), Leal (2005), among others. The qualitative approach was utilized along with the interventionist research. Practices, video recordings, questionnaires and interviews were observed and study groups were developed, these served not only as investigational space, but also as teachers‟ educational space. Five literacy teachers, all women, who worked in public schools in the city of Mossoró, Rio Grande do Norte, took part in the research. The findings point to the following conclusion: by promoting reflection regarding the pieces of knowledge and the practices of literacy teachers, taking them as the starting point, the interventionist research could contribute to the elaboration and reelaboration of teaching conceptions and practices. For this purpose, zones of actual development regarding knowledge and teaching practices were analyzed, as the basis for the researcher to intervene with the zones of proximal development. The singularity of the context in which the teachers are inserted was also considered as a resource in order to instigate them to reflect upon their knowledge and practices, so that they would aim at overcoming the difficulties they face at work, widening and varying their actions. The practices that took place with the students were also highlighted as indispensable elements for the intervention on the teachers‟ education process, bringing together, in a more effective way, theory and practice, an aspect that is highly demanded by the teachers. These findings point towards relevant issues that can subside future educationalpolicies and programs destined to the education of literacy teachers.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/6122
metadata.dc.type: Tese
Appears in Collections:PPGEB - Teses defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2010_tese_msbarreto.pdf2,96 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.