Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/42966
Title in Portuguese: Análise geoecológica da paisagem de várzea na Amazônia central: um estudo estrutural e funcional no Paraná de Parintins-AM
Title: Geoecological analysis of the várzea landscape in the central Amazon: a structural and functional study in Paraná-Paritins-AM
Author: Albuquerque, Carlossandro Carvalho de
Advisor(s): Silva, Edson Vicente da
Co-advisor(s): Cunha, Lúcio José Sobral da
Keywords: Zoneamento ambiental
Ambiente ribeirinho
Geossistema
Comunidades
Gestão territorial
Issue Date: 2012
Citation: ALBUQUERQUE, Carlossandro Carvalho de. Análise geoecológica da paisagem de várzea na Amazônia Central: um estudo estrutural e funcional no Paraná de Parintins-AM. 2012. 224f. Tese (Doutorado em Geografia)-Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2019.
Abstract in Portuguese: A Amazônia, dentro do território brasileiro, está distribuída ao longo da extensão do rio Amazonas no sentido leste/oeste. Nessa área, dois tipos de ambientes naturais caracterizam a região: a várzea, como é chamada a área de planície fluvial inundada anualmente, e a terra firme, terras acima do nível dos rios que consistem em imensas extensões de planaltos e depressões. A várzea amazônica apresenta variações em sua constituição paisagística que são produtos das diversas condições naturais e das distintas formas de ocupação antrópica. Esta pesquisa teve por objetivo realizar uma análise geoecológica da paisagem nos ambientes de várzea, na área do Paraná de Parintins, no município de Parintins-AM, avaliando sua contribuição aos modelos de desenvolvimento sustentável regional. A ideia central foi analisar a paisagem existente na várzea da Amazônia Central, de forma que os parâmetros estabelecidos na construção desta análise possam servir como diretrizes para futuros zoneamentos ecológico-econômicos e assim buscar melhoria na qualidade de vida dos ribeirinhos. A pesquisa apoiou-se no enfoque geossistêmico como referencial para a integração dos componentes naturais e socioeconômicos, que formam a paisagem de várzea no Paraná de Parintins. A metodologia empregada permitiu a delimitação das unidades da paisagem, identificando suas características naturais e socioeconômicas, em escala local. Com as unidades identificadas e mapeadas foi possível elaborar uma proposta de uso da área, a partir da elaboração de um zoneamento ambiental. Foram estabelecidos dois níveis de análise para a identificação das unidades geoecológicas: o primeiro nível de ordem geossistêmica, com três unidades, e o segundo nível no plano das geofácies, composto por dez unidades com características distintas. Destaca-se que o zoneamento proposto neste trabalho é produto da percepção do pesquisador sobre os fundamentos legais dos zoneamentos expostos nas leis e diretrizes governamentais e na relação da comunidade com o ambiente da várzea no Paraná de Parintins. Devido à dimensão territorial escolhida para a pesquisa na escala da geofácies, definiu-se para o Paraná de Parintins 3 (três) zonas: Zona de Uso Produtivo (ZUP); Zona de Uso Restrito Comunitário (ZURC) e a Zona de Preservação Integral Ambiental (ZPIA). Este estudo apresenta ainda recomendações para fortalecer as ações voltadas ao desenvolvimento sustentável dessas zonas.
Abstract: Amazonia in the Brazilian territory is distributed along the length of the Amazon River in the east / west. In this area there are two kinds of natural environments that characterize the region: the floodplain, the fluvial plain flooded annually, and mainland, land above the level of the rivers which consist of vast expanses of plateaus and dips. The Amazonia floodplain varies in its landscape constitution that are products of the different natural conditions and different forms of human occupation. This research aimed to conduct an analysis geoecological landscape in lowland environments in the area of Paraná from Parintins in the city of Parintins-AM, assessing their contribution to sustainable regional development patterns. The central idea was to analyze the existing landscape in Central Amazonian floodplain, so that the parameters established in the construction of this analysis can serve as guidelines for future ecological-economic zoning and thus seek improvement in the quality of life of riverine. The research was supported on geosystems focus, as a benchmark for the integration of natural and socioeconomic components that form the landscape of the Paraná from Parintins floodplain. The methodology allowed the delineation of landscape units, identifying natural and socioeconomic characteristics, on a local scale. With the units identified and mapped could develop a proposal for use of the area, from the preparation of an environmental zoning. We established two levels of analysis for identification of geoecological units: the first level of order from geosystems, with three units and the second level in terms of geofacies, composed of ten units with distinct characteristics. It is noteworthy that the zoning proposed in this paper is a product of the researcher's perception about the legal grounds of zoning laws and guidelines set out in the government and the community's relationship with the environment in Paraná from Parintins floodplain. Due to the territorial dimension chosen for the research on the scale of geofacies, set up to Paraná from Parintins three (3) areas: Productive Use Zone (PUZ); Restricted Use Zone Community (RUZC) and the Full Environmental Preservation Area (FEPA). This study also presents recommendations to strengthen initiatives aimed at sustainable development of these areas.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/42966
metadata.dc.type: Tese
Appears in Collections:DGR - Teses defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2012_tese_ccalbuquerque.pdf7,11 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.