Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/54902
Title in Portuguese: Produção, caracterização e análise da exergia do biodiesel de soja em escala de laboratório
Title: Production, characterization and analysis of exergy of soybean biodiesel in laboratory scale
Author: Barbosa, Marianna Melo
Advisor(s): Rios, Maria Alexsandra de Sousa
Keywords: Energia
Biocombustíveis
Biodiesel
Soja
Exergia
Issue Date: 2018
Citation: BARBOSA, Marianna Melo. Produção, caracterização e análise da exergia do biodiesel de soja em escala de laboratório. 2018. 47 f. Monografia (Graduação em Engenharia Mecânica) - Universidade Federal do Ceará) , Fortaleza, 2018.
Abstract in Portuguese: O atual modelo energético hegemônico mundial é majoritariamente baseado na queima de combustíveis fósseis. A forte dependência do petróleo e do gás natural para a geração de energia bem como a poluição resultante da queima de tais combustíveis fósseis é uma preocupação global. Em meio a um cenário onde gasta-se cada vez mais energia, pensar em alternativas para a geração dessa energia já se tornou uma necessidade. Biocombustíveis demonstraram ser uma boa saída para substituir ou diminuir a dependência do uso de fontes não-renováveis. A ANP é quem faz a regulamentação de todo e qualquer combustível no Brasil, sejam de fontes renováveis ou não-renováveis. Biodiesel de soja foi produzido em escala laboratorial por meio de uma reação de transesterificação. Foi realizada uma análise da exergia do processo e caracterização físico-química do biodiesel produzido e uma breve discussão sobre os seguintes parâmetros: poder calorífico superior e inferior, teor de água, massa específica a 20 °C, viscosidade cinemática a 40°C, índice de acidez e estabilidade oxidativa, verificando a adequação aos parâmetros da Resolução ANP nº 45/2014 e que serviram de base para a discussão sobre a qualidade do biodiesel como combustível. De acordo com a análise da exergia e a caracterização físico-química feitas, apesar das desconformidades no teor de água e na estabilidade oxidativa, o biodiesel de soja mostrou-se como uma boa alternativa ao uso indispensável de combustíveis.
Abstract: The current world hegemonic energy model is mostly based on the burning of fossil fuels. The heavy reliance on oil and natural gas for the generation of energy as well as the pollution resulting from the burning of such fossil fuels is a global concern. In the midst of a scenario where more and more energy is spent, thinking about alternatives for generating this energy has already become a necessity. Biofuels have proven to be a good way to replace or reduce dependence on the use of non-renewable sources. The ANP regulates any and all fuels in Brazil, whether from renewable or non-renewable sources. Soybean biodiesel was produced on a laboratory scale by means of a transesterification reaction. An analysis of the exergy of the process and physical-chemical characterization of the biodiesel produced was carried out and a brief discussion on the following parameters: upper and lower calorific value, water content, specific mass at 20 ° C, kinematic viscosity at 40 ° C, index of acidity and oxidative stability, verifying the adequacy to the parameters of ANP Resolution 45/2014 and that served as basis for the discussion on the quality of biodiesel as fuel. According to the analysis of the exergy and the physicochemical characterization made, despite the lack of water content and oxidative stability, soybean biodiesel proved to be a good alternative to the indispensable use of fuels.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/54902
metadata.dc.type: TCC
Appears in Collections:ENGENHARIA MECÂNICA - Monografias

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_tcc_mmbarbosa.pdf1,35 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.