Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/42583
Title in Portuguese: Ludicidade em grupos na atenção psicológica e educativa em saúde pública sob o enfoque da narrativa autobiográfica
Author: Aguiar, Cristiana Carla Medeiros
Advisor(s): Amaral, João Joaquim Freitas do
Co-advisor(s): Sousa, Maria do Socorro de
Keywords: Educação em Saúde
Diabetes Mellitus
Cooperação do Paciente
Psicologia do Desenvolvimento
Psicologia Aplicada
Psicanálise
Issue Date: 18-Dec-2018
Citation: AGUIAR, C. C. M. Ludicidade em grupos na atenção psicológica e educativa em saúde pública sob o enfoque da narrativa autobiográfica. 2018. 132 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Saúde da Mulher e da Criança) - Faculdade de Medicina, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2018.
Abstract in Portuguese: A prática cotidiana em saúde com crianças e adolescentes, em quase 30 anos de serviço público, impulsionou a intensão por conferir um olhar mais analítico à trajetória de trabalho nesta área da Psicologia Hospitalar. Dentro disso, a ludicidade em grupo, entendida como um meio motivador da participação ativa do sujeito em sua subjetivação da enfermidade e do autocuidado, configurou-se como o denominador comum das incursões profissionais que se achou por bem efetivar mediante a consolidação de um lugar de experiência a ser compartilhado. O trabalho atual na área de Educação em Saúde com a população infantojuvenil portadora do Diabetes Mellitus do tipo 1, suscitou inquietações por estratégias de adesão ao tratamento, principalmente na adolescência, quando aspectos pubertários e psicoafetivos da fase ameaçam um estilo de vida mais comprometido com os cuidados necessários. Destas inquietações, resultou esta pesquisa, que objetivou exprimir uma narrativa autobiográfica do ofício profissional que se percorreu com grupos para crianças e adolescentes assistidos no Hospital Universitário Walter Cantídio - UFC, como contributo para a formação multiprofissional e a democratização de tecnologias educativas em saúde, sob o referencial da Psicanálise. Do ponto de vista metodológico, esta é uma demanda de enfoque na narrativa (auto)biográfica e de caráter teórico-reflexivo, realizada por meio da sistematização da experiência profissional. A prática narrativa, possibilitada por esta pesquisa, permitiu um vislumbre bastante especial, de como esta tem se formado e do quão esta mesma formação se vê fortalecida com capacidade formativa para outros agentes. Outros resultados também dizem respeito à interlocução da prática com estudos teóricos de grande expressão na realidade brasileira, possibilitando uma defesa assertiva da Educação em Saúde para adolescentes diabéticos, desde que não meramente instrutiva, mas também comprometida com a produção de subjetividades e sentidos - capazes de integrar conhecimento com afeto, atitudes de cuidado com a valorização da qualidade de vida. Neste sentido, este ensaio também exprime um jogo temático elaborado para adolescentes (IMPASSE), como importante recurso mediador da conscientização para o autocuidado na doença, na expectativa de que possa ser útil a outras experiências.
Abstract: The daily practice in health services with children and adolescents, in almost 30 years of public service, stimulated the intention to give a more analytical look to the trajectory of work in this area of Hospital Psychology. The ludicity in group, understood as a way to favor the active participation of the subject in his subjectivation of the illness and self-care, was configured as the common denominator of the professional incursions that were effected through the consolidation of a place of experience to be shared. The current work in the area of Health Education with the child and adolescent population with type 1 Diabetes Mellitus has raised concerns about treatment adherence strategies, especially in adolescence, when pubertal and psychoaffective aspects of the phase threaten a lifestyle that is more committed to the necessary care. From these concerns, this research aimed to express an autobiographical narrative of the professional work that was carried out with groups for children and adolescents assisted at the Hospital Universitário Walter Cantídio - UFC, as a contribution to the multiprofessional training and the democratization of educational technologies in health, under the referential of psychoanalysis. From the methodological point of view, this is a demand for a focus on autobiographical narrative and a theoretical-reflexive investigation, performed through the systematization of professional experience. The narrative experience, enabled by this research, allowed a very special glimpse of how it has been formed and of how this same formation is strengthened with formative capacity for other actors. Other results also relate to the interlocution of the practice with theoretical studies of great expression in brazilian reality, making possible an assertive defense of Health Education for diabetic adolescents, not merely instructive, but also committed to the production of subjectivities and senses - able to integrate knowledge with affection, attitudes of care with the appreciation of the quality of life. In this sense, this essay also presents a thematic game prepared for adolescents (IMPASSE) as an important mediator of the self-care awareness in the disease, in the expectation that it may be useful to other experiences.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/42583
Appears in Collections:MPSMC - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_dis_ccmaguiar.pdf936,82 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.