Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/40768
Title in Portuguese: Universidade Federal do Ceará - Agente redistribuidor ou concentrador de renda ?
Author: Guimarães, Maria Teresa Albuquerque
Advisor(s): Oliveira, Aécio Alves de
Keywords: Democratização do ensino
Ensino superior
Issue Date: 1982
Citation: Guimarães, Maria Teresa Albuquerque. Universidade Federal do Ceará - agente redistribuidor ou concentrador de renda ? Dissertação (Mestrado) - FEAAC - Faculdade de Economia, Administração, Atuária e Contabilidade - CAEN - Programa de Pós Graduação em Economia, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 1982.
Abstract in Portuguese: A questão aqui tratada refere-se ao tema educação e desigualdade. A evolução desse tema junto ao pensamento econômico remonta a Adam Smith, David Ricardo, Alfred Marshall e Karl Marx. Modernamente, Surgiu uma corrente de economistas demonstrando que a educação é um fator determinante do crescimento econômico e que uma alteração da distribuição de capital humano iria diminuir as desigualdades de renda entre as diversas camadas sociais da população. Esta é uma concepção básica da chamada Teoria do Capital Humano. É evidente que não podemos tornar a educação a única responsável pela solução dos problemas sócio-econômicos de um povo, principalmente, quando se trata da formação social de uma economia capitalista dependente, como é o caso do Brasil. Neste país muita ênfase tem sido dada à questão da democratização do ensino, pelo menos, a nível de plano do governo federal, no sentido de proporcionar a redução das desigualdades sociais, voltando-se (a educação) preferencialmente para a população de baixa renda. Em que sentido essa democratização do ensino vem ocorrendo na Universidade Federal do Ceará ? Os resultados deste trabalho mostraram que: esta universidade vem funcionando ao longo do tempo, como mais um agente reforçador da tendência concentradora de renda no seu âmbito de ação e que os jovens das famílias de rendas mais altas se dirigem para os cursos que proporcionem um maior status social.
Abstract: The problem analysed in this study is concerned with the topic: education and income inequality. The evolution of the question in tyhe history of economic thought goes bacl tp Adam Smith, David Ricardo, Alfred Marshall and Karl Marx. Modernly, a new line of thought in economics was development trying to demonstrate that education is a determining fator in economic devlopment and that a change in human capital distribution would reduce income inequalities existing among the various social strata of the population. This is the basic conceptions of the so called Hman Capital Theory. It is obvious that one cannot make education the only responsible for solving the socio-economic problems of the people, mainly when one id concerned with a social formation of a dependent capitalist economy, as in the case of Brazil. In this country much emphasis has been given to the question of democratization of educational opportunities, at least, at the planning level in the Federal Government, in the sense of leading toward a reduction of social inequalities. In which sense this democratization fo educational oportunities is taking place at the Federal University of Ceará ? The results of this study show that this University is working, continuously, as another agent which reinforces the income concentration tendency in its course of action and that the youngsters originating from high-income families usually choose those courses whith guarantee a higher social status.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/40768
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:CAEN - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
1982_dis_mtaguimarães.pdf87,82 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.