Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/41076
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorSouza, Sandoval Antunes de-
dc.date.accessioned2019-04-25T18:21:36Z-
dc.date.available2019-04-25T18:21:36Z-
dc.date.issued2014-
dc.identifier.citationSOUZA, Sandoval Antunes de. A memória e seu papel no siqueirismo: a cartilha escolar como fonte histórica. In: ENCONTRO CEARENSE DE HISTORIADORES DA EDUCAÇÃO - ECHE, 13.; ENCONTRO NACIONAL DO NÚCLEO DE HISTÓRIA E MEMÓRIA DA EDUCAÇÃO - ENHIME, 3.; SIMPÓSIO NACIONAL DE ESTUDOS CULTURAIS E GEOEDUCACIONAIS - SINECGEO, 3., 25 a 27 set. 2014, Fortaleza (CE). Anais... Fortaleza: IMPRECE, 2014. p. 506-515.pt_BR
dc.identifier.isbn978-85-8126-065-5-
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/41076-
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.publisherIMPRECEpt_BR
dc.subjectSiqueirismopt_BR
dc.subjectCartilha escolarpt_BR
dc.subjectMemóriapt_BR
dc.subjectHistóriapt_BR
dc.titleA memória e seu papel no siqueirismo: a cartilha escolar como fonte históricapt_BR
dc.typeArtigo de Eventopt_BR
dc.description.abstract-ptbrA ideia da criação de um Estado na região norte de Goiás é antiga! Esta região sempre foi região considerada uma das mais pobres de Goiás. Movimentos separatistas emergem com mais força na segunda metade do século XX, com a criação de algumas entidades, como na década de 1960, o CENOG – Casa do Estudante do Norte Goiano, cuja sede era em Goiânia e na década de 1970 a CONORTE – Comissão de Estudos dos Problemas do Norte, criada no Congresso Nacional; entidades que procuram aglutinar forças políticas para a emancipação do norte goiano, acima do paralelo 13, paralelo este que seria o marco delimitatório do desmembramento do Estado de Goiás. As ideias que surgiram nos movimentos de separação do norte goiano foram adotadas pelo então deputado federal por Goiás, Siqueira Campos que, em 1972, apresentou, na Câmara Federal, um primeiro projeto de redivisão territorial da chamada Amazônia Legal, onde incluía a criação do Estado do Tocantins. Este projeto, embora aprovado, ficou sobrestado por vários anos. Em 1985, respondeu ao veto do presidente José Sarney à emancipação do Tocantins com uma greve de fome de quatro dias. A insistência surtiu efeito e, hoje, os tocantinenses e, até mesmo os adversários políticos reconhecem que o Tocantins passou a figurar no mapa brasileiro por mérito dele.[...]pt_BR
Appears in Collections:PPGEB - Trabalhos apresentados em eventos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2014_eve_sasouza.pdf1,63 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.