Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/53157
Title in Portuguese: Trabalho digital e organização ágil: a vivência espaço-temporal de trabalhadores em tecnologias de informação
Title: Digital Work and Agile Organization: the space-time experience of workers in information technologies
Author: Moita, Dímitre Sampaio
Advisor(s): Aquino, Cássio Adriano Braz de
Keywords: Trabalho digital
Trabalhadores de TI
Psicologia social do trabalho
Issue Date: 2020
Citation: MOITA, Dímitre Sampaio.Trabalho digital e organização ágil: a vivência espaço-temporal de trabalhadores em tecnologias de informação. 2020. 219f. - Tese (doutorado) - Universidade Federal do Ceará, Centro de Humanidades, Programa de pós-graduação em Psicologia, Fortaleza (CE), 2020.
Abstract in Portuguese: Os trabalhadores em Tecnologia da Informação (TI) são responsáveis pela produção das tecnologias digitais que caracterizam o modelo de acumulação capitalista contemporâneo, de dinâmica flexível. Esses trabalhadores estabelecem uma dupla relação com a flexibilidade: trabalham sob jornadas, espaços e relações de trabalho flexíveis, e, sob essas condições, produzem as ferramentas que “digitalizam” a produção, a circulação e o consumo de mercadorias (materiais ou não-materiais), e que servem à flexibilização da atividade de outros trabalhadores. Trata-se de uma atividade paradigmática das novas formas de valorização do capital, daí a relevância de, a partir da psicologia social do trabalho, compreender o modo como o trabalho dessas pessoas medeia sua vivência espaço-temporal. A investigação privilegia a organização da produção de software, principal mercadoria do setor econômico de TI, como dimensão de análise dessa mediação. As escolhas da organização ágil, especialmente o dimensionamento de prazos de entrega e da produtividade das equipes de desenvolvimento, estão na origem da intensificação do trabalho experimentada pelos trabalhadores de TI. A partir de um desenho metodológico que envolve entrevista sobre história de vida laboral, preenchimento de um diário de alocação de atividades e entrevista de discussão dos resultados do diário, cinco pessoas trabalhadoras de TI participaram da pesquisa. A tese apresenta os relatos dos casos das cinco pessoas participantes, para a seguir, extrair conclusões sobre o modo como sua vivência cotidiana é influenciada pelo trabalho em TI. As observações empreendidas evidenciam a necessidade de discutir o desgaste biopsíquico e o envelhecimento precoce desses trabalhadores, que em suas trajetórias laborais e cotidianamente, por causa do apagamento das fronteiras entre espaço-tempo de trabalho e espaço-tempo de não trabalho, são impedidos de se desconectarem do trabalho.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/53157
metadata.dc.type: Tese
Appears in Collections:PPGP - Teses defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2020_tes_dsmoita.pdf1,63 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.