Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/43313
Title in Portuguese: Preferência e influência da utilização de diferentes abrigos, na engorda de juvenis da lagosta espinhosa Panulirus argus (Latreille) com diferentes dietas em condições laboratoriais
Author: Lourenço, Jullyermes Araújo
Advisor(s): Igarashi, Marco Antônio
Keywords: Lagostas
Issue Date: 2004
Citation: LOURENÇO, Jullyermes Araújo. Preferência e influência da utilização de diferentes abrigos, na engorda de juvenis da lagosta espinhosa Panulirus argus (Latreille) com diferentes dietas em condições laboratoriais. 2004. TCC (Graduação em Engenharia de Pesca) - Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2004.
Abstract in Portuguese: Devido a grande importância econômica da lagosta espinhosa Panulirus argus, o Centro de Tecnologia em Aquicultura da Universidade Federal do Ceará, vêm realizando pesquisas com o intuito de contribuir para estabelecimento de uma metodologia de engorda. Foram utilizados três diferentes tipos de abrigos, tendo como objetivo observar a preferência e o comportamento dos juvenis nos mesmos. Esses abrigos foram constituídos de material plástico (caixa), PVC (cano) e telha. Os juvenis da espécie P. argus foram coletados na Praia de Iracema, apresentando comprimento total médio, comprimento médio do cefalotórax e peso total médio de 114,175 mm; 40,775 mm e 61,491 g, respectivamente. Foram alimentados com dietas naturais com a finalidade de comparar o número de mudas, a taxa de sobrevivência e os incrementos de peso e comprimento. 0 cultivo teve inicio com doze juvenis, sendo estes monitorados individualmente por 90 dias em 12 caixas plásticas com capacidade para 30 litros, cada. Foram utilizados filtros biológicos e aeração artificial para melhorar a qualidade da água do cultivo, ambos acoplados a compressores de ar para aquários: 0 experimento consistiu de três tratamentos A, B e C, com quatro repetições para cada tratamento, respectivamente. Os juvenis do tratamento A, foram alimentados com biomassa de Anemia sp. congelada e os tratamentos B e C, com o Mexilhão Pema perna e o Sururu Mytela falcate, respectivamente. A temperatura, o pH e a salinidade foram monitorados diariamente, sendo que o pH e a salinidade foram controlados sempre que necessário com trocas de águas. As biometrias foram realizadas mensalmente, observando-se o crescimento e o ganho de peso de cada indivíduo. Ao final dos 90 dias de experimento, foi verificada a preferência da lagosta pela caixa plástica, posteriormente pela telha e por último pelo cano de PVC, ambos com 49,02%; 37,56% e 13,42%, respectivamente. Os juvenis apresentaram comprimento total médio final, comprimento do cefalotórax médio final e peso total médio final de 115,517 mm; 42,367 mm e 69,006 g, respectivamente. Os procedimentos estatísticas mostraram que não houve diferença estatística entre os tratamentos no final do experimento, quando foi analisado o peso e o comprimento médio final dosjuvenis. Os juvenis alimentados com as dietas citadas anteriormente realizaram normalmente a muda, conseqüentemente observou-se um aumento nos incrementos de peso e comprimento. A taxa de sobrevivência observada no experimento foi de 100% para todos os tratamentos. Ao término dos 90 dias, podemos concluir que os juvenis de lagosta P. argus preferiram a caixa de plástico e podem ser alimentados com as dietas citadas neste experimento, sem verificar a ocorrência de mortalidade nas lagostas cultivadas. Existe um consenso de que são necessários novos experimentos com lagostas, com a finalidade de darmos continuidade aos trabalhos realizados com lagostas no Estado do Ceará, cujo objetivo maior é obter uma tecnologia barata e eficiente na engorda do referido crustáceo em cativeiro, aumentando dessa maneira a oferta deste produto no mercado, já que a pesca se encontra com fortes declínios de produção.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/43313
metadata.dc.type: TCC
Appears in Collections:ENGENHARIA DE PESCA - Trabalhos Acadêmicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2004_tcc_jalourenco.pdf30,07 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.