Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/49408
Title in Portuguese: Eficácia das técnicas de coleta para a adequabilidade da amostra colpocitopatológica: ensaio clínico randomizado controlado
Author: Freitas, Vívien Cunha Alves
Advisor(s): Pinheiro, Ana Karina Bezerra
Keywords: Teste de Papanicolaou
Esfregaço Vaginal
Neoplasias do Colo do Útero
Enfermagem
Controle Analítico de Qualidade
Ensaio Clínico
Issue Date: 2-Dec-2019
Citation: FREITAS, V. C. A. Eficácia das técnicas de coleta para a adequabilidade da amostra colpocitopatológica: ensaio clínico randomizado controlado. 2019. 116 f. Dissertação (Mestrado em Enfermagem) - Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2019.
Abstract in Portuguese: Objetiva-se testar a eficácia das técnicas de coleta para a adequabilidade da amostra colpocitopatológica. Trata-se de um estudo experimental, do tipo Ensaio Clínico Randomizado Controlado, no qual foram comparadas duas técnicas de coleta de esfregaços do Exame de Papanicolaou, elencadas em dois grupos: Grupo Controle (GC) (as células da ectocérvice foram imediatamente fixadas na lâmina e, após, coletou-se as células da endocérvice – recomendações brasileiras de 2006) e o Grupo Intervenção (GI) (as células da ectocérvice só foram dispostas na lâmina após a coleta das células endocervicais – recomendações de 2013). Estudo desenvolvido no Centro de Parto Natural Lígia Barros Costa (CPN), em Fortaleza-CE, nos meses de setembro de 2018 a julho de 2019. Ao final, obteve-se uma amostra de 184 mulheres no GC e 181 no GI, totalizando 365 participantes, alocadas por estratégia de randomização em blocos nos grupos citados. O cegamento foi garantido à paciente, ao citopatologista que avaliou a adequabilidade da amostra e à estatística. Os dados foram coletados por intermédio de um questionário contendo variáveis sociodemográficas, clínicas, sexuais e reprodutivas e referentes aos achados no laudo citopatológico. Os dados foram analisados com o auxílio do programa Software Statistical Package for the Social Sciences (SPSS) versão 22.0, para Windows®, utilizando os testes Kruskal-Wallis, qui-quadrado e Fisher. A pesquisa foi aprovada pelo Comitê de Ética em Pesquisa da Universidade Federal do Ceará (CEP/PROPESQ/UFC) e registrado na plataforma de Registro Brasileiro de Ensaios Clínicos (ReBEC). Quanto à identificação de diferenças entre os grupos, obteve-se que estes eram homogêneos entre si em relação às variáveis (p>5%), possibilitando inferências estatísticas. Sobre a adequabilidade da amostra e os demais achados do laudo citopatológico, não houve diferenças significativas em relação à técnica de coleta utilizada (p= 0,362) e que aspectos sociodemográficos, clínicos, sexuais e reprodutivos não influenciaram a adequação da amostra, obtendo-se valor de p>5% em todas as variáveis elencadas. Portanto, ambas as técnicas descritas nas recomendações brasileiras de coleta citopatológica, publicadas em 2006 e 2013, são eficazes para a obtenção de uma amostra adequada; devendo-se haver uma atualização do manual que trata sobre estas recomendações, evitando-se orientações que não influenciam na prática clínica. Trata-se de um estudo de alta evidência científica, inédito na área.
Abstract: The objective is to test the effectiveness of collection techniques for adequacy of the colpocytopathological sample. This is an experimental Randomized Controlled Trial study without comparing two smear collection techniques from the Pap smear, listed in two groups: Control Group (CG) (how ectocervix cells were fixed in the sample and after collecting as endocervic cells - Brazilian recommendations from 2006) and the Intervention Group (GI) (as ectocervic cells that were discarded after collection of endocervical cells - used for 2013). Study developed at the Lígia Barros Costa Natural Birth Center (CPN), in Fortaleza-CE, from September 2018 to July 2019. At the end, we registered a sample of 184 women in the CG and 181 in the GI, totaling 365 participants, allocated by block randomization strategy in the mentioned groups. Blinding was guaranteed to the patient, the cytopathologist who assessed the adequacy of the sample and the statistics. Data were collected through a questionnaire, including sociodemographic, clinical, sexual and reproductive variables and related to the findings in the cytopathological report. Data were analyzed using the Windows Statistical Package for Social Sciences (SPSS) software version 22.0, using Kruskal-Wallis, Chi-square and Fisher tests. One research was approved by the Research Ethics Committee of the Federal University of Ceará (CEP/PROPESQ/UFC) and registered in the Brazilian Registry of Clinical Trials (ReBEC) platform. Regarding the identification of differences between the groups, recorded if they were homogeneous among the related variables (p> 5%), allowing statistical inferences. Regarding the adequacy of the sample and the other cytopathological findings, there were no significant differences in the technical relation of collection (p = 0.362) and in the sociodemographic, clinical, sexual and reproductive aspects did not affect the adequacy of the sample, obtaining the value of p > 5% in all listed variables. Therefore, the technical standards applied in cytopathological collectives, published in 2006 and 2013, are used to use an experimental sample; should have an update of the manual dealing with these precautions, avoid guidelines that do not influence the clinical practice. It is a study of high scientific evidence, published in the area.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/49408
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:DENF - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_dis_vcafreitas.pdf198,37 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.