Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/40013
Title in Portuguese: Efeito do tratamento magnético da água nas diversas fases de Cultivo do camarão marinho Penaeus vannamei
Title: Effect of the magnetic treatment of water in the various stages of cultivation of marine shrimp Penaeus vannamei
Author: Sousa, Rommel Rocha de
Advisor(s): Costa, Francisco Hiran Farias
Keywords: Magnetismo; Reprodução;Tecnologia; Camarão-do-pacífico.
Magnetism, reproduction, technology, Pacific shrimp.
Issue Date: 2019
Citation: SOUSA, Rommel de Rocha. Efeito do tratamento magnético da água nas diferentes fases de cultivo do camarão marinho Penaeus vannamei. 2019.79 f. Tese (Doutorado em Engenharia de Pesca)-Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2019.
Abstract in Portuguese: Comparada a outros países, a carcinicultura brasileira tem tido um desenvolvimento moderado, ocupando uma área inferior a 25.000 hectares. No entanto, nos últimos anos, a produção de camarão tem acelerado na região Nordeste, devido ao aumento da demanda interna e melhoria dos processos tecnológicos. O tratamento magnético da água é um recurso simples no qual a água passa através de um campo magnético e altera algumas de suas propriedades físico-químicas. Recentemente, a tecnologia do magnetismo tem sido aplicada gradualmente na aquicultura para aumentar o crescimento, velocidade de reprodução, a redução da mortalidade em processos de ecdise, incrementando a imunidade e produção de larvas. A presente tese teve como objetivo pesquisar e avaliar o uso da água magneticamente tratada na larvicultura de Penaeus vannamei, a nível comercial. O presente estudo foi desenvolvido nas empresas CELM Ltda, localizada em Aracati-CE, Santorini Aquicultura Ltda., localizada em Fortin-CE e Monólitos Aquicultura Ltda, em Banabuiú-Ce. Para o experimento 1, foram utilizados náuplios para a realização da larvicultura desde o sub-estágio náuplio 4 (N4) até PL11 (Pós larva), durante um período mínimo de 21 dias, na empresa CELM Ltda., com 2 tratamentos e 4 repetições cada, sendo um tratamento controle e um tratamento com tanques contando água magnetizada. Para o experimento 2, foram utilizadas pós-larvas para o cultivo durante a fase de berçário secundário desde PL11 até animais de 0,6 g, durante um período mínimo de 30 dias, na empresa Santorini Aquicultura Ltda. Para o experimento 03, realizado na Fazenda Monólitos Aquicultura – Banabuiú-CE, Foram utilizadas pós-larvas (PL21), oriundas do experimento 1, gerando um total de 2 tratamentos com 2 repetições cada, para o cultivo comercial, sendo um tratamento controle e outro tratamento com larvas que passaram pela fase de berçário em água magnetizada. No setor de maturação a tecnologia de magnetização foi capaz de melhorar os parâmetros reprodutivos dos animais. Na larvicultura foi melhorada a sobrevivência, o peso médio e a produtividade dos tanques. Não houveram diferenças significativas nos experimentos de berçário secundário e no cultivo comercial.
Abstract: Compared to other countries, Brazilian shrimp farming has had a moderate development, occupying an area of less than 25,000 hectares. However, in recent years, shrimp production has accelerated in the Northeast due to increased domestic demand and improved technological processes. Magnetic water treatment is a simple feature in which water passes through a magnetic field and changes some of its physical-chemical properties. Recently, magnetism technology has been gradually applied in aquaculture to increase growth, breeding speed, reduction of mortality in ecdysis processes, enhancing immunity and larval production. The present project aims to research and evaluate the use of magnetically treated water in the larvae of Penaeus vannamei, at commercial level. The present study was developed at the companies CELM Ltda, located in Aracati-CE, Santorini Aquicultura Ltda., Located in Fortin-CE and Monólitos Aquicultura Ltda. For experiment 1, nauplii were used to perform larviculture from the subplot nauplii 4 (N4) to PL11, for a minimum period of 21 days, at CELM Ltda., With 2 treatments and 4 replications each, one treatment and a treatment with tanks counting magnetized water. For experiment 2, post-larvae were used for the cultivation during the secondary nursery phase from PL11 to animals of 0.6 g, for a minimum period of 30 days, at the company Santorini Aquicultura Ltda. Post-larvae (PL21) from experiment 3 were used, generating a total of 2 treatments with 2 replicates each, for commercial cultivation, being a control treatment and another treatment with larvae that passed through the nursery phase in magnetized water. In the maturation sector the magnetization technology was able to improve the reproductive parameters of the animals. In the larviculture the survival, the average weight and the productivity of the tanks were improved. There were no significant differences in the experiments of secondary nursery and commercial cultivation.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/40013
Appears in Collections:PPGENP - Teses defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_tese_rrsousa.pdf725,93 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.