Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/50766
Title in Portuguese: Sazonalidade e dinâmica de assembleias de plantas aquáticas em lagos rasos no semiárido brasileiro
Title: Seasonality and dynamics of aquatic plant assemblies in shallow lakes in the brazilian semiarid
Author: Farias, Dayse Leone dos Santos
Advisor(s): Matias, Lígia Queiroz
Keywords: Macrófitas aquáticas
Competição
Regras de montagem
Issue Date: 2019
Citation: FARIAS, Dayse Leone dos Santos. Sazonalidade e dinâmica de assembleias de plantas aquáticas em lagos rasos no semiárido brasileiro. 2019. 83 f. Tese (Doutorado em Ecologia e Recursos Naturais)-Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2020.
Abstract in Portuguese: Assembleias de plantas aquáticas podem ser organizadas por diversos fatores bióticos e/ou abióticos, que influem de maneira diferenciada e podem variar de acordo com a escala de observação. Portanto, esta tese teve como objetivo estudar ambientes lênticos do semiárido, de modo a: (1) verificar as interações bióticas de plantas aquáticas durante um ciclo sazonal, testando a hipótese de que espécies com maior semelhança morfológica tendem a se excluir devido à competição assimétrica pelos recursos, predominando a coexistência de plantas com formas de crescimento diferentes que se complementam espacialmente em todos os estágios de sucessão; e (2) verificar a relação entre as alterações no sedimento durante um ciclo sazonal e as interações interpopulacionais, nas assembleias de plantas aquáticas, testando a hipótese de que a dominância das espécies está relacionada com a variação do sedimento, permitindo menor sobreposição de utilização dos recursos. Para isso, realizamos a pesquisa em três lagos rasos durante um período sazonal. Levantamos dados de índice de Cobertura das plantas e fatores físicos e químicos da água e do solo. Nós observamos que a competição é o principal filtro biótico que influencia a organização das assembleias nestes ambientes. Além disto, as plantas aquáticas com maiores índices de dominância possuíam formas de crescimento diferenciadas e complementares, porém não foram as formas esperadas pela nossa hipótese. As variáveis profundidade e turbidez foram correlacionadas significativamente com a dominância das espécies. Além destas variáveis, o sedimento também demonstrou importância na estruturação das assembleias, indicando que há uma diferenciação no nicho das espécies. A variação sazonal não influencia na estruturação das assembleias. Concluímos que a competição é um dos fatores estruturantes das plantas aquáticas, mas os fatores ambientais também são importantes na organização das espécies, independente do período sazonal.
Abstract: Aquatic plant assemblages can be organized by several of factors, biotic and abiotic, which influence in different ways depending on the scale of observation and can act simultaneously. Therefore, in this study we aimed: (1) to verify how the biotic interactions were structured during a seasonal cycle, testing the hypothesis that species with greater morphological similarity tend to be excluded due to the asymmetric competition for the resources, predominating the coexistence of hydrophytes with different growth forms that complement each other spatially at all stages of succession; (2) to verify the relationship between sediment changes during a seasonal cycle with interpopulational interactions in aquatic plant assemblages in semi-arid shallow lakes, testing the hypothesis that sediment variation is related to species dominance, allowing for less overlap resources. We observed that competition is the biotic filter that influences the organization of aquatic plants in these environments. And that the coexistence of hydrophytes with higher index of dominance with complementary forms of growth occurred in shallow lakes, but with combinations different from those expected for these environments. The variables depth and turbidity were significantly correlated with the dominance of the species. Besides these variables, the sediment also showed importance in structuring the assemblies, indicating that there is a differentiation in the niche of the species. However, the seasonal variation does not influence structure of the assemblies. Thus, we observe that both biotic and abiotic factors are important factors on aquatic plants.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/50766
metadata.dc.type: Tese
Appears in Collections:DBIO - Teses defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_tese_dlsfarias.pdf1,1 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.