Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/42463
Title in Portuguese: A Construção de subjetividades feministas através da internet.
Author: Lima, Janicleide Ripardo de
Advisor(s): Rocha, Nara Maria Forte Diogo
Keywords: Feminismo
Internet
Devir-mulher
Issue Date: 2017
Citation: LIMA, J.R. (2017)
Abstract in Portuguese: O Feminismo na internet vem ganhando cada vez mais força em suas múltiplas formas, despertando interesse de cada vez mais mulheres através dessa aproximação virtual que facilita esse encontro. Nesse trabalho o objetivo geral foi compreender a construção dessas subjetividades feministas por meio da internet, tendo como objetivos específicos identificar as prescrições e desconstruções relacionadas ao ser feminista encontradas nas páginas pesquisadas e uma tentativa de pensar o ser feminista a partir de suas conexões com o devir-mulher. Para isso foi usada a netnografia como método de pesquisa visando uma análise no campo virtual de duas páginas feministas, “Não Me Kahlo” e “Feminismo Sem Demagogia- Original”, de grande alcance e popularidade no Facebook, e depois, as postagens selecionadas segundo os critérios da pesquisa foram analisadas pelo método construtivo-interpretativo de Gonzales Rey, após as categorizações, esses resultados foram pensados por uma perspectiva do devir-mulher, conceito criado por Deleuze e Guatarri. Concluiu-se que há certas prescrições e descrições que caracterizam tanto as páginas feministas pesquisadas, quanto o tipo de subjetividade feminista que se pretende forjar a partir das postagens, sendo o devir-mulher uma forma de fuga que só pode ser aproveitada se forem abandonados os modelos já construídos e constituídos de ser mulher na sociedade, onde as identidades não estão cristalizadas, mas sim, estão em permanente devir.
Abstract: Feminism on the internet has been gaining strength in its many forms, arousing interest from more and more women through this virtual approach that facilitates this meeting. In this work the general objective was to understand the construction of these feminist subjectivities through the internet, with specific objectives to identify the prescriptions and deconstructions related to the feminist being found in the pages researched and an attempt to think the feminist being from its connections with the becoming -woman. For this, netnography was used as a research method for an analysis in the virtual field of two feminist pages, "No Me Kahlo" and "Feminism Without Demagogy - Original", of great reach and popularity in Facebook, and then the selected postings according to the criteria of the research were analyzed according by constructive-interpretive method of Gonzales Rey, after the categorizations, these results were thought by a perspective of the becoming-woman, a concept created by Deleuze and Guatarri. It was concluded that there are certain prescriptions and descriptions that characterize both the feminist pages researched and the kind of feminist subjectivity that one intends to forge from the posts, the becoming-woman being a form of escape that can only be used if the models already built and constituted of being a woman in society, where identities are not crystallized, but are in permanent becoming.
Description: LIMA, J.R. A construção de subjetividades feministas através da internet. 2017. 67f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Psicologia) - Universidade Federal do Ceará - campus Sobral, Sobral, 2017.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/42463
metadata.dc.type: TCC
Appears in Collections:PSICOLOGIA - SOBRAL - TCC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_tcc_jrlima.pdf1,45 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.