Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/42580
Title in Portuguese: Estudo da origem e natureza dos sais em solos sódicos da região de Morada Nova, no Estado do Ceará
Author: Gomes, Eisenhower Carvalho Braga
Advisor(s): Moreira, Elder Gurgel Souza
Keywords: Agronomia
Solos e Nutrição de Plantas
Issue Date: 1991
Citation: GOMES, Eisenhower Carvalho Braga. Estudo da origem e natureza dos sais em solos sódicos da região de Morada Nova, no Estado do Ceará. 1991. 97 f. Dissertação (Mestrado em Agronomia) - Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 1991.
Abstract in Portuguese: A área estudada compreende uma região tipicamente semi-árida e abrange parte dos municípios de Morada nova, Ibicuitinga, Banabuiú e Quixadá, no Estado do Ceará, situada entre os paralelos 4°58' e 5011' S e os meridianos 38033' e 38039' W Gr. São apresentados os resultados de caracterização morfológica, física, química e mineralógica, obtidos em dezessete amostras de solos Solonetz-solodizados (Ustic Natrargids) e Aluvial sódico (Ustic torrifluvents. Três amostras de rochas foram analisadas, classificadas quanto à natureza e determinadas suas composições mineralógicas (minerais essenciais e acessórios) e iônica (íons maiores) - sendo a última no extrato de saturação-todas segundo orientação metodológica da EMBRAPA/SNLCS. Dos resultados e interpretações realizadas pode-se concluir que os solos são pouco intemperizados, predominando feldspatos e quartzo na fração silte e identificados mica, caulinita, quartzo e argilominerais interestratificados, pouco definidos, com presença de montmorilonita nas frações argila destes solos. As características e propriedades químicas sugerem a designação de "solos sódicos degradados", com ausência de carbonatos. Entre os sais solúveis, o NaCl predominou na quase totalidade dos perfis, observando-se presença de cloretos, sulfatos e bicarbonatos de magnésio e de cálcio, em muito menores proporções. O clima, o substrato e a topografia condicionam os efeitos de concentração progressiva destes sais nos solos, sugerindo-se a contribuição de aerossóis marinhos e de elementos contidos nas águas superficiais e subterrâneas, como importantes fontes adicionais de sais ao processo de sodificação.
Abstract: The studied area is located in a typically semi-arid region and partially emcompass the Morada Nova, Ibicuitinga, Banabuiú and Quixadá counties of the State of Ceará, between parrallels 4°58' and 5°11' S and meridians 38°39' and 38°33' W Gr. Results of morphological, physical, chemical and mineralogical characteristics are presented, taken from 17 (seventeen) samples of Solodic-Solonetz (Ustic Natrargids) and sodic Alluvial (Ustic Torrifluvents) soils. Three rock samples were analyzed, classified in relation to their nature and their mineralogical and ionic composition determined - the last one taken in the saturation extract - all according to the methodology adopted by EMBRAPA/SNLCS. From the results and interpretations, the soils were considered as weakly weathered, where feldspars and quartz predominate in the silt soil fraction, where mica, kaolinite and interstratified, not well defined clay minerals were also identified. Montmorillonite were recognized in the clay fraction of those soils. Chemical characteristics and properties suggest the denomination of "degraded sodic soils" with no carbonate content. Among soluble salts, NaCl predominates in the wholeness of the profile where, in minor proportions, chlorides, sulphates, and Mg and Ca bicarbonates were determined. Climate, substratum and topography constrain the effects of progressive concentrations of those salts in the soil, suggesting marine aerosols, as well as superficial and underground water elements contribution, as important additional sources to the sodification process.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/42580
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:PPCS - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
1991_dis_ecbgomes.pdf51,14 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.