Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/44828
Title in Portuguese: Avaliação do envelhecimento a 475ºC em soldas de tubo aço inoxidável superduplex UNS S32750 por ensaio de dureza
Title: Evaluation of the aging at 475ºC in UNS S32750 super duplex stainless steel tube welds by hardness test
Author: Damasceno, Fernando Sales Rocha
Advisor(s): Silva, Cleiton Carvalho
Keywords: Inoxidável
Soldagem
Envelhecimento
Precipitação
Issue Date: 2019
Citation: DAMASCENO, Fernando Sales Rocha. Avaliação do envelhecimento a 475ºC em soldas de tubo aço inoxidável superduplex UNS S32750 por ensaio de dureza. 2019. 47 f. Monografia (Graduação em Engenharia Metalúrgica) - Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2019.
Abstract in Portuguese: O presente trabalho tem como objetivo analisar as alterações de dureza em uma solda no Aço Inoxidável Super Duplex UNS S32750 soldado pelo processo de arame tubular quando sujeito à um tratamento térmico a 475oC. Foi feito um estudo em amostras submetidas à soldagem com energias de 0,5 kJ/mm e 1,0 kJ/mm, posteriormente avaliando alterações em propriedades físicas no material, com o foco principal em variações de microdureza e balanço de fases. As amostras foram divididas em quatro grupos, de acordo com os diferentes tempos tratamentos térmicos de envelhecimento às quais foram submetidas, em forma de duplicata: como soldada e envelhecidas a 475oC por períodos de 10, 50 e 100 horas. Os resultados a serem apresentados foram obtidos a partir da relação entre ensaios microdureza Vickers e de balanço de fases, indicando variações microestruturais após o processo de soldagem. Os resultados obtidos mostraram com clareza que os materiais expostos aos diferentes tempos de tratamento térmico tiveram mudanças significativas em seus valores de microdureza. Além disso, as diferentes energias de soldagem se mostraram como fator determinante para uma diferença no balanço de fases, de acordo com medidas por análise de imagens. Foi observado, também, a diferença na cinética de precipitação entre as regiões de metal de base e zona fundida, sendo esta a que apresentou um maior efeito de endurecimento após o tratamento.
Abstract: The present work has the objective of analyzing the hardness changes in a Weld in the Stainless Steel Super Duplex UNS S32750 welded by the process of tubular wire when subjected to a thermal treatment at 475oC. A study was carried out on samples submitted to welding with energies of 0,5 kJ/mm and 1,0 kJ/mm, later evaluating changes in physical properties in the material, with the main focus on variations in the hardness of materials and phase balance. The samples were divided into four groups, according to the different thermal aging treatments to which they were submitted, in duplicate form: as welded and aged at 475oC for periods of 10, 50 and 100 hours. The results to be presented were obtained from the relationship between Vickers microhardness tests and phase balance, indicating microstructural variations after the welding process. The obtained results showed clearly that the materials exposed to the different times of heat treatment had significant changes in their values of microhardness. Beyond that the different welding energies were shown as a determinant factor for a difference in phase balance, according to measurements by image analysis. It was also observed the difference in the precipitation kinetics between the base and molten zone regions, which presented a higher hardening effect after the treatment.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/44828
metadata.dc.type: TCC
Appears in Collections:ENGENHARIA METALÚRGICA - Monografias

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_tcc_fsrdamasceno.pdf2,47 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.