Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/42633
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorAndriola, Wagner Bandeira-
dc.contributor.authorBarrozo Filho, José Liberato-
dc.date.accessioned2019-06-13T13:20:20Z-
dc.date.available2019-06-13T13:20:20Z-
dc.date.issued2019-
dc.identifier.citationBARROZO FILHO, José Liberato. Avaliação de políticas públicas voltadas à educação superior: o caso do Programa Universidade para Todos (PROUNI). 2019. 55f. - Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-graduação em Políticas Públicas e Gestão da Educação Superior, Fortaleza (CE), 2019.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/42633-
dc.description.abstractThe University for All Program (PROUNI) is an important Public Policy, affirmative in nature, aimed at facilitating access to higher education of social strata with less educational,economic and cultural opportunities. A research was designed to obtain clues about PROUNI's results and thus to allow a judgment on the federal program. Such activity approaches the idea of ​​ex-post-facto evaluation, whose function is to provide clarification to society about its relevance or provide social accountability. To that end, two studies were developed to compare PROUNI users with non-users in five different attributes: (i) average training time, (ii) quality of learning, (iii) level of satisfaction with training and (v) level of employability. In the first study, secondary data were used of 924 students who graduated from the undergraduate courses at a Higher Education Institution, while the second study used primary data from the application of a Questionnaire for Egresses in a sample of 88 former students. The results of the comparative analysis between PROUNI users and non-PROUNI users through the ANOVA Test and the Chi-Square Test demonstrated that: (i) PROUNI users presented higher Learning Quality than their non-users peers [F = 13,749 ; p <0.01]; (ii) PROUNI users presented higher Institutional Impact than their non-users peers [F = 4,528; p <0.01]; (iii) PROUNI users presented less training time than their non-users peers [F = 12,055 (p <0.01); (iv) PROUNI users showed satisfaction with the training received and acknowledged the effectiveness of this, [χ 2 (1; 86) = 0.67, p > 0.01]; (v) PROUNI users showed a greater desire to enter the labor market immediately, in order to generate income for their families through professional practice, unlike non-users of PROUNI, whose difference was captured by the Chi- Square [χ 2 (1; 86) = 6.64; p < 0.05].pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectEnsino Superiorpt_BR
dc.subjectPolíticas Públicaspt_BR
dc.subjectAvaliação Educacionalpt_BR
dc.subjectPrograma Universidade para todos (PROUNI)pt_BR
dc.titleAvaliação de políticas públicas voltadas à educação superior: o caso do Programa Universidade para Todos (PROUNI)pt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.description.abstract-ptbrO Programa Universidade para Todos (PROUNI) configura-se como importante Política Pública, de natureza afirmativa, voltada a facilitar o acesso ao Ensino Superior de camadas sociais com menores oportunidades educacionais, econômicas e culturais. Delineou-se uma pesquisa com o fito de se obter indícios acerca dos resultados do PROUNI e, assim, permitir que se emita um juízo de valor acerca do referido programa federal. Tal atividade se aproxima da ideia de avaliação do tipo ex post-facto, cuja função é prestar esclarecimento à sociedade acerca da sua relevância ou proporcionar social accountability. Para tal, foram desenvolvidos dois estudos para comparar os usuários do PROUNI com os não usuários em cinco distintos atributos: (i) tempo médio de formação, (ii) qualidade do aprendizado, (iii) impacto institucional oriundo da formação discente, (iv) nível de satisfação com a formação e (v) nível de empregabilidade. No primeiro estudo foram empregados dados secundários de 924 alunos egressos dos cursos de graduação presenciais de uma Instituição de Ensino Superior (IES), enquanto o segundo estudo usou dados primários decorrentes da aplicação de um Questionário Voltado aos Egressos (QVE) em uma amostra de 88 ex-alunos. Os resultados da análise comparativa entre usuários do PROUNI e não usuários do PROUNI através do Teste ANOVA e do Teste Qui-Quadrado demonstraram que: (i) os usuários do PROUNI apresentaram maior Qualidade de Aprendizado do que os seus pares não usuários [F = 13,749; p < 0,01]; (ii) os usuários do PROUNI apresentaram maior Impacto Institucional do que os seus pares não usuários [F = 4,528; p < 0,01]; (iii) os usuários do PROUNI apresentaram menor Tempo de Formação do que os seus pares não usuários [F = 12,055 (p < 0,01]; (iv) os usuários do PROUNI demonstraram satisfação com a formação recebida e reconheceram a eficácia desta, ante as exigências profissionais do mercado de trabalho, não tendo sido detectada diferença significativa com os não usuários do PROUNI [χ 2 (1; 86) = 0,67; p > 0,01); (v) os usuários do PROUNI demonstraram maior desejo de inserirem-se imediatamente no mercado de trabalho, de modo a gerar renda para as respectivas famílias através do exercício profissional, ao contrário dos não usuários do PROUNI, cuja diferença foi captada pelo Teste Qui-Quadrado [χ 2 (1; 86) = 6,64; p < 0,05].pt_BR
Appears in Collections:POLEDUC - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_dis_jlbarrozofilho.pdf925,24 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.