Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/50756
Title in Portuguese: Análise de sustentabilidade em assentamento de reforma agrária: o caso de Chico Mendes III, Pernambuco, Brasil
Title: Sustainabiblity analysis in agrarian reform settlement: the case of Chico Mendes III, Pernambuco, Brazil
Author: Gamarra-Rojas, Guillermo
Mattos, Jorge Luiz Schirmer de
Gamarra-Rojas, Cíntia Ferreira Lima
Lima, Patrícia Verônica Pinheiro Sales
Caporal, Francisco Roberto
Keywords: Trabalhadores rurais
Agroecologia
Atributos sistêmicos
Sustentabilidade - Indicadores
Issue Date: 2019
Publisher: Extensão rural
Citation: GAMARRA-ROJAS, G.; MATTOS, J. L. S.; GAMARRA-ROJAS, C. F. L.; LIMA, P. V. P. S.; CAPORAL, F. R. Análise de sustentabilidade em assentamento de reforma agrária: o caso de Chico Mendes III, Pernambuco, Brasil. Extensão Rural, Santa Maria, v. 26, n. 3, p. 21-41, jul/set. 2019.
Abstract in Portuguese: No Assentamento Chico Mendes III, localizado na Zona da Mata, com sede no distrito de Tiúma, município de São Lourenço da Mata, estado de Pernambuco, Brasil, as famílias assentadas vêm vivenciando um processo de transição agroecológica e pesquisa-ação. Considerando que ainda se sabe pouco sobre a sustentabilidade dos agroecossistemas em assentamentos rurais, o estudo, realizado em 2011, se propôs a mensurar a sustentabilidade desse assentamento a partir da construção de um índice agregado, composto por um sistema de indicadores distribuídos em três atributos sistêmicos: produtividade, estabilidade e autogestão. Os resultados apontam que a redistribuição da terra, aliada a processos organizativos endógenos, juntamente com a revalorização de práticas agrícolas camponesas e a inovação agroecológica constituem elementos primários de um processo mais amplo de recampesinização no seio da reforma agrária. A metodologia utilizada mostrou-se válida e proporciona uma linha de base que pode ser utilizada em futura avaliação comparativa.
Abstract: In the Chico Mendes III settlement, located in the Zona da Mata, Tiúma district, state of Pernambuco, Brazil, settled families have been experiencing a process of agroecological transition and action research. Considering that knowledge about the sustainability of agroecosystems in rural settlements is still scanty, the study, carried out in 2011, aimed to measure the sustainability of this settlement based on the construction of an aggregate index composed of a system of indicators distributed in three systemic attributes: productivity, stability and self-management. The results suggest that land redistribution, coupled with endogenous organizational processes, alongside with the revaluation of peasant agricultural practices and agroecological innovation are the primary elements of a broader process of bringing back the peasantry within agrarian reform. The methodology proved to be valid and provides a baseline which can be used in further comparative evaluation.
URI: 2318-1796
http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/50756
metadata.dc.type: Artigo de Periódico
ISSN: 1415-7802
Appears in Collections:DEA - Artigos publicados em revista científica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_art_ggamarra-rojas.pdf272,34 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.