Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/39361
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorBarros Neto, José de Paula-
dc.contributor.authorRocha, Paulo Henrique Gomes da-
dc.date.accessioned2019-02-05T10:58:51Z-
dc.date.available2019-02-05T10:58:51Z-
dc.date.issued2018-08-30-
dc.identifier.citationROCHA, P. H. G da. Proposta de criação do índice de produtividade global para obras residenciais verticais. 2018. 110 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Civil)-Centro de Tecnologia, Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil: Estruturas e Construção Civil, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2018.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/39361-
dc.description.abstractIn a highly competitive business environment and recession of sales, one solution is to optimize production. In this context, productivity studies gain more and more space in the quest to produce more, spending less. However, studying productivity models applicable to civil construction is quite difficult, since the models for evaluating productivity are derived from the series production industry, where most working conditions are predictable, unlike the construction industry, and the amount of unknowns is extensive and quite variable. The objective of this work is to contribute scientifically to the proposal of a global productivity index capable of offering construction managers an instrument that allows the comparison between works and / or between companies in the civil construction sector. At the technical level, this work is justified by the current lack of effective tools for measuring and managing labor productivity, generating a lack of assertiveness of budgets and planning. In order to reach the objectives, the methodology of this study was divided into five phases: bibliometric study, field research, database analysis, proposition of the measurement model and interview with specialists. In the first phase of the research, the analysis of the publications will be carried out from a bibliometric survey, of quantitative and statistical character in order to obtain a base of current bibliographical revision and that covers the main studies in the thematic one. The bibliometric phase addresses the following data: authors, their respective places and institutions of origin, event and year of publication. The second phase contemplates the field research in Ceará construction companies partners of this project, in order to verify the current way in which they work in the calculation of their productivity indexes. With an in-depth analysis of the current methodology of the builders and observation of the trends worked in the national and foreign literature, it is expected to propose a measurement method capable of generating a global productivity index for residential vertical ventures in Fortaleza-CE. The third phase is an analysis of a database of an ERP, where there is data collected from various works and companies, allowing an observation of which data are most collected in the field by the managers. The fourth phase is the initial proposition of a productivity measurement method that should be tested in the later stage. This method proposes to join the observations obtained in the field, to compare them with the literature and with the analysis of the database studied. The last phase contemplates a critical analysis of the proposed method in order to validate it and make necessary adjustments. Finally, this work brings the hh/m2 indicator in its specific measurement methodology as a proposal to create a method capable of measuring the overall productivity of the vertical works' construction systems, representing the efficiency of the work execution team as a whole and making possible a comparative study between works of companies and between companies.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectEngenharia de estruturaspt_BR
dc.subjectProdutividade - Mediçãopt_BR
dc.subjectConstrução civil - Produtividadept_BR
dc.subjectGlobal productivitypt_BR
dc.subjectProductivity measurementpt_BR
dc.subjectConstructionpt_BR
dc.titleProposta de criação do índice de produtividade global para obras residenciais verticaispt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.description.abstract-ptbrEm um ambiente de grande competitividade entre empresas e de recessão nas vendas, uma solução encontrada é otimizar a produção. Nesse contexto, estudos sobre produtividade ganham cada vez mais espaço na busca de produzir mais, gastando menos. Contudo, estudar modelos de produtividade aplicáveis na construção civil é bastante difícil, pois os modelos de avaliação de produtividade são derivados da indústria de produção em série, em que a maior parte das condições de trabalho é previsível, ao contrário da indústria da construção civil, e a quantidade de incógnitas é extensa e bastante variável. Este trabalho visa contribuir cientificamente para a proposição de um índice de produtividade global capaz de oferecer aos gestores de obras um instrumento que permita a comparação entre obras e/ou entre empresas do setor da construção civil. No âmbito técnico, este trabalho justifica-se na atual ausência de ferramentas eficazes de medição e gerenciamento da produtividade da mão de obra, gerando falta de assertividade de orçamentos e planejamentos. Para se atingir os objetivos, a metodologia deste estudo foi dividida em cinco fases: estudo bibliométrico, pesquisa em campo, análise de banco de dados, proposição do método de medição e entrevista com especialistas. Na primeira fase da pesquisa, a análise das publicações foi efetuada a partir de um levantamento bibliométrico, de caráter quantitativo e estatístico a fim de obter uma base de revisão bibliográfica atual e que abranja os principais estudos na temática. A fase bibliométrica aborda os seguintes dados: autores, seus respectivos locais e instituições de origem, evento e ano da publicação. A segunda fase contempla a pesquisa de campo em construtoras cearenses parceiras deste projeto, a fim de se verificar a forma atual com que as mesmas trabalham no levantamento de seus índices de produtividade. Com uma análise aprofundada da metodologia atual das construtoras e observação das tendências trabalhadas na literatura nacional e estrangeira espera-se propor um método de medição capaz de gerar um índice de produtividade global para empreendimentos verticais residenciais em Fortaleza/CE. A terceira fase é uma análise de um banco de dados de uma ERP ligado à construção civil, onde existem dados coletados de várias obras e empresas, permitindo uma observação de quais dados são mais coletados em campo pelos gestores. A quarta fase é a proposição inicial de um método de medição de produtividade que deve ser testado na etapa posterior. Esse método se propõem a juntar as observações obtidas em campo, compará-las com a literatura e com a análise do banco de dados estudado. A última fase contempla uma análise crítica do método proposto a fim de validá-lo e realizar ajustes necessários. Por fim, este trabalho traz o indicador Hh/m2 em sua específica metodologia de medição como proposta de criar um método capaz de medir a produtividade global dos sistemas construtivos de obras verticais, representando a eficiência da equipe de execução da obra como um todo e possibilitando um estudo comparativo entre as obras das empresas e entre empresas.pt_BR
Appears in Collections:DECC - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_dis_phgrocha.pdf2,1 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.