Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/45233
Title in Portuguese: Métodos Mnemônicos no ensino e na prática médica: vale a pena insistir?
Author: Felipe, Marcos Rainier de Brito
Porto, Maximiliano Aguiar
Leite, José Alberto Dias
Keywords: Mnemônicos
Medicina
Ensino
Issue Date: 2016
Publisher: Universidade Federal do Ceará
Citation: FELIPE, Marcos Rainier de Brito; PORTO, Maximiliano Aguiar; LEITE, José Alberto Dias. Métodos Mnemônicos no ensino e na prática médica: vale a pena insistir?. Revista Encontros Universitários da UFC, Fortaleza, v.1, n. 1, 2016. (Encontro de Monitoria de Projetos da Graduação, 6).
Abstract in Portuguese: Mnemônicos são utilizados na Medicina há anos e facilitam a memorização e a tomada de condutas. Assim, eles já contribuiram com a formação de milhares de médicos. Alguns deles são famosos e servem como verdadeiros check-lists. O ABCDE, do ATLS, ou o FAST HUGS, da terapia intensiva, são exemplos de como eles estão presentes no dia-a-dia médico Estabelecer, entre acadêmicos de Medicina, a importância dos mnemônicos em sua prática diária e o quanto eles utilizam este método Aplicação de questionário com estudantes de Medicina 60,94% dos estudantes de Medicina afirmou utilizar recorrentemente mnemônicos em sua prática médica. 78,13% deles já se confundiu ao aplicá-los. 60,94% afirma que eles mais ajudam que atrapalham. Sobre sua utilização, 3,13% responderam que utilizam sempre, 18,75% na maioria das vezes, 65,63% raramente e 12,50% nunca. Entre os monitores, 32,7% raramente utiliza este método, 24,5% faz uso frequente e 26,22% nunca usa Mnemônico é um método de ensino largamente utilizado e de eficácia comprovada, utilizado pela maioria dos estudantes. Além disso, 61% dos acadêmicos afirma que tal recurso auxilia no seu dia-a-dia. Apesar disso, 78% dos acadêmicos raramente ou nunca o usam durante uma consulta, talvez pelo fato de que a maioria (78%) já se confundiu ao tentar aplicá-lo: uma limitação. Apesar de a maioria deles ser a favor da utilização deste método, entre os monitores apenas 24,5% o utiliza frequentemente, mostrando que ele é subutilizado Mnemônicos têm grande potencial no ensino médico, facilitando a memorização, entendimento e tomada de conduta. Todavia, por ser uma área muito abrangente, a Medicina impõe a formação de diversos mnemônicos: um fator confusional. Cabe àqueles que utilizarem tal método pensar bem acerca dos conectivos utilizados, lançando mão de palavras próximas do assunto, o que facilita a memorização e diminui a confusão. Assim, os acadêmicos o utilizarão mais, facilitando a prática médica e melhorando a assistência ao paciente.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/45233
metadata.dc.type: Resumo
Appears in Collections:EMPG - Resumo de trabalhos apresentados em eventos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2016_resumo_eve_mrbfelipe.pdf50,17 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.