Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/53381
Title in Portuguese: Pré-campanhas eleitorais: o oculto e explícito em cenas contrapostas no cenário político
Title: Electoral pre-campaigns: the hidden and explicit in scenes opposite the political scene
Author: Freitas, Gilvanira Maria Xavier de
Advisor(s): Barreira, Irlys Alencar Firmo
Keywords: Pré-campanhas eleitorais
Humor
Candidaturas
Issue Date: 2009
Citation: FREITAS, Gilvanira Maria Xavier de. Pré-campanhas eleitorais: o oculto e explícito em cenas contrapostas no cenário político. 2009. 143f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Centro de Humanidades, Programa de Pós-graduação em Sociologia, Fortaleza, 2009.
Abstract in Portuguese: A presente pesquisa apresenta indicações do campo político que induzem a uma situação de competição eleitoral, sobre um tempo, um agir político, que se inicia antes mesmo das campanhas serem anunciadas. É o que se designou popularmente de “clima eleitoral”. Esse período específico é designado de pré-campanha, objeto dessa pesquisa. Destacar a pré-campanha significa adentrar no universo fluído do ritmo do evento eleitoral, no instante onde os ditos e os não ditos ainda são velados pela estratégia da surpresa, da experimentação. A pré-campanha se insere no campo político como momento importante na construção do universo social das campanhas eleitorais, uma vez que possui uma dimensão de construção ritualizada na qual se percebe a dinâmica do evento eleitoral se estruturando, permitindo a percepção de significados que antecedem e transmitem as práticas políticas que vigoram em tempos de eleição. A pesquisa enfatiza o quanto as pré-campanhas se inserem no campo político como momento importante na construção do universo social das campanhas eleitorais, uma vez que possui uma dimensão de construção ritualizada na qual se percebe a dinâmica do evento eleitoral se estruturando, permitindo a percepção de significados que antecedem e transmitem as práticas políticas que vigoram em tempos de eleição. Dessa forma, embora sugira que as pré-campanhas são apêndices das campanhas eleitorais, elas demonstram ser passagens ritualizadas do evento político, pois assumem um caráter estruturador dos enredos eleitorais. Elas entram de forma a gerir uma nova dinâmica da esfera política, demarcando um tempo inaugural de apresentação para os que pretendem se destacar, sinalizando interditos do mundo político. As pré-campanhas revelam substâncias da vida política, ocasionadas pela circunstância espacial na qual se constrói uma candidatura em espaço não compartilhado com os eleitores, ou não tanto, como nas campanhas; espaço de disputa no qual o foco é a relação candidato-eleitor, considerando as campanhas como cenários de efetivação do mundo político, com atores e enredos situados. Deste modo, os processos que antecedem as eleições ampliam a significação desse jogo de manutenção, quando os partidos e pré-candidatos articulam tomadas de posição dentro do campo político, o que implica transição de um estado de política não competitiva, para uma política de conflito autorizado que se evidenciará pela disputa eleitoral.
Abstract: This research presents indications from the political field that lead to a situation of electoral competition, over time, political action, which begins even before the campaigns are announced. This is what has been popularly called the “electoral climate”. This specific period is called the pre-campaign, which is the object of this research. To highlight the pre-campaign means to enter the fluid universe of the rhythm of the electoral event, at the moment when the said and the unspoken are still veiled by the strategy of surprise, of experimentation. The pre-campaign is inserted in the political field as an important moment in the construction of the social universe of electoral campaigns, since it has a dimension of ritualized construction in which the dynamics of the electoral event are being structured, allowing the perception of meanings that precede and they convey the political practices that prevail in times of election. The research emphasizes the extent to which pre-campaigns are inserted in the political field as an important moment in the construction of the social universe of electoral campaigns, since it has a dimension of ritualized construction in which one perceives the dynamics of the electoral event being structured, allowing the perception meanings that precede and convey the political practices that prevail in times of election. Thus, although it suggests that pre-campaigns are appendages to electoral campaigns, they prove to be ritualized passages of the political event, as they assume a structuring character of electoral plots. They enter in order to manage a new dynamic in the political sphere, setting an inaugural presentation time for those who intend to stand out, signaling interdictions from the political world. Pre-campaigns reveal substances of political life, caused by the spatial circumstance in which a candidacy is built in a space not shared with voters, or not so much, as in campaigns; space of dispute in which the focus is the candidate-voter relationship, considering the campaigns as scenarios for the realization of the political world, with actors and situated plots. In this way, the processes that precede the elections expand the significance of this maintenance game, when the parties and pre-candidates articulate positions within the political field, which implies a transition from a state of non-competitive politics, to a politics of conflict. that will be evidenced by the electoral dispute.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/53381
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:PPGS - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2009_dis_gmxfreitas.pdf1,51 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.