Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/47609
Title in Portuguese: Desenvolvimento de aplicativo móvel sobre vacinação infantil para pais
Author: Paula, Thais Rodrigues
Advisor(s): Guedes, Nirla Gomes
Co-advisor(s): Felix, John Hebert da Silva
Keywords: Aplicativos Móveis
Vacinação
Programas de Imunização
Software
Issue Date: 28-Aug-2019
Citation: PAULA, T. R. Desenvolvimento de aplicativo móvel sobre vacinação infantil para pais. 2019. 103 f. Dissertação (Mestrado em Enfermagem) - Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2019.
Abstract in Portuguese: Diante do potencial uso de aplicativos na saúde, das alterações constantes no calendário vacinal e da necessidade de aumento da adesão às vacinas infantis, este estudo teve como objetivo desenvolver e avaliar um aplicativo móvel sobre vacinação infantil para pais. Tratouse de uma pesquisa metodológica, de produção tecnológica, envolvendo construção e avaliação. A primeira foi desenvolvida no período de fevereiro/2018 a março/2019, em quatro etapas: Modelagem, sendo realizado o planejamento do aplicativo e o levantamento de aplicativos nas plataformas virtuais Android e iOS; Projeto de navegação, definição da estrutura do aplicativo e a primeira prototipação; Design abstrato da interface, em que foi aplicada a nova identidade visual do aplicativo, logomarca e definição do nome; Implementação, em que se concretizou o aplicativo com a versão para ser avaliada. Foram 71 APKs de versões release teste até chegar a versão final do PROimuni, composta de 20 telas, contendo funcionalidades como: cartão vacinal, informações das vacinas, calendário vacinal, geolocalização, perguntas frequentes. Participaram da avaliação, 22 juízes enfermeiros, 9 juízes da Tecnologias da Informação e Comunicação que utilizaram instrumentos, contemplando categorias como: objetivos, conteúdo, apresentação, instalação, funcionalidade, usabilidade, interface, e interatividade. Além dos juízes, 22 mães avaliaram aspectos como: objetivos, aparência, estrutura, usabilidade, eficiência e interatividade. A coleta de dados ocorreu nos meses de abril a julho de 2019, via online. Todos os itens dos formulários foram avaliados a partir da escala de Likert: 1) Discordo totalmente; 2) Discordo parcialmente; 3) Indiferente; 4) Concordo parcialmente; 5) Concordo totalmente. Foi criada uma variável dicotômica, considerando-os como adequado (4 e 5) e inadequado (1, 2 e 3). O software foi analisado baseado na proporção de sujeitos que consideraram os itens adequados. Para tanto, foi considerada uma proporção igual ou superior a 0,85 nos intervalos de confiança, obtido através do prop.test, calculado pelo Software R. Em relação à consistência das respostas dos enfermeiros, juízes da tecnologia da informação e comunicação, e público-alvo, obteve-se um alfa de Cronbach de 0,86; 0,96 e 0,91 respectivamente. Na avaliação dos enfermeiros, todos os itens das categorias Objetivo e Conteúdo foram considerados adequados, porém, 14 de 22 juízes avaliaram 1 item como inadequado na categoria Apresentação, com intervalo de confiança (IC) entre 0,40 a 0,81. Quanto à avaliação dos juízes da tecnologia da informação e comunicação, os itens da categoria Objetivo foram adequados, contudo, 3 itens estavam inadequados, sendo 2 da categoria Instalação e Funcionalidade (2.8 - IC de 0,15 a 0,77 e 2.9 - IC de 0,22 a 0,84) e 1 da Usabilidade e Interface (3.12 - IC de 0,09 a 0,69). Todos os itens avaliados pelo público-alvo foram julgados como adequados. Destaca-se que os itens em que o intervalo de confiança não consta a proporção ideal de 0,85 foram recusados, bem como aqueles que foram alvo de sugestões. Acredita-se no potencial desta ferramenta para o gerenciamento vacinal, tendo em vista que o mesmo foi avaliado como adequado pelos participantes do estudo.
Abstract: Given the potential use of health applications, constant changes in the vaccination schedule and the need to increase adherence to childhood vaccines, this study aimed to develop a mobile application on child vaccination for parents. It was a methodological research, of technological production, involving construction and evaluation. The first was developed from February 2018 to March 2019, in four stages: Modeling, performing the application planning and the survey of applications on the Android and iOS virtual platforms; Navigation project, with the application structure and the first prototyping; Abstract design of the interface, in which the application's new visual identity, logo and name definition were applied; Implementation, in which the application was concretized with the version to be evaluated. There were 71 APKs of test release versions until reaching the final version of PROimuni, made up of 20 screens contemplating vaccine card, vaccine information, vaccine calendar, geolocation, frequently asked questions. Twenty-two nurse judges and nine Information and Communication Technologies judges participated in the evaluation. They used instruments containing categories such as: objectives, content, presentation, installation, functionality, usability, interface, and interactivity. In addition to the judges, 22 mothers analyzed aspects such as: objectives, appearance, structure, usability, efficiency and interactivity. Data collection took place from April to July 2019, via online. All form items were assessed from the Likert scale: 1) Strongly disagree; 2) Partially disagree; 3) Indifferent; 4) I partially agree; 5) I totally agree. A dichotomous variable was created, considering them as adequate (4 and 5) and inappropriate (1, 2 and 3). The software was analyzed based on the proportion of subjects who considered the appropriate items. For this, a proportion equal to or greater than 0.85 in the confidence intervals, obtained through prop.test, calculated by Software R was considered. Regarding the consistency of the responses of nurses, ICT judges and target audience, we obtained if a Cronbach's alpha of 0.86; 0.96 and 0.91 respectively. In the nurses' evaluation, all items in the Objective and Content categories were considered adequate, but 14 of 22 judges rated 1 item as inadequate in the Presentation category, with a CI between 0.40 and 0.81. Regarding the evaluation of the ICT judges, the items in the Objective category were adequate, however, 3 items were inadequate, 2 in the Installation and Functionality category (2.8 - CI 0.15 to 0.77 and 2.9 - CI 0.22). 0.84) and 1 of Usability and Interface (3.12 - CI from 0.09 to 0.69). All items evaluated by the target audience were judged as appropriate. It is noteworthy that items in which the confidence interval is not included in the ideal proportion of 0.85 will be reviewed, as well as those that were the subject of suggestions. The potential of this tool for vaccine management and adherence is believed to contribute to the promotion of child health.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/47609
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:DENF - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_dis_trpaula.pdf179,49 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.