Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/40372
Title in Portuguese: Formação de agentes comunitários de saúde e enfermeiros no Programa Cresça com seu Filho: potencialidades e desafios
Author: Arruda, Carlos André Moura
Advisor(s): Machado, Márcia Maria Tavares
Co-advisor(s): Sousa, Maria do Socorro de
Keywords: Desenvolvimento Infantil
Atenção Primária à Saúde
Capacitação de Recursos Humanos em Saúde
Avaliação de Programas e Projetos de Saúde
Saúde da Criança
Issue Date: 18-Feb-2019
Citation: ARRUDA, C. A. M. Formação de agentes comunitários de saúde e enfermeiros no Programa Cresça com seu Filho: potencialidades e desafios. 2019. 266 f. Tese (Doutorado em Saúde Pública) - Faculdade de Medicina, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2019.
Abstract in Portuguese: O Programa Cresça Com Seu Filho sustenta-se nos pressupostos teóricos do ciclo de vida da Primeira Infância e dos avanços da neurociência, que indicam a importância do papel desempenhado pela mãe/pai/cuidador(a) principal, como sendo fundamental para reduzir a mortalidade infantil, a desnutrição e capaz de favorecer um cuidar baseado na interação positiva entre mãe e filho. A Formação desenhada para profissionais da saúde para atuarem diretamente nesse programa se torna inovadora na área da saúde coletiva, uma vez que privilegia estratégias e situações de aprendizagem voltadas para o lúdico, a participação ativa do sujeito e práticas pedagógicas problematizadoras. Objetiva-se avaliar as potencialidades e desafios do processo de implantação e implementação da formação de Agentes Comunitários de Saúde e enfermeiros no Programa Cresça com Seu Filho, na construção do seu modelo pedagógico. Trata-se de um estudo mix – método, utilizando abordagem qualitativa e quantitativa, tendo como sujeitos 19 agentes comunitários de saúde e 04 enfermeiros que atuam em quatro Unidades de Atenção Primária à Saúde, da Secretaria Regional VI, do município de Fortaleza/Ceará. Para apreensão do material qualitativo foram realizadas entrevistas não-diretivas, sendo o processamento deste material conduzido por meio do círculo hermenêutico. A coleta de dados do componente quantitativo se deu por meio das fichas de avaliação e relatórios da formação, tendo sido organizados e tabulados no Programa Excel, processados e analisados com a ajuda do Programa GranphPad Prisma. Observou-se que a proposta metodológica e teórica da formação se deu de forma participativa e intersetorial durante períodos concentrados de reuniões semanais. Sobre o material pedagógico (Guia de Formação e Guia de Visitas domiciliares), destaca-se uma satisfação por parte dos sujeitos, uma vez que o material é muito rico em orientações e possui uma linguagem acessível, muito embora apresente algumas repetições. Os sujeitos apontam, também, a importância da teoria ser ressignificada com a prática, por meio dos momentos dos períodos de dispersão entre os módulos, bem como sugerem que a carga horária seja ampliada entre um módulo e outro, como também o tempo da formação no período presencial. Foi unânime a satisfação com os facilitadores e professores convidados para os módulos; a metodologia propiciou o envolvimento e estimulou a aprendizagem. Muitas foram as transformações e 10 mudanças a partir desta formação na vida pessoal e profissional dos sujeitos: olhar diferente para o cuidado com os próprios filhos e outras crianças, a importância do vínculo e do elogio, qualificação da visita domiciliar, a importância de conversar com as mães sobre assuntos relativos ao desenvolvimento infantil, dentre outros. O modelo pedagógico do Programa, a longo prazo, contribuirá para o fortalecimento da atenção e da assistência prestada por esses profissionais junto às mães, pais e cuidadores de crianças de 0 a 3 anos. Para tanto, há a necessidade de rever a carga horária total da Formação e dos períodos de dispersão entre os módulos, a inclusão de novas atividades pedagógicas, revisitar o Guia de Visita Domiciliar, efetivação de um acompanhamento pedagógico pós-formação e ter maior apoio da gestão municipal, em especial, no que tange ao fortalecimento da rede de apoio e supervisão para a efetivação durante o período da formação.
Abstract: The Grow with Your Child Program builds on the theoretical assumptions of the Early Childhood life cycle and the advances in neuroscience that indicate the importance of the role of the parent / primary caregiver as being instrumental in reducing mortality malnutrition and capable of favoring a care based on the positive interaction between mother and child. The training designed for health professionals to work directly in this program becomes innovative in the area of collective health, since it privileges strategies and learning situations using ludic form, active participation of the subject and problematizing pedagogical practices. The objective is to evaluate the potentialities and challenges of the process of estabilishment and implementation of the training of Community Health Agents and nurses in the Grow with Your Child Program, regarding the construction of its pedagogical model. This is a mixed study, using a qualitative and quantitative approach, involving as subjects 19 community health agents and 04 nurses working in four Primary Health Care Units of the sixth regional secretary, in the city of Fortaleza / Ceará. In order to capture the qualitative material, non-directive interviews were carried out, the processing of this material being carried out through the hermeneutical circle. The data collection of the quantitative component was done through the evaluation sheets and training reports, having been organized and tabulated in the Excel Program and Processed and analyzed with the help of the GranphPad Prisma Program. It was observed that the methodological and theoretical proposal of the Training took place in a participatory and intersectoral way during concentrated periods of weekly meetings. Regarding the pedagogical material (Training Guide and Guide for Home Visits), it is noteworthy a satisfaction on the part of the subjects, since the material is very rich in guidelines and has an accessible language, even though it presents some repetitions. The subjects also point out the importance of the theory being redefined with practice, through the moments of the periods of dispersion between the modules, as well as suggesting that the workload be increased between one module and another, as well as the time of formation in the face-to-face period. There was unanimous satisfaction with the facilitators and teachers invited to the modules; the methodology facilitated the involvement and stimulated learning. Many were the transformations and changes from this formation in the personal and professional life of the subjects: different look 12 at the care of their own children and other children, the importance of bonding and praise, qualification of the home visit, the importance of talking to the mothers on issues related to child development, among others. The long-term pedagogical model of the Program will contribute to the strengthening of care and assistance provided by these professionals to mothers, fathers and caregivers of children aged 0 to 3 years. Therefore, there is a need to review the total workload of the Training and the periods of dispersion among the modules, the inclusion of new pedagogical activities, revisit the Home Visitation Guide, carry out a post-training pedagogical follow-up and have greater support from the municipal management to be effective during the training period.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/40372
Appears in Collections:DSC - Teses defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_tese_camarruda.pdf3,34 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.