Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/44630
Title in Portuguese: O professor de Filosofia que atua nos Ceja de Fortaleza: uma proposta de construção coletiva de sua Práxis Educativa
Title: The Philosophy teacher who works at Ceja de Fortaleza: a proposal for the collective construction of his Educational Praxis
Author: Moreira, Lucineide
Advisor(s): Nicolau, Marcos Fábio Alexandre
Keywords: Pensamento complexo
Ensino de Filosofia
CEJA
Complex thinking
Teaching Philosophy
Issue Date: 2019
Citation: MOREIRA, Lucineide. O professor de Filosofia que atua nos Ceja de Fortaleza: uma proposta de construção coletiva de sua Práxis Educativa. 2019. 106 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Filosofia) - Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2019.
Abstract in Portuguese: O tema da pesquisa é a ação docente em Filosofia no s Centros de Educação de Jovens e Adultos CEJA e tem como título: O Professor de Filosofia que atua nos CEJA de Fortaleza: uma proposta de construção coletiva de sua práxis educativa. O objetivo principal fo i analisar os desafios e as dificuldades identi ficadas nos relatos de experiência de docentes de filosofia d e três (03) CEJA do município de Fortaleza, a partir do paradigma da complexidade de Edgar Morin. A teoria moriniana foi o referencial teórico que norteou as reflexões aqui apresentadas, tomando por base sua obra A Cabeça Bem Feita repensar a reforma, reformar o pensamento (2017). Além do filósofo de referência, outros autores também foram importantes para o desenvolvimento desse estudo, tais como: Petraglia (2011), Freire (1996,2015), Cerletti (1999), Di Pierro (2014) e Thiollent. A pesquisa foi motivada pelo seguinte problema : Quais as principais dificuldades e demandas apontadas pelos professores de filosofia dos CEJA para s eu efetivo ensino aprendizagem? A partir dos elementos surgidos, contr ibuímos para dirimir outros questionamentos, tais como: De que forma a prática do ensino de filosofia pode contribuir para formar uma cabeça bem feita nos alunos dos CEJA? Quais os desafios e soluções p ara sua efetiva apropriação pela EJA? Partimos da hipó tese de que num espaço permanente de diálogo entre os pares, é possível pensar caminhos para aprimorar o ensino, em específico o de filosofia, voltado para os alunos da EJA, podendo considerar o pensamento complexo de Morin como um possível alicerce para isso. A abordagem de pesquisa possui natureza qualitativa e como estratégia de captação e análise de dados, optamos pela pesquisa ação . O uso do questionário objetivou caracterizar os participantes da pesquisa, todos professores de filosofia que atuam nos CEJA de Fortaleza. Com um número de três (03) participantes, a técnica do grupo focal foi desenvolvida, tendo sido realizado seis (06) encontros com o grupo. Em nossos achados, diadiante da constatação da importância do conhecimento filosófico para a formação dos alunos, ficou evidenciada a dificuldade da prática docente em filosofia na estrutura dos CEJA, em meio ao pragmático objetivo dos alunos: a necessidade de certificação. Ante essa dificuldade e demais demandas impostas por nossa realidade, a formação continuada do docente também se evidencia necessária. Evidenciamos ainda, a necessidade de mudanças amplas na prática docente em filosofia na EJA, que vão desde a estrutura dos CEJA e de seu currículo ao material didático adotado. No caminho das mudanças, foi importante perceber que a metodologia desenvolvida nos CEJA, com seu atendimento personalizado favorece a relação dialógica entre professor e aluno e uma ação docente mais precisa. O diálogo orientado e compromissado dos professores entre si, também evidenciou como podemos avançar a partir de um grupo focal, ou melhor de um grupo que discuta nossa docência, nossos referenciais e nossa organização escolar.
Abstract: The research theme is the teaching action in Philosophy at the Youth and Adult Education Centers - CEJA and its title: The Professor of Philosophy who works at the CEJA of Fortaleza: a proposal for the collective construction of its educational praxis. The main objective was to analyze the challenges and difficulties identified in the experience reports of philosophy teachers of three (03) JSCA of the city of Fortaleza, based on the Edgar Morin complexity paradigm. The Morian theory was the theoretical framework that guided the reflections presented here, based on his work The Well-Made Head - Rethinking Reform, Reforming Thought (2017). Besides the reference philosopher, other authors were also important for the development of this study, such as: Petraglia (2011), Freire (1996,2015), Cerletti (1999), Di Pierro (2014) and Thiollent. The research was motivated by the following problem: What are the main difficulties and demands pointed out by the JSCA philosophy teachers for their effective teaching and learning? From the emerged elements, we contribute to solve other questions, such as: How can the practice of philosophy teaching contribute to form a well-made head in the students of JSCA? What are the challenges and solutions for their effective ownership by EJA? We start from the hypothesis that, in a permanent space for dialogue between peers, it is possible to think of ways to improve teaching, specifically philosophy, aimed at students of EJA, and may consider Morin's complex thinking as a possible foundation for this. . The research approach has a qualitative nature and as a strategy for data capture and analysis, we opted for action research. The use of the questionnaire aimed to characterize the research participants, all philosophy teachers who work in the JSCA of Fortaleza. With a number of three (03) participants, the focus group technique was developed and six (06) meetings were held with the group. In our findings, given the realization of the importance of philosophical knowledge for the formation of students, the difficulty of teaching practice in philosophy in the structure of JSCA was evidenced, amidst the pragmatic objective of the students: the need for certification. Given this difficulty and other demands imposed by our reality, the continuing education of the teacher is also necessary. We also highlight the need for wide-ranging changes in teaching practice in philosophy at EJA, ranging from the structure of the JSCA and its curriculum to the adopted teaching material. On the way to change, it was important to realize that the methodology developed in the JSCA, with its personalized service, favors the dialogical relationship between teacher and student and a more precise teaching action. The guided and committed dialogue between teachers also showed how we can move forward from a focus group, or rather from a group that discusses our teaching, our frameworks and our school organization.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/44630
Appears in Collections:PPGFILO - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_dis_lmoreira.pdf1,61 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.