Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/39636
Title in Portuguese: Contribuições de componentes vegetais na qualidade do solo em sistema agrossilvipastoril no semiárido
Author: Nascimento, Carla Danielle Vasconcelos do
Advisor(s): Costa, Mirian Cristina Gomes
Co-advisor(s): Cooper, Miguel
Keywords: Caatinga
Estrutura
Fertilidade do solo
Issue Date: 2016
Citation: NASCIMENTO, Carla Danielle Vasconcelos do. Contribuições de componentes vegetais na qualidade do solo em sistema agrossilvipastoril no semiárido. 2016. 112 f. Dissertação (Mestrado em Agronomia - Ciência do Solo) - Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2016.
Abstract in Portuguese: O estudo de atributos químicos, físicos, bem como da micromorfologia, poderá fornecer subsídios que possibilitem conhecimento mais detalhado da fertilidade e porosidade do solo, permitindo a compreensão de diferenças químicas e estruturais do solo proporcionadas pelas plantas em sistemas alternativos no semiárido. Com base nisso, aventou-se a hipótese de que componentes vegetais (arbustivo, arbóreo e agrícola) possuem contribuições diferenciais na fertilidade e na estrutura do solo sob sistema agrossilvipastoril no semiárido cearense. Neste trabalho o objetivo foi avaliar as diferenças na fertilidade do solo, na distribuição do espaço poroso, bem como no formato e tamanho dos poros de um LUVISSOLO na área de influência de componentes vegetais – arbustivo (Leacaena leucocephala), arbóreo (Poincianera pyramidalis) e agrícola (Zea mays) e em área de regeneração natural. O trabalho foi conduzido em sistema agrossilvipastoril no Centro de Convivência com o Semiárido, pertencente à Embrapa Caprinos e Ovinos, Sobral, CE. As amostragens para análises químicas foram realizadas por tradagens, nas profundidades de 0-5, 5-18, 18-25 e 25-41 cm, na área de influência das espécies supracitadas. As amostras para análises físicas e micromorfológicas foram realizadas coletando-se amostras de estrutura preservada, em perfis correspondentes às áreas de abrangência das espécies, incluindo área de regeneração natural, abrangendo as profundidades citadas. Os atributos químicos avaliados foram: pH, carbono orgânico total (COT), nitrogênio total (N), fósforo total (P), cálcio (Ca2+), magnésio (Mg2+), sódio (Na+), potássio (K+), soma de bases (SB), capacidade de troca catiônica (CTC), saturação por bases (V%), saturação por alumínio (m%) e porcentagem de saturação por sódio (PST). Para avaliar a estrutura, foram analisadas: densidade do solo (Ds), resistência à penetração (RP), permeabilidade do solo intrínseca ao ar (Kar), índices de continuidade de poros (K1 e N), curva característica de água no solo, índice S, porosidade total e distribuição dos poros por forma e tamanho. Os dados dos atributos químicos foram analisados considerando delineamento inteiramente casualizado com parcelas subdivididas no espaço com quatro repetições, os dados físicos considerando delineamento inteiramente casualizado em faixas e quatro repetições e a porosidade pelo método de imagens, delineamento inteiramente casualizado. Mediante significância ao teste F, foi usado teste Scott Knott a 5% de probabilidade. O solo na área de influência dos componentes arbustivo e arbóreo exibiram melhorias na fertilidade e estrutura do solo, com menor densidade, menor resistência à penetração, maior permeabilidade do solo intrínseca ao ar e área total de poros, com predomínio de poros complexos e grandes, que funcionam como rotas alternativas para o crescimento das raízes e favorecem a infiltração de água no solo, contribuindo para a conservação do solo e da água no sistema agrossilvipastoril no semiárido. Concluiu-se que: a superioridade em alguns atributos físicos e químicos na área de influência dos componentes arbustivo e arbóreo reforçam a importância desses componentes na melhoria do solo e sustentabilidade em agroecossistemas semiáridos; com a análise de imagens digitalizadas 2-D foi possível detectar diferenças no solo causadas pelos componentes vegetais, por intermédio de maior detalhamento dos poros quanto à quantidade, ao tamanho e à forma.
Abstract: The study of chemical, physical, as well as the micromorphology may provide support to enable more detailed knowledge of fertility and porosity of the soil, allowing the understanding of the chemical and structural differences ground provided by the plants in alternative systems in semiarid. Based on this, the hypothesis has suggested that plantcomponents have differentials effects in fertility and soil structure under agroforestry system semiarid region of Ceará. In this study the objective was to evaluate the differences in soil fertility, the distribution of pore space, as well as the shape and size of pores of a Aridsol the area of influence of plant components - shrub (Leacaena leucocephala), tree (Poincianera pyramidalis) and agricultural (Zea mays) and natural regeneration area. The work was conducted in agroforestry system in Centro de Convivência com o Semiárido, Embrapa Caprinos e Ovinos, Sobral, CE. Sampling for chemical analyzes were performed at depths of 0-5, 5-18, 18-25 and 25-41 cm, the area of influence of the above species. Samples for physical and micromorphological analyzes were performed by collecting samples preserved structure, corresponding profiles in the areas of coverage of species, including natural regeneration area, covering the depths cited. The evaluated chemical parameters were: pH, total organic carbon (COT), total nitrogen (N), total phosphorous (P), calcium (Ca2+), magnesium (Mg2+), sodium (Na+), potassium (K+), sum of bases (SB), cationic exchange capacity (CTC), base saturation (V%), aluminum saturation (m%) and percentage of sodium saturation (PST). To evaluate the structure have been made: the bulk density (DS), penetration resistance (RP), permeability intrinsic soil air (Kar), continuity index of pores (K1 and N), water retention curve in the soil, S index and total porosity and pore distribution by size and shape. It was image analysis study employed in blocks impregnated with polyester resin and ultraviolet contrast. Data from the chemical attributes were analyzed in a completely randomized design with split plot with four replications in space, the physical data considering a completely randomized design in bands and four replications and porosity by the image method, completely randomized design. By the significant F test was used to test Scott Knott 5% probability. The soil in the area of influence of shrubs and trees components exhibited improvements in soil fertility and structure, with lower density, lower resistance to penetration, increased permeability of the intrinsic soil to air and total area of pores, with a predominance of complex pores and large, which act as alternative routes for root growth and favor water infiltration into the soil, contributing to soil and water conservation in agroforestry system in semiarid region. It was concluded that: the superiority in some physical and chemical attributes in the area of influence of shrubs and trees components reinforce the importance of these components in soil improvement and sustainability in semiarid agroecosystems; with 2-D analysis was scanned images can detect differences in the soil caused by the plant components via pores greater detail as to the amount, size and shape.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/39636
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:PPCS - Dissertações defendidas na UFC
PPCS - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2016_dis_cdvnascimento.pdf2,22 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.