Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/52823
Title in Portuguese: O Enfrentamento das Barreiras Linguísticas da Língua Portuguesa pelos Estudantes Timorenses do Curso de Enfermagem da UNILAB - CE
Author: Mendes, Luciana Marçal
Advisor(s): Silva, Antônio Wagner Chacon
Keywords: Barreiras Linguísticas - Língua Portuguesa
Sociolinguística para área da saúde
Sociolinguística e Informação
Issue Date: 2019
Citation: MENDES, Luciana Marçal. O Enfrentamento das Barreiras Linguísticas da Língua Portuguesa pelos Estudantes Timorenses do Curso de Enfermagem da UNILAB - CE. 2019. 51f. - Monografia (Graduação) - Universidade Federal do Ceará, Centro de Humanidades, Curso de Graduação em Biblioteconomia, Fortaleza (CE), 2019.
Abstract in Portuguese: Este trabalho trata sobre a vinda de estudantes estrangeiros mais especificamente estudantes timorenses que ingressaram na Universidade de Integração Internacional da Lusofonia Afro Brasileira - UNILAB, na turma acadêmica de Enfermagem 2012.1 Campus da Liberdade na cidade de Redenção - CE, através da aproximação e troca de experiências vividas entre os países que integram Comunidades de Países de Língua Portuguesa – CPLP. Teve por objetivo analisar as dificuldades de recepção da informação e aprendizado sofridas pelos alunos timorenses do curso de Enfermagem da UNILAB e como motivos específicos: investigar as barreiras linguísticas que causam as dificuldades de recepção da informação aos alunos timorenses, avaliar as dificuldades de recepção da informação e aprendizado, compreender a sociolinguística como meio de humanização para as práticas de Enfermagem, visando com isso fazer uso da sociolinguística para facilitar o repasse da informação da área da saúde no auxílio ao aprendizado de técnicas e procedimentos que oferecerão maior suporte aos futuros profissionais para com o desenvolvimento das suas funções, proporcionando melhores cuidados, conforto e bem-estar aos pacientes das unidades de saúde onde irão atuar futuramente. De tal maneira, consolidamos o referencial teórico com base em Ferdinand de Saussure, por desenvolver a Linguística enquanto ciência autônoma, que teve grande influência na teoria da literatura e nos estudos culturais que embasaram o estruturalismo, Humberto Maturana com a criação da Autopoiese que trata da “autoprodução” dos seres humanos e Louis-Jean Calvet que trata da sociolinguística. A pesquisa de caráter qualitativo onde utilizamos o método de entrevista sociolinguística e como instrumentos de pesquisa a coleta de narrativas de experiências pessoais, onde a comunicação é feita através da percepção da linguagem do outro enquanto ser e não meramente como objeto de estudo, melhorando as relações entre pessoas e proporcionando saúde humanizada a sociedade.
Abstract: This paper deals with the coming of foreign students more specifically Timorese students who joined the University of International Integration of Lusofonia Afro Brasileira-UNILAB, in the academic class of nursing 2012.1 Campus da Liberdade in the City of Redenção-CE, through the approximation and exchange of experiences lived among the countries that integrate communities of Portuguese-speaking countries – CPLP. The objective was to analyze the difficulties of receiving information and learning suffered by the Timorese students of the UNILAB Nursing course and as specific reasons: to investigate the linguistic barriers that cause the difficulties of receiving the Information to Timorese students, assessing the difficulties of receiving information and learning, understanding sociolinguistics as a means of humanization for nursing practices, aiming to make use of sociolinguistics to facilitate the transfer of Health Information in helping to learn techniques and procedures that will provide greater support to future professionals to develop their functions, providing better care, comfort and well-being to patients in Health units where they will act in the future. In this way, we consolidate the theoretical framework based on Ferdinand de Saussure, for developing linguistics as an autonomous science, which had great influence on the theory of literature and on the cultural studies that supported structuralism, Humberto Maturana with the creation of Autopoiese that deals with the "self-production" of human beings and Louis-Jean Calvet that deals with Sociolinguistics. The qualitative research where we use the Sociolinguistic interview method and as research instruments the collection of narratives of personal experiences, where communication is made through the perception of the language of the other while being and not merely as an object of study, improving relationships between people and providing humanized health to society.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/52823
metadata.dc.type: TCC
Appears in Collections:BIBLIOTECONOMIA - Monografias

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_tcc_lmmendes.pdf499,88 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.