Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/42427
Title in Portuguese: Educação permanente em saúde mediada por ferramentas de educação à distância: o caso da escola de formação em saúde da família Visconde de Sabóia
Title: Permanent education in health mediated by distance education tools: the case of the family health training school Visconde de Sabóia
Author: Ponte Neto, Osmar Arruda da
Advisor(s): Vasconcelos, Maristela Inês Osawa
Keywords: Educação Continuada
Capacitação Profissional
Educação a Distância
Sistema Único de Saúde
Issue Date: 30-Nov-2018
Publisher: Universidade Federal do Ceará
Citation: PONTE NETO, O.A. (2018)
Abstract in Portuguese: Ao longo dos anos são inúmeras as metodologias e paradigmas adotados para a facilitação de processo de Educação Permanente em Saúde, com o advir de novas modalidades de formação e fomento ao ensino-aprendizagem, tem-se vivenciado a incorporação cada vez maior de tecnologias da informação e comunicação, em especial a digital, dentro desses processos formativos, por meio da Educação a Distância (EAD). Este estudo teve como objetivo geral analisar as repercussões de cursos na modalidade EAD, na perspectiva da Educação Permanente em Saúde, e como específicos: delinear o perfil demográfico e profissional dos participantes; identificar dificuldades e motivações vivenciadas durante a realização dos cursos em EAD; compreender como os alunos descrevem o uso da modalidade EAD na formação permanente; identificar se houve aplicação dos conhecimentos dos cursos nas práticas cotidianas do trabalho em saúde realizadas pelos profissionais; mapear estratégias para o aprimoramento da oferta de cursos na modalidade EAD para trabalhadores do SUS. Foi realizado um estudo de caso incorporado, com abordagem qualitativa, de natureza exploratória. O cenário do estudo foi a Escola de Formação em Saúde da Família Visconde de Sabóia. Participaram da pesquisa os profissionais/cursistas (n=30), tutores (n= 12) e coordenação (n= 1) dos cursos ofertados pela referida Escola, no período de 2015 a 2017. A pesquisa foi realizada no período de agosto a novembro de 2018. No estudo utilizamos como fonte de coleta de informações: questionário, entrevistas e documentos. Para análise das informações utilizamos o referencial de Análise de Conteúdo de Bardin, e o programa de Microsoft Office Excel. Como resultados constatamos um percentual de evasão dos cursos significante 46%, também houve como principais dificuldades percebidas nos processos formativos em EAD a falta de implicação dos trabalhadores; a dificuldade de parte dos profissionais no desenvolvimento da autonomia e gestão do tempo; a inabilidade de alguns profissionais com uso das tecnologias e manuseio do AVA; a insuficiência do tempo destinado à tutoria; a insuficiência de tempo dos trabalhadores para dedicação às atividades do curso. Para a maioria dos participantes a EAD foi considerada uma ferramenta potente de EPS, principalmente pela flexibilidade de horário e estímulo à autonomia que esta proporciona, bem como pela oportunidade do acesso a formação independente do local de residência. Os cursos em EAD promoveram repercussões positivas para a transformação das práticas profissionais através do acesso aos conteúdos e estímulo à reflexão das práticas profissionais. Também foi evidenciado que a tutoria tem papel fundamental na motivação dos alunos e combate à evasão. Como sugestão para o aprimoramento de ofertas futuras de cursos na modalidade EAD para trabalhadores do SUS apontamos a incorporação de recursos tecnológicos populares, aprimoramento dos recursos didáticos da Plataforma Saboia, a de oferta sistemática de cursos e divulgação no cotidiano dos serviços para alcançar a popularização da modalidade.
Abstract: Throughout the years, the methodologies and paradigms adopted for the facilitation of the process of Permanent Education in Health, with the advent of new modalities of formation and fomentation to teaching-learning, have been experiencing the increasing incorporation of information technologies and communication, especially digital, within these formative processes, through Distance Education (EAD). This study had as general objective to analyze the repercussions of courses in the EAD modality, from the perspective of Permanent Education in Health, and as specific: to delineate the demographic and professional profile of the participants; identify difficulties and motivations experienced during the course of ODL; understand how students describe the use of the EAD modality in lifelong learning; to identify if there was application of the knowledge of the courses in the daily practices of health work carried out by the professionals; mapping strategies for the improvement of the EAD course offer for SUS workers. A case study was incorporated, with a qualitative approach, of an exploratory nature. The scenario of the study was the Visconde de Sabóia Family Health Training School. Participants in the study were professionals / students (n = 30), tutors (n = 12) and coordination (n = 1) of the courses offered by the mentioned School, from 2015 to 2017. The research was carried out from August to November of 2018. In the study we used as a source of information collection: questionnaire, interviews and documents. For analysis of the information we use the Bardin Content Analysis framework, and the Microsoft Office Excel program. As results we found a significant percentage of courses avoided 46%, there were also the main difficulties perceived in the training processes in EAD the lack of involvement of the workers; the difficulty on the part of professionals in the development of autonomy and management of time; the inability of some professionals to use the technologies and handling the AVA; the insufficient time for tutoring; the insufficient time of the workers to dedicate themselves to the activities of the course. For most of the participants, ODL was considered a potent EPS tool, mainly due to the flexibility of the schedule and the autonomy it provides, as well as the opportunity to access independent training in the place of residence. The EAD courses have promoted positive repercussions for the transformation of professional practices through access to content and stimulation of reflection on professional practices. It has also been shown that tutoring plays a fundamental role in motivating students and combating evasion. As a suggestion for the improvement of future offers of EAD courses for SUS workers, we point out the incorporation of popular technological resources, the enhancement of the Saboia Platform's teaching resources, the systematic provision of courses and the daily dissemination of services to reach popularization of modality.
Description: PONTE NETO, O.A. Educação permanente em saúde mediada por ferramentas de educação à distância: o caso da escola de formação em saúde da família Visconde de Sabóia. 2018. 169 f. Dissertação (Mestrado em Saúde da Família) - Universidade Federal do Ceará, Sobral, 2018.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/42427
Appears in Collections:PPGSF - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_dis_oaponteneto.pdfPONTE NETO, O.A. Educação permanente em saúde mediada por ferramentas de educação à distância: o caso da escola de formação em saúde da família Visconde de Sabóia. 2018. 169 f. Dissertação (Mestrado em Saúde da Família) - Universidade Federal do Ceará, Sobral, 2018.2,18 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.