Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/42519
Title in Portuguese: Geologia de uma área a NW do município de Banabuiú — CE
Author: Soares, Wollker Cunha
Advisor(s): Nogueira Neto, José de Araújo
Co-advisor(s): Lima, Martha Noélia
Keywords: Mapeamento
Granito Banabuiú
Pegmatitos
Issue Date: 2013
Citation: SOARES, Wollker Cunha. Geologia de uma área a NW do município de Banabuiú — CE. 2013. 87 f. Monografia (Graduação em Geologia) - Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2013.
Abstract in Portuguese: O trabalho em apreço resulta de um mapeamento geológico na escala de 1:25.000, em uma área com aproximadamente 24km2, localizada no município de Banabuiú, sertão central do Estado do Ceará. Tal área encontra-se inserida no Domínio Ceará Central, dentro da Província Borborema. As principais unidades litoestratigráficas identificadas durante o mapeamento, da base para o topo, são: Embasamento Gnáissico (Unidade Acopiara); Granito; Pegmatitos e Coberturas Colúvio-Aluvionares. O Embasamento gnáissico denominados de Complexo Acopiara está localizado na porção noroeste e nordeste da área. Rochas calcissilicáticas estão presentes na forma de lentes. O granito é a litologia mais abundante na região e exibe uma coloração leucocrática, característica. Os pegmatitos são encontrados cortando todo o embasamento e as intrusões graníticas. A cobertura colúvio-aluvionar apresenta, na maioria das vezes, coloração clara branca, proveniente do granito da região. Durante o mapeamento foram colhidas medidas estruturais de juntas existentes por toda a área sendo possível observar as suas direções preferenciais para NW-SE e NE-SW, observado em um gráfico estereograma. A petrografia mostra uma melhor definição acerca da composição dos litotipos: Gnaisse formado por quartzo, feldspato potássio, plagiocásio, biotita, muscovita, granada e opacos, da calcissilicática, foimada por plagioclásio, diopisídio, quartzo, epidoto, titanita, e do granito formado por quartzo, feldspato potássico, plagioclásio, biotita, muscovita, granada, zircão, apatita e opacos. Sendo assim possível a determinação de condições do fácies anfibolito para o metamorfismo do gnaisse e da calcissilicática. Por fim, com os dados adquiridos, além da bibliografia existente, foi possível confeccionar uma possível evolução geológica da região, onde os gnaisses foram submetidas à fusão parcial dando origem aos migmatitos, que evoluíram para formar por meio de anatexia, os granitos tipo S, onde todos esses litotipos são recortados por pegmatitos oriundos de intrusões tardias. Esta evolução pode ser representada em um desenho esquemático.
Abstract: The present work is result of a geologic mapping in the scale of 1:25.000, in an area of approximately 24 km2, located in the municipality of Banabuiú, central hinterland of Ceará. The area is inserted in the Central Ceará Domain, inside the Borborema Province. The main lithostratigraphic units identified during the mapping, from base to top, are: gneissic basement (Acopiara Unit); Granites; pegmatites and colluvium coversAlluvial. The gneissic basement named of Acopiara Complex is located in the portion northwest and northeast of the area. Calcissilicáticas Rocks are presents in the lenses form. Granite is the most abundant lithology in the region and display a characteristic staining leucocratic. The pegmatites are found cutting basement and the granite intrusion. The cover colluvium-alluvium present, in the most case, white coloration, from granite region. During mapping measurements were taken structural joints throughout the area being possible to observe their preferential directions to NW-SE and NE-SW observed on chart stereogram. The petrography shows better definition of these rock types: Gneiss consisting of quartz, feldspar potassium, plagiocásio, biotite, muscovite, garnet and opaque, the calcissilicática, composed of plagioclase, diopisídio, quartz, epidote, titanite, and granite composed of quartz, K-feldspar, plagioclase, biotite, muscovite, garnet , zircon, apatite and opaque, it is possible to determine conditions of metamorphism of amphibolite facies in gneiss and in calcissilicáticas. Finally, with data acquired, beyond the existing bibliography, it was possible to make a possible geological evolution of the region where gneisses underwent partial melting giving rise to migmatites that evolved to form by anatexis, S-type granites, where ali these rock types are cut by pegmatite intrusion from late. This evolution can be represented in a schematic drawing.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/42519
metadata.dc.type: TCC
Appears in Collections:GEOLOGIA - Monografias

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2013_tcc_wcsoares.pdf36,86 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.