Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/55860
Title in Portuguese: Descompactando contextos “vazios”: influências das instituições e estratégias não-mercado na relação empresa-sociedade
Author: Sousa, André Luiz Castro de
Advisor(s): Abreu, Mônica Cavalcanti Sá de
Keywords: Organização
Responsabilidade Social
Ambiente Institucional
Issue Date: 23-Nov-2020
Citation: SOUSA, A. L. C. Descompactando contextos “vazios”: influências das instituições e estratégias não-mercado na relação empresa-sociedade. 2020. 133 f. Dissertação (Mestrado em Administração e Controladoria) – Programa de Pós-Graduação em Administração e Controladoria, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2020.
Abstract in Portuguese: Parte da corrente teórica institucionalista, ao investigar países emergentes argumenta em favor da existência de vazios institucionais que decorrem da ausência ou negligência de instituições a nível nacional ou local. Esses vazios repercutem no campo da estratégia, pois exigem respostas organizacionais diferenciadas. Este estudo investigou um ambiente institucional local de um país emergente, identificando o papel das empresas na modelagem desse ambiente, por meio de duas estratégias do tipo não-mercado, a Atividade Política Corporativa (APC) e a Responsabilidade Social Corporativa (RSC). Nesse sentido, o objetivo do trabalho foi avaliar as influências do ambiente institucional local na definição de estratégias não-mercado e caracterizar o papel destas estratégias na moldagem do ambiente. A pesquisa empírica foi desenvolvida no primeiro Distrito Industrial de Fortaleza (DIF), situado no município de Maracanaú – CE, onde foram realizadas 31 entrevistas com gestores empresariais, agentes públicos de órgãos municipais e estaduais, entidades de representação da indústria e lideranças comunitárias. Os dados primários foram suplementados com documentos secundários, tais como dados eleitorais, demográficos e historiográficos. Os resultados mostram que o ambiente institucional local foi moldado sob a lógica da emergência de industrialização. Identificou-se o forte papel das relações empresas-governo e interorganizacionais na definição das características desse ambiente, bem como a recorrente disputa de interesses entre empresas e políticos locais. A escolha pela abordagem de três fenômenos analíticos: ordenamento territorial, fiscalização ambiental e plano de ação mútua, pôde validar as manifestações das relações mencionadas, construindo alternativas analíticas para contextos previamente definidos como institucionalmente vazios. Foi identificado que o ambiente institucional local é propício para o desenvolvimento da APC, e sua manifestação por meio de estratégias de construção de eleitorado, financeiras e relacionais. A respeito da RSC, verificou-se que é uma orientação ainda pouco presente, especialmente concentrada no aspecto da filantropia, para atenuar conflitos e obter legitimidade. As estratégias não-mercado analisadas sugerem as formas pelas quais os atores privados exercem influência nesse ambiente, oferecendo pressão ou resistência aos processos de mudança institucional. A pesquisa contribui ao evidenciar como as empresas complementam estratégias não-mercado para impulsionar seu capital político, conduzindo o ambiente institucional conforme suas expectativas, por vezes negligenciando os impactos as comunidades vizinhas e ao meio ambiente natural.
Abstract: Part of the institutionalist theoretical current, when investigating emerging countries, argues in favor of the existence of institutional voids that result from the absence or neglect of institutions at national or local level. These gaps have repercussions in the field of strategy, as they require different organizational responses. This study investigated a local institutional environment in an emerging country, identifying the role of companies in modeling this environment, through two non-market strategies, Corporate Political Activity (CPA) and Corporate Social Responsibility (CSR). In this sense, the objective of the work was to evaluate the influences of the local institutional environment in the definition of non-market strategies and to characterize the role of these strategies in shaping the environment. The empirical research was carried out in the first Industrial District of Fortaleza (IDF), located in the municipality of Maracanaú - CE, where 31 interviews were conducted with business managers, public agents from municipal and state agencies, entities representing the industry and community leaders. Primary data has been supplemented with secondary documents, such as electoral, demographic and historiographic data. The results show that the local institutional environment was shaped under the logic of the emergence of industrialization. The strong role of business-government and interorganizational relations was identified in defining the characteristics of this environment, as well as the recurring dispute of interests between companies and local politicians. The choice to approach three analytical phenomena: territorial ordering, environmental inspection and mutual action plan, was able to validate the manifestations of the mentioned relationships, building analytical alternatives for contexts previously defined as institutionally empty. It was identified that the local institutional environment is conducive to the development of CPA, and its manifestation through electorate building, financial and relational strategies. Regarding CSR, it was found that it is an orientation that is still little present, especially focused on the aspect of philanthropy, to mitigate conflicts and obtain legitimacy. The analyzed non-market strategies suggest the ways in which private actors influence this environment, offering pressure or resistance in the processes of institutional change. The research contributes by showing how companies complement non-market strategies to boost their political capital, conducting the institutional environment according to their expectations, sometimes neglecting the impacts on neighboring communities and the natural environment.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/55860
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:PPAC - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2020_dis_alcsousa.pdf1,46 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.